Como o alarme de fumaça ajudou a detectar um buraco negro gigante

Curiosidades
há 6 meses

Você sabe por que o oceano é salgado? Até 1979, nós não sabíamos o motivo! O planeta inteiro é coberto pelo oceano, e não tínhamos ideia a respeito da origem de todo esse sal! Inicialmente, pensávamos que era por causa dos rios, pois eles podem transportar sedimentos e produtos químicos para as águas tranquilas. Isso foi até o final da década de 1970, quando os cientistas se depararam com as chamadas “fumarolas negras”, e perceberam que elas eram a causa das águas salgadas. Elas são, na verdade, fontes hidrotermais localizadas ao longo da dorsal meso-oceânica, e foram geradas a partir de sedimentos de sulfeto de ferro das profundezas do núcleo da Terra.

Lembra dos dinossauros? Eu não. Nem estava por perto na época. Eles desapareceram há muito tempo, mas a forma como isso aconteceu foi debatida na comunidade científica por um longo período (até 1991, pelo menos, o ano em que a cratera Chicxulub foi descoberta). Essa cratera é um grande buraco localizado sob a Península de Yucatán, no México. Muitos afirmam que ela se formou quando um asteroide gigante colidiu com a Terra.

O material mais antigo já encontrado em nosso planeta acaba sendo mais antigo que todo o nosso sistema solar! O meteorito Murchison caiu na Austrália em setembro de 1969, mas só fizemos essa impressionante descoberta depois que uma análise mais recente de seus detritos foi feita em 2020.

Você sabia que existe um arranha-céu de coral escondido debaixo do oceano? E que não tínhamos ideia disso? Somente em 2020 uma equipe de cientistas australianos se deparou com ele ao mapear o norte da Grande Barreira de Corais. Ele tem 500 metros de altura, o que, se você pensar bem, o torna mais alto que o Empire State Building. E sem elevadores.

Você sabe como surgiram as montanhas? Nós não sabíamos até 1966. E isso também diz respeito a terremotos e vulcões. Basta pensar sobre isso. Enviamos homens ao espaço antes mesmo de entendermos como e por que a Terra sob nossos pés começa a se mover de vez em quando.

Somente em 1966, um cientista chamado J. Tuzo Wilson publicou um artigo na revista Nature em que explicava que continentes e oceanos estão em constante movimento. Ele também escreveu sobre a atividade tectônica, explicando coisas como terremotos e como as montanhas se ergueram da superfície da Terra.

Até 2021, não tínhamos mapeado uma sequência completa do genoma humano. O conceito de DNA foi apresentado pela primeira vez por um cientista suíço em 1869. Mas os especialistas desconheciam a estrutura física do DNA, até que Rosalind Franklin e Raymond Gosling tiraram fotos e descobriram que ele se parecia com dois fios torcidos.

Você já se perguntou qual era o maior organismo vivo do mundo? Durante muito tempo, os cientistas também o fizeram, porque só o descobriram em 2000. É um fungo que vive a um metro de profundidade, mas estima-se que ele se espalhe por 9 km². Localizado na Floresta Nacional de Malheur nas Montanhas Azuis do leste do Oregon, é apelidado de cogumelo do mel.

Até 2002 não sabíamos o que havia no centro da nossa galáxia, a Via Láctea! Sabíamos que estávamos girando em torno de algo, mas levamos até o século 21 para descobrir que era um buraco negro supermassivo — com uma massa 4 milhões de vezes maior que o nosso Sol — localizado em uma região da Via Láctea chamada estrela Sagitário A. A descoberta ocorreu depois que criamos o detector de fumaça infravermelho.

Eu mal posso imaginar ter que viajar longas distâncias sem mala de rodinhas, mas elas não haviam surgido até 1970. Se você pensar bem, os astronautas que foram à Lua realmente tiveram que literalmente carregar suas malas para a espaçonave!

O pedido de patente dos EUA para a mala com rodinhas foi concedido em 1972, mas, para ser justo, essas primeiras não eram muito confiáveis. Elas tinham problemas e balançavam, tombavam, pois as malas grandes eram montadas em fundos estreitos com rodas.

Se você olhar fotos das estrelas de cinema da década de 1940, verá que seus cabelos eram bonitos e penteados para trás. Você sabia que, com base em descobertas recentes, até os antigos egípcios usavam uma substância para modelar o cabelo? O que eles usavam, no entanto, não era gel, se é isso que você está pensando, pois só tivemos essa invenção na década de 1960. O que as pessoas usavam para pentear o cabelo na década de 1940 era um creme chamado Brylcreem, que tinha uma consistência mais de uma cera, e foi inventado em 1929. O gel de cabelo como o conhecemos hoje veio um pouco mais tarde e foi inventado por um homem chamado Luis Montoya. O gel logo virou moda, pois não era tão gorduroso quanto os produtos anteriores.

Falando em banheiros, nos tempos da Roma Antiga eles usavam tipos de... bem... “dispositivos de limpeza” que eram bastões com uma esponja na ponta. Folhas de papel perfumadas individualmente, que tinham a mesma finalidade, parecem ter sido documentadas na China em 589 d.C. No entanto, nos EUA, o “papel para sanitários” foi comercializado no final da década de 1850. Mas a variante macia e confortável do papel higiênico foi comercializada apenas na década de 1930, com a vantagem adicional de ser completamente “livre de farpas”. E acho que todos nós podemos ficar felizes com isso.

Essa pode não parecer tão recente, mas veja só: pesquisas modernas revelaram que os anéis de Saturno têm menos de 100 milhões de anos por aí. Pode parecer muito, mas, se você pensa que o sistema solar se formou há cerca de 4,5 bilhões de anos, isso muda um pouco sua percepção, certo?

Existem espécies de tubarões na Terra que vivem em nossas águas há quatro vezes mais tempo do que os anéis de Saturno. Descobrimos isso usando dados recentes sobre a massa dos anéis de Saturno e sua proporção de poeira e gelo.

Com muitos de nós recorrendo cada vez mais ao e-commerce nos dias de hoje, é um desafio olhar para o supermercado tradicional como uma invenção revolucionária. Mas eles também não existem há tanto tempo assim como você pensa. Sabe como surgiu o primeiro deles? Em 1916, um dono de loja chamado Clarence Saunders precisava de uma solução para tornar sua atividade menos trabalhosa, já que fazer compras naquela época significava ter que escolher todos os produtos nos corredores e até entregá-los aos clientes.

Ele então pensou em um novo layout de loja com catraca na entrada. As pessoas tinham que percorrer a loja em uma única direção. Ele também cuidou para que elas passassem por todos os produtos disponíveis. Os clientes podiam escolher seus próprios itens e tinham que levar seus produtos para casa. O dono da loja pode baixar seus preços com a maior eficiência, pois precisava de menos pessoas para tocar o negócio.

Você sabia que ainda existe um estado nos EUA onde o uso do cinto de segurança não é obrigatório? Historicamente, o uso do cinto de segurança era opcional. Mas, do jeito que as pessoas eram, a segurança precisou de mais imposição. O estado de Nova York foi o primeiro a aprovar uma lei que exigia o uso do cinto de segurança ao dirigir, mas apenas em 1º de dezembro de 1984. Ainda assim, até hoje em New Hampshire não há leis sobre o assunto.

O abridor de latas moderno, aquele de girar, foi introduzido no mercado pela primeira vez em 1870. Isso pode não parecer importante, mas é estranho quando você pensa que os alimentos enlatados já estavam disponíveis há algumas décadas. Antes dessa invenção, nos diziam para cortar literalmente ao redor do topo da lata, perto da borda externa, com um cinzel e um martelo. Você tem uma refeição e já aproveita para malhar, tudo de uma só vez.

Sabia que o tempo padronizado tornou-se obrigatório por lei apenas em 1880? O sistema atual que usamos, o GMT, que significa Hora do Meridiano de Greenwich, tornou-se uma prática comum na maioria dos países ainda mais tarde, lá pelo final da década de 1920.

Costumávamos estimar as horas observando a posição do Sol no céu. Então evoluímos para o uso de relógios, mas eles ainda dependiam da posição do Sol em determinada cidade ou vilarejo. Isso significava que o tempo poderia diferir ligeiramente entre duas comunidades vizinhas. E isso não era grande coisa para nós até a invenção dos trens. À medida que começamos a viajar mais rápido e em distâncias maiores, precisávamos descobrir uma maneira de saber quando um trem sairia e chegaria a determinado destino, o que poderia ser útil para todos os viajantes em vários locais. E, francamente, já estava na hora.

Comentários

Receber notificações
Sorte sua! Este tópico está vazio, o que significa que você poderá ser o primeiro a comentar. Vá em frente!

Artigos relacionados