Você não precisa acordar às 4 da manhã para ser bem-sucedido

Saúde
há 6 meses

Se você se sente culpado pela hora em que acorda, não fique assim! (Aposto que não, né...) Não é necessário ficar sem dormir ou mudar seus hábitos de sono para ser bem-sucedido. Por exemplo: o primeiro-ministro britânico Winston Churchill gostava de acordar ao meio-dia, e olha que ele tinha que governar um país inteiro! Há muitos CEOs que preferem começar a trabalhar tarde. O co-fundador do Reddit, Alexis Ohanian, o CEO do Buzzfeed, Jonah Peretti, o investidor Warren Buffet e Elon Musk adoram dormir até tarde. Muitas pessoas bem-sucedidas são mais produtivas à noite.

Tom Lehman trabalha das 3 às 10 e meia da manhã. E esse horário estranho não o impede de gerenciar bem a Genius. Mas isso não quer dizer que você tem que acordar tarde para ter sucesso na vida. Muitos famosos ricos acordam no mesmo horário em que pessoas comuns estão indo para a cama. O CEO da Apple, Tim Cook, desperta às 3:45 da manhã. O Ator Dwayne “The Rock” Johnson começa seu treino às 4 da madruga. Seu colega Mark Wahlberg acorda ainda mais cedo, às 2:30 da manhã. Oprah Winfrey, Michelle Obama, o escritor Dan Brown, o CEO do Starbucks Howard Schultz e muitas outras pessoas bem-sucedidas começam a trabalhar antes mesmo de o sol nascer.

Acordar cedo fez essas pessoas ficarem ricas e famosas. Elas despertam mais cedo que a maioria, então estão alguns passos à frente. Enquanto todo mundo dorme, nada as distrai. Seus filhos, marido, esposa e amigos ainda estão na cama. Então, podem usar esse tempo para correr no parque, estudar ou trabalhar. Começar cedo é produtivo, chique e legal! Mas não esqueça que é preciso ter pelo menos 7 horas de sono por dia. Despertar cedo pode ser muito produtivo, mas isso não quer dizer que você TEM que fazer isso. Pense sobre a última vez em que acordou mais cedo do que de costume. Foi mais ou menos assim?

O barulho irritante do despertador o arranca do sono. O quê...? Onde estou...? Você fica confuso e desorientado. Suas pálpebras estão pesadas como halteres, e sua cabeça começa a latejar. Você toma um banho, escova os dentes e engole uma xícara de café sem nem mesmo pensar no que está fazendo. E percebe que está sem foco, fazendo tudo roboticamente, sem prestar muita atenção. Ao olhar para o haltere, sente que deveria treinar, mas está muito cansado! Talvez amanhã. Se você sofre assim para acordar cedo, não se castigue só para ser mais produtivo. Todos os benefícios de sair cedo da cama podem ser adquiridos em outros horários também. Não haverá nenhuma perturbação quando você trabalhar ou malhar à noite também, e seu corpo pode sentir mais à vontade com esse horário.

O segredo é descobrir o que o torna mais produtivo, e fazer isso. Muitas pessoas podem ser categorizadas como corujas ou pássaros madrugadores. As primeiras trabalham bem à noite, enquanto os madrugadores funcionam melhor de manhã. As corujas gostam de acordar tarde e dormem depois da meia-noite. Tem gente que até prefere trabalhar noite adentro, indo para a cama só depois que o dia amanhece, ou até mais tarde. Essas pessoas geralmente são mais eficientes após às 2 da tarde. Os madrugadores costumam ir para a cama às 10 da noite, e acordam entre 4 e 6 da manhã. Eles se sentem melhores de manhã, e são mais produtivos logo após despertarem.

Existe também um terceiro grupo, menos conhecido, que não se encaixa em nenhuma dessas categorias e é comparado aos pombos. São pessoas que se sentem bem tanto de manhã quanto à noite. O horário da produtividade depende das características fisiológicas. A genética, o humor e até a idade são muito importantes. Quanto mais jovem a pessoa é, mais provável que seja uma coruja. E quanto mais velha, maior a probabilidade de que seja uma madrugadora. Entre 1 e 3% das pessoas conseguem ir dormir às 11 da noite e acordar às 5 da manhã. Não por que sejam mais trabalhadoras ou dedicadas, são apenas sortudas, pois precisam de menos sono para ficar de pé. Uma mutação no gene DEC2 faz com que o corpo funcione bem mesmo após dormir pouco.

Nosso sono é prejudicado quando temos níveis anormais do hormônio orexina, e essa mutação ajuda a manter isso sob controle. Não há frase motivacional ou qualquer conselho de coach que consiga fazer você se tornar bem-sucedido e rico se o seu biorritmo estiver quebrado. É preciso descobrir em qual horário funciona melhor, e descansar bem. É essencial desenvolver uma rotina consistente de sono e acordar no mesmo horário todos os dias. O corpo humano funciona como um reloginho biológico de 24 horas, então precisamos de um ritmo estável para que tudo dê certo. Nosso cérebro usa a luz para sincronizar esse relógio. Quando nossos olhos veem que está claro lá fora, todas as células vivas do nosso corpo reagem a isso.

Às 9 da manhã, sua produção de testosterona está em seu nível mais alto. Às 10, você fica mais atento. Às duas e meia da tarde, tem a melhor coordenação motora e, às três e meia, apresenta as melhores reações. Quando chega a meia-noite, o corpo se acalma, e às duas da matina a fase mais profunda do sono começa. Ah, isso tudo pode variar. Quando viaja para outro fuso horário, é comum que o relógio do nosso corpo fique dessincronizado. A manhã e a noite são diferentes da sua casa, e o sol nasce e se põe em horários diferentes também. Essa confusão é chamada de jet lag.

Quando você força seu corpo a acordar ou a dormir em um horário diferente, acaba atrapalhando o funcionamento do seu relógio biológico. Isso pode causar insônia, sonolência, baixo desempenho e até depressão. É por isso que é importante ir para a cama e acordar nos mesmo horários, inclusive aos sábados e domingos. Fazer isso garante que você fique sempre bem-descansado e ativo nos horários mais importantes.
Caso se sinta sobrecarregado de manhã, temos algumas dicas que podem ajudá-lo a ter um dia mais produtivo.

Nunca aperte o botão soneca do despertador. Os ciclos de sono duram cerca de 45 minutos, então, quando você se deita por mais 10 minutos, fará seu corpo ficar mais sonolento quando de fato se levantar. Abra mão dos seus gadgets antes de ir pra cama. Sim, eu sei que você já ouviu isso mil vezes. Mas pode acreditar, é muito importante. As pessoas costumam ir para a cama, apagar as luzes e passar mais um tempinho trocando mensagens com os amigos ou checando as redes sociais antes de fecharem os olhos para dormir. Quando se faz isso, a luz da tela atinge a retina do olho, e o cérebro recebe um sinal de que ainda é dia. Isso é péssimo, mas o pior é que faz o corpo suprimir a produção de melatonina.

Esse é o hormônio usado para nos fazer ficar com sono e prontos para descansar. É essencial não atrapalhar a sua produção. Meia hora mexendo no celular é suficiente para acabar com ele — isso puxa os ponteiros do seu relógio biológico para trás, prejudicando o seu sono. Consequentemente, será mais difícil ser produtivo durante o dia, pois você se sentirá cansado e sonolento.
Comece o dia se exercitando. Até uma caminhada rapidinha ouvindo suas músicas preferidas trará ótimos benefícios. Os ritmos biológicos nos ajudam a resolver problemas complexos. Sem eles, não conseguiríamos terminar um projeto, passar na prova nem encarar um engarrafamento a caminho do trabalho. Mas alguns povos desenvolveram ritmos diferentes.

A incrível tribo Pirahã vive na selva amazônica e tem um das linguagens mais fascinantes do mundo, mas não é só isso. Seus integrantes quase não precisam dormir! O sono deles é dividido em duas partes — dia e noite. Cada uma dura de 15 minutos a 2 horas. Isso é praticamente nada comparado às 7 ou 9 horas da maioria do resto do mundo, sem interrupção. Os Pirahãs acreditam que o sono faz as pessoas ficarem fracas, então dormem o mínimo possível. Esse ciclo anormal provavelmente é resultado da necessidade de se proteger contra os animais perigosos da região. Quando alguém está em sono profundo, pode não ouvir uma cobra venenosa ou uma onça-pintada.

O estilo de descanso dos Pirahãs já chegou ao mundo moderno também. As pessoas começaram recentemente a experimentar a ideia do sono polifásico. Ele é quebrado em intervalos, em vez do nosso velho descanso ininterrupto. Por exemplo: quem está em um ciclo de sono polifásico pode dormir durante duas horas, depois trabalhar 4, dormir mais duas, e daí por diante. Há algumas situações nas quais esse método é muito benéfico. A cada quatro anos existe um evento chamado Vendee Globe, que é uma regata ao redor do mundo. Ela começa na costa da França, e os barcos percorrem 35 mil quilômetros.

A corrida acontece nas difíceis condições naturais do Hemisfério Sul. Os participantes devem obedecer algumas regras: precisam completar a regata sozinhos, sem ajuda, e sem parar. O melhor resultado da história dessa competição foi de 74 dias, 3 horas, 35 minutos e 46 segundos. Você deve estar se perguntando como os atletas conseguem dormir em tais condições. Afinal, precisam fazer tudo sozinhos, e a corrida não para. A resposta é o sono polifásico. Já pensou participar dessa competição de volta ao mundo? Aquelas ondas gigantes jogando seu iate de um lado para outro, como se fosse uma pena... a força colossal do vento rasgando suas velas... a água gelada batendo contra o seu rosto...

Você, suas roupas, seu barco — tudo cheiraria a sal e algas. Quando o oceano desse uma trégua, você correria para o porão, se jogaria na cama e dormiria instantaneamente. Claro, TERIA que fazer isso. Vai saber por quanto tempo mais precisaria operar o barco antes de pegar no sono de novo?! Após 20 minutos, você acordaria e continuaria a corrida, e cochilaria mais um pouco 1 hora depois. Isso se tiver sorte... se os competidores da regata não fizessem assim, essa disputa seria impossível.

Em alguns países, há uma condição chamada “sono de lobo”. Quando esses animais estão dormindo, escutam tudo ao seu redor, e acordam rapidinho se precisarem se defender.

Os cientistas notaram que os animais maiores costumam dormir menos. As girafas têm de uma a cinco horas de sono por dia. O estranho é que esse período curto é interrompido ainda mais. Elas geralmente descansam em intervalos curtos de alguns minutos. Os elefantes dormem só duas horas por dia. Seu cachorro, por outro lado, passa 50% da vida dormindo. Sim, igual a você nos feriados. A criatura mais dorminhoca do reino animal é o tatu-peludo gigante. Ele tem incríveis 20 horas de sono por dia. Tecnicamente, os golfinhos ficam sempre acordados. É que eles conseguem colocar metade do cérebro para descansar. Quando o hemisfério direito do cérebro está adormecido, o olho esquerdo fica fechado. Quando é o lado esquerdo que está desligado, o olho direito se fecha.

Já pensou se você conseguisse dormir enquanto corre? Claro, nos humanos isso é impossível. Mas as aves sabem como fazer isso enquanto voam. As fragatas são capazes de passar 10 dias no céu. Elas dormem menos de uma hora por dia, e também desligam um dos hemisférios do cérebro. Enquanto o olho direito está fechado, o hemisfério esquerdo fica acordado e controla o voo. Em determinado momento, o pássaro adormece completamente e cai feito uma pedra. Por sorte, geralmente acorda poucos segundos depois, e continua a voar antes de bater no chão! Ufa, ainda bem!

Comentários

Receber notificações
Sorte sua! Este tópico está vazio, o que significa que você poderá ser o primeiro a comentar. Vá em frente!

Artigos relacionados