Asteroide

O que aconteceria se um dos planetas desaparecesse repentinamente do sistema solar

O que aconteceria se um dos planetas desaparecesse repentinamente do sistema solar
Curiosidades
há 7 meses

E aí? Tudo bem? Meu nome é Zid e sou de um planeta em um lugar que você chama de galáxia de Andrômeda. Estou no ensino médio e tenho a tarefa de descobrir o que acontecerá com a “perfeita harmonia” do seu sistema solar se ele perder um planeta! Então, eu levo um planeta para longe de vocês com este detonador de raios, e acompanho todas as alterações. Não se preocupe, eu o colocarei de volta! Mais ou menos. Então, vamos lá!

Qual a Altura que Você Poderia Saltar em Diferentes Planetas

Qual a Altura que Você Poderia Saltar em Diferentes Planetas
Curiosidades
há 7 meses

A gravidade é o que mantém seus pés firmemente plantados no chão. É por isso que a pessoa média só pode pular até meio metro de altura. Mas, e se tivéssemos que viver em outro planeta — digamos, Vênus ou Saturno? Vamos descobrir quais dificuldades teríamos que enfrentar por lá.

O que aconteceu com o asteroide depois que ele eliminou os dinossauros

O que aconteceu com o asteroide depois que ele eliminou os dinossauros
Animais
há 7 meses

BUMM! Uma explosão de ondas supersônicas, calor interplanetário, poeira, fumaça... A atmosfera da Terra foi invadida por uma rocha cósmica do tamanho do Everest! Há poucos segundos, esta rocha, pesando trilhões de toneladas, foi arremessada em direção à Terra. Ela poderia voar de Nova York a Anchorage mais rápido do que você pode fritar uma omelete!

Um asteroide que é mais velho que o nosso sistema solar foi descoberto

Um asteroide que é mais velho que o nosso sistema solar foi descoberto
Curiosidades
há 7 meses

Há mais de 20 anos, em 1999, descobrimos uma interessante rocha espacial em forma de diamante. Era um asteroide chamado Ryugu. Seu nome é o termo japonês para “palácio do dragão”. Existe um conto popular japonês por trás dele. Basicamente, é sobre um palácio mágico escondido profundamente debaixo d’água. Nesta história, um pescador visita o castelo viajando nas costas de uma tartaruga. Ele volta à superfície com uma caixa misteriosa.

Os 5 ataques mais destrutivos de asteroides

Os 5 ataques mais destrutivos de asteroides
Curiosidades
há 7 meses

Os asteroides não são tão raros em nosso planeta como podemos pensar. Cerca de 17 mil deles nos visitam todos os anos. Provavelmente você já viu pelo menos um em sua vida — por exemplo, uma estrela cadente. Elas deixam essas caudas brilhantes para trás enquanto atravessam a atmosfera da Terra. É claro, elas só ficam lindas no céu. Se chegassem ao chão, as consequências seriam catastróficas...

Marte também sofreu uma colisão com um asteroide gigante, o que foi trágico

Marte também sofreu uma colisão com um asteroide gigante, o que foi trágico
Curiosidades
há 7 meses

Algo está se aproximando da superfície do planeta. Parece uma bola de fogo que se aproxima cada vez mais a uma velocidade realmente incrível. Logo, torna-se óbvio que a colisão é inevitável! BUM! O impacto deixa uma enorme cratera. Ela evapora milhares de quilômetros cúbicos de rocha sólida. E também desencadeia uma série de desastres naturais terríveis. Sim, eu sei o que você está pensando! Você acha que estou falando da colisão catastrófica que ocorreu há cerca de 66 milhões de anos na Terra. Você sabe, a que foi responsável pela extinção dos dinossauros não-avianos e de 3/4 de todas as outras formas de vida em nosso planeta. Mas não.

A Lua pode não ser o que você pensa que é

A Lua pode não ser o que você pensa que é
Curiosidades
há 8 meses

Está escuro lá fora, são quase 2 da manhã. Você sai e olha para o céu. E aqui está ela, brilhante: a lua cheia. E você pode pensar que sabe muito sobre o satélite natural da Terra, mas deixa eu te perguntar: “Como ele se formou?” A resposta é “ninguém sabe”! Mas, claro, existem teorias. A mais popular, chamada de “teoria do impacto gigante”, afirma que surgiu durante uma colisão entre a Terra e outro planeta, provavelmente menor que o nosso, do tamanho de Marte. E o próprio choque provavelmente aconteceu há cerca de 4,5 bilhões de anos. Outra hipótese — chamada de teoria da captura — afirma que a Lua costumava ser um asteroide ou algum outro corpo errante e se originou em qualquer outro lugar do Sistema Solar. Quando estava passando por aqui, foi pego pela nossa gravidade. Mas nesse caso há uma pegadinha. Nosso planeta e a Lua têm notáveis ​​semelhanças isotópicas e químicas. Então, devem ter uma história ligada, o que significa que ela não poderia ter sido criada em outro lugar.

10 Exemplos da influência brasileira na música e no cinema mundial

10 Exemplos da influência brasileira na música e no cinema mundial
Famosos
há 9 meses

Você sabe o que representa mais o Brasil do que futebol e samba? Muita coisa, já que a cultura brasileira é muito rica e não se limita a apenas esses dois ícones. Aliás, a arte brasileira conquistou o mundo e influenciou diversas produções gringas de sucesso. Neste artigo, exploramos algumas produções internacionais de sucesso que se inspiraram em artistas brasileiros de diversas áreas e até ganharam prêmios. Tem até casos de plágio, confira!

O mistério do primeiro objeto interestelar finalmente explicado

O mistério do primeiro objeto interestelar finalmente explicado
Curiosidades
há 4 meses

Uma parede de fogo se espalha em torno do epicentro do impacto, queimando tudo em seu caminho. As ondas levantadas pela explosão cobrem grandes cidades. E os terremotos são tão fortes que arranha-céus gigantes caem como se fossem um castelo de cartas. Estas são as possíveis consequências da colisão com o primeiro objeto interestelar da história a visitar o nosso Sistema Solar. Nós o descobrimos em 2017, mas ainda não temos certeza do que é. Um asteroide, um cometa ou uma nave espacial de alguma outra civilização. Até agora, os cientistas o chamaram de ʻOumuamua. Soa como uma vaca havaiana. (Muu!)

Como era a Terra antes dos dinossauros?

Como era a Terra antes dos dinossauros?
Curiosidades
há 4 meses

Vamos viajar de volta no tempo agora. Hmm, isso costumava ser difícil. Passamos pela Idade Média, a primeira civilização humana, os antigos ancestrais dos primeiros humanos, os dinossauros, os primeiros animais terrestres, as antigas criaturas marinhas e assim por diante até o início de todos os tempos. E aí está. Esta nebulosa é o nosso sistema solar. Agora, ela é apenas uma nuvem de poeira multicolorida girando, feita dos gases hidrogênio e hélio. Essa nuvem começou a encolher e se tornar mais densa. Existe uma teoria de que houve explosões de supernovas perto da nossa nebulosa. As ondas de choque a pressionaram de diferentes lados até que o centro dela ficou muito pesado. O enorme peso a pressionou e as reações nucleares em cadeia começaram bem ali. Esse centro aqueceu a nuvem e a fez brilhar. Logo ela se transformou em uma esfera densa e foi assim que nosso Sol nasceu. Isso aconteceu há cerca de 4 bilhões e meio de anos.

Como o alarme de fumaça ajudou a detectar um buraco negro gigante

Como o alarme de fumaça ajudou a detectar um buraco negro gigante
Curiosidades
há 4 meses

Você sabe por que o oceano é salgado? Até 1979, nós não sabíamos o motivo! O planeta inteiro é coberto pelo oceano, e não tínhamos ideia a respeito da origem de todo esse sal! Inicialmente, pensávamos que era por causa dos rios, pois eles podem transportar sedimentos e produtos químicos para as águas tranquilas. Isso foi até o final da década de 1970, quando os cientistas se depararam com as chamadas “fumarolas negras”, e perceberam que elas eram a causa das águas salgadas. Elas são, na verdade, fontes hidrotermais localizadas ao longo da dorsal meso-oceânica, e foram geradas a partir de sedimentos de sulfeto de ferro das profundezas do núcleo da Terra.

Como pousar na Lua, passo a passo

Como pousar na Lua, passo a passo
Curiosidades
há 5 meses

Você está sentado em seu assento no vasto espaço aberto, com a Terra atrás de você ficando cada vez menor. Ao seu redor estão os controles e botões para manter a nave espacial intacta. Você e outros dois membros da tripulação estão trabalhando duro nos controles. Pela janela, você vê alguns meteoritos voando, estrelas e planetas ao longe. Você está prestes a ser uma das primeiras pessoas a pousar na Lua após anos de testes e pesquisa. Você deve considerar todos os passos perfeitamente, caso contrário, muitas coisas ruins podem acontecer, como colidir com um asteroide, ou até mesmo ser deixado no vácuo do espaço sem nenhuma maneira de voltar para o caminho certo. Pesquisas mostram que cerca de 1/3o de todos os pousos na Lua enfrentaram muitos problemas.

Um novo mistério em Netuno que nem a NASA consegue explicar

Um novo mistério em Netuno que nem a NASA consegue explicar
Curiosidades
há 4 meses

Na Era Vitoriana, um estranho corpo celeste parece ter surgido em nosso sistema solar. Seria um asteroide? Ou talvez um cometa? Demoramos até outubro de 2017 para percebê-lo e começar a estudá-lo de perto. Foi chamado de Oumuamua — que é “o mensageiro de longe que chegou primeiro”, em havaiano. Não só sua forma é extremamente incomum — altamente alongada e estreita — mas também está acelerando tão rápido que parece que a gravidade do Sol não o afeta muito.

O mistério da montanha que ’põe ovos’

O mistério da montanha que ’põe ovos’
Curiosidades
há 4 meses

A parte mais fria do nosso planeta, a Antártica, continua nos surpreendendo. Dê uma olhada na chamada Cachoeira de Sangue. A água avermelhada cai pelo gelo branco. Os cientistas concluíram que a cor está relacionada ao ferro. A água proveniente da geleira oxida e enferruja quando exposta ao oxigênio, originando a cor vermelha.

A Lua tem cheiro de pólvora, mas por quê?

A Lua tem cheiro de pólvora, mas por quê?
Curiosidades
há 5 meses

Quando as missões Apollo foram lançadas, os astronautas que retornaram da Lua alegaram que a poeira lunar, que é cinza e semelhante à que cobre grande parte da superfície do satélite, tinha cheiro e gosto de pólvora (sim, eles realmente a provavam). Mas o material de que a poeira lunar é feita não é semelhante à pólvora: cerca de metade de sua composição é vidro de dióxido de silício resultantes de impactos com meteoritos. Eles atingem a superfície da Lua a velocidades incríveis, então a alta temperatura faz com que o solo superficial se transforme em vidro e o impacto o quebra logo depois, criando a poeira cinza e pegajosa. O resto dos ingredientes do pó lunar é formado por minerais como ferro, cálcio e magnésio, enquanto a pólvora à moda antiga consiste principalmente de salitre, carvão e enxofre — em outras palavras, o pó lunar não deveria ter cheiro de pólvora, mas tem. Além disso, quando os astronautas trouxeram amostras dele para a Terra, não havia mais cheiro.

12 das maiores descobertas de 2020 que não receberam a devida atenção

12 das maiores descobertas de 2020 que não receberam a devida atenção
Curiosidades
há 5 meses

Em 28 de setembro de 1969, um meteorito do tamanho de uma motocicleta caiu na pequena cidade de Murchison, na Austrália. Moradores que se lembram do incidente dizem que um cheiro estranho e desagradável se espalhou pela cidade naquele dia. Agora, quase 50 anos depois, os cientistas conseguiram descobrir de onde veio aquele cheiro incomum! Ei, não olhe para mim.O meteorito estava coberto de poeira estelar, grãos solares, que se formaram há cerca de 7 bilhões de anos. O cheiro desagradável vinha de uma substância três bilhões de anos mais velha que o nosso planeta e até mesmo que o nosso sol! Muito antes de o nosso sistema solar ser formado, este asteroide voou através das vastas extensões do espaço. Em cerca de dois bilhões de anos em sua jornada, o meteorito foi coberto com a poeira de estrelas extintas. Após mais 5 bilhões de anos à deriva, chegou para causar na terra.

O asteroide foi ainda pior do que pensávamos

O asteroide foi ainda pior do que pensávamos
Curiosidades
há 6 meses

O Sol está nascendo, iluminando árvores, pântanos e plantas enormes da Península de Yucatán. Estamos a 66 milhões de anos antes de hoje. São os últimos dias da Era Mesozoica. Esse mundo tranquilo ainda não sabe que uma rocha do tamanho de uma montanha está vindo em direção à Terra a uma velocidade de mais de 64.300 quilômetros por hora. Parece uma bola de fogo. E ela está crescendo cada vez mais a cada minuto que passa. Logo parece maior que o Sol. Os dinossauros que andam pela Terra pré-histórica ainda não sabem que precisam correr, se esconder, se salvar! Não que isso vá ajudar.

Como os dinossauros poderiam ter evoluído se nunca tivessem sido extintos

Como os dinossauros poderiam ter evoluído se nunca tivessem sido extintos
Animais
há 6 meses

Os dinossauros são uma das criaturas mais fascinantes que já passaram pela Terra. É uma pena que não poderemos ter o Jurassic Park, onde podemos ver algumas das criaturas mais legais ganharem vida. Mas, na verdade, estamos vivendo com algumas criaturas que são tão antigas quanto os dinossauros, como crocodilos e tubarões. Eles não mudaram muito desde que surgiram há milhões de anos. Mas a maioria dos dinossauros não sobreviveu quando o asteroide atingiu a Terra. De certa forma, esse asteroide foi um gigante botão de reinicialização para o planeta. Depois de atingir a Terra, esse viajante espacial eliminou quase todos os seres vivos.

E se vivêssemos dentro dos anéis de Saturno?

E se vivêssemos dentro dos anéis de Saturno?
Curiosidades
há 6 meses

Vamos supor que a humanidade esteja enfrentando uma grande ameaça do espaço sideral. E imagine que um polvo gigante comedor de planetas venha ao nosso sistema solar para comer Vênus, Marte, Terra, Júpiter e outros, exceto Saturno. Portanto, as pessoas decidem se mudar para o gigante de anéis gigantes. Felizmente, elas já dispõem de tecnologias interessantes que lhes permitem fazer essas viagens. Então, rapidamente entramos em naves gigantes, decolamos e voamos para lá. A vida no próprio planeta é impossível porque ele não tem solo firme. Não será possível aterrissar lá. Saturno é uma bola de gás gigante 9 vezes maior que a Terra. Para comparar seus tamanhos, observe uma moeda de 5 centavos e uma bola de beisebol.

12 Mitos comuns que um dia já acreditamos mas que acabaram não sendo verdade

12 Mitos comuns que um dia já acreditamos mas que acabaram não sendo verdade
Curiosidades
há 1 ano

Explorar a ciência pode salvar o dia. Mas muitas pessoas seguem acreditando em certas coisas como se fossem verdades absolutas, quando são apenas mitos. A maioria de nós conhece alguns, e não importa quão absurdo sejam, acabamos por acreditar neles. Começando com aquele sobre adquirir artrite apenas estalando os dedos e terminando com aquele que diz que engolimos 8 aranhas por ano durante o sono...

O primeiro visitante no nosso sistema solar do espaço sideral voou perto da Terra

O primeiro visitante no nosso sistema solar do espaço sideral voou perto da Terra
Curiosidades
há 4 meses

As sirenes tocam, as pessoas correm em diferentes direções em busca de bunkers e abrigos subterrâneos. Dezenas de aviões decolam para proteger a Terra. Tudo porque nossos sensores detectaram uma nave de civilização extraterrestre em nosso sistema solar.Pode respirar aliviado. É apenas um asteroide, embora tenha a forma de uma nave espacial. E é o primeiro objeto interestelar a ser descoberto em nosso sistema solar na história. É chamado de ʻOumuamua.Este objeto chegou aqui do profundo espaço interestelar. Tem uma forma alongada e cerca de 800 metros de comprimento. Ei, é maior que a Torre Eiffel. E estava se movendo em direção ao centro do nosso sistema solar a cerca de 50 quilômetros por segundo e continuava acelerando. Nessa velocidade, você poderia cruzar o Oceano Atlântico em menos de dois minutos.

E se você pudesse assistir ao fim do mundo

E se você pudesse assistir ao fim do mundo
Curiosidades
há 4 meses

Ok, pessoal, segurem-se. Fim do mundo. Primeira tomada. A qualquer momento, Sidnei...No início, parece uma espécie de bola de fogo. Ela fica maior a cada minuto que passa. Logo, parece ser maior que o sol.As pessoas estão paradas no lugar com os olhos grudados no céu. Ainda não perceberam que precisam correr para salvar suas vidas. Não que isso vá ajudar.

Tem alguma coisa piscando na Lua, mas ninguém sabe o que é

Tem alguma coisa piscando na Lua, mas ninguém sabe o que é
Curiosidades
há 4 meses

O telefone da central de atendimento da NASA não para de tocar! O operador está suando, de tanto estresse. Ele mal tem tempo de atender o telefone, e todas as mensagens recebidas dizem a mesma coisa. Tem alguma coisa piscando na Lua. De fato, centenas de milhares de astrônomos amadores estavam observando a Lua naquela noite. E de repente, surgiu uma luz brilhante nela. É como se alguém tivesse acendido um poderoso holofote sobre sua superfície. Os cientistas começaram imediatamente a procurar uma explicação para o fenômeno. Primeiro, pensaram que se tratava apenas do brilho de um avião voando entre os observadores e a Lua. Mas nesse caso, não teria sido visto simultaneamente por tantas pessoas de diferentes partes do mundo.

E se você encaixasse toda a história da Terra em 24 horas

E se você encaixasse toda a história da Terra em 24 horas
Curiosidades
há 4 meses

Meia-noite. A jovem Terra derretida colide com outro planeta chamado Theia. A lua está formada.Da meia-noite às 4 e meia, o planeta e a atmosfera estão se transformando. Os continentes se fundem para formar supercontinentes. Eles se separam novamente. Isso acontece a cada 400 milhões de anos — ou seja, a cada duas horas no relógio.Às 5 e meia, vemos os primeiros organismos unicelulares iniciando a vida no oceano.

17 Descobertas científicas que estão prestes a revolucionar nosso mundo

17 Descobertas científicas que estão prestes a revolucionar nosso mundo
Invenções
há 5 anos

A cada dia que passa, nosso mundo está mais próximo de um futuro de filmes de ficção científica, já que um exército de milhares de especialistas de diferentes áreas trabalha todos os dias para que isso aconteça. Os pesquisadores nunca deixam de nos surpreender: hora anunciam um transplante de cabeça humana bem-sucedido, hora mostram que enviaram um carro Tesla para a órbita terrestre.

9 Anomalias provam: a natureza supera a imaginação de escritores de ficção científica

9 Anomalias provam: a natureza supera a imaginação de escritores de ficção científica
Curiosidades
há 3 anos

Pode parecer que a ciência moderna já explicou tudo sobre o que acontece ao nosso redor. Mas a natureza ainda nos reserva muitas surpresas: crateras misteriosas na areia, uma área de onde é impossível enviar sinais de rádio e dispositivos eletrônicos não funcionam, um tsunami de gelo e outros fenômenos e lugares incríveis que são cobertos por mitos e lendas urbanas. Todos esses acontecimentos fascinam e assustam ao mesmo tempo.