Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração
Incrível

Mãe cria “pais de bolso” para crianças que sofrem de ansiedade pela separação quando vão à escola

1-1-
801

As crianças pequenas são muito sensíveis às mudanças. Portanto, promover um apego saudável e fornecer ferramentas para que lidem com as diversas situações que precisam enfrentar é uma tarefa fundamental dos pais.

Com isso em mente, uma mãe inventou uma maneira de sempre estar com o filho, mesmo quando se separavam. Assim ele passou a frequentar a escola sem sofrer tanto os efeitos da ansiedade causados pela separação. E os resultados foram muito positivos.

Incrível.club admira seu trabalho e apresenta essa alternativa criativa para diminuir a ansiedade de crianças quando precisam se separar dos pais ou perdem um ente querido.

O temido primeiro dia de aula

A americana Debbie Lynn Rutkowski é mãe de Nathan, de 9 anos de idade, e Leo, de 5. Quando Nathan estava prestes a entrar no Jardim de Infância, tanto a mãe quanto o filho se sentiram muito mal. Ele não queria deixar sua rotina ao lado da mãe e se mostrava muito ansioso com isso. Debbie também sofria de vê-lo assim, então começou a pensar em soluções para dar alguma paz de espírito ao filho em seu primeiro dia de aula. Ela sabia que muitas ideias eram inviáveis, como levar seu cobertor, algum bicho de pelúcia ou alguma peça dela.

Objetos para levar para todo lugar

Diante disso, Debbie começou a reunir materiais para criar uma “mamãe portátil” bem pequena, de aproximadamente 2 centímetros, que pudesse acompanhá-lo o tempo todo. Ela a prendeu no cinto de Nathan, para que não houvesse risco de perdê-la e isso não se tornasse uma grande distração para ele na escola. A reação de Nathan ao ver essa pequena criação foi surpreendente.

Acompanhamento constante

“Brilha, brilha, estrelinha, você sabe o quanto é amada?”

Nathan ficou aliviado ao saber que “teria” a mãe com ele o dia todo. E não apenas levou sua “mãe” durante o primeiro dia de aula, como durante todo o Jardim de Infância até a primeira série. Debbie também assegura que esse bonequinho ajudou o filho durante a mudança de escola, reduzindo os níveis de ansiedade, por se sentir na companhia da mãe o tempo todo.

Com múltiplos propósitos

Essa reação de Nathan empolgou tanto Debbie que ela decidiu compartilhar sua criação com pais que querem ajudar seus filhos a lidar com situações que geram ansiedade, como o divórcio, a separação temporária dos pais, mudanças de escola ou de casa, problemas na hora de dormir, a distância de pais que sempre viajam ou são militares e com a perda de um ente querido. Mas esses bonecos não servem apenas para os pequenos, mas também para jovens que ingressam na universidade ou que prestam serviço militar. Não há limite de idade para usá-los.

Personalidades únicas

Esses “pais de bolso” são feitos à mão. Debbie recebe os pedidos em seu site, com indicações de todas as características físicas de quem será feita a réplica em miniatura. Quanto mais detalhes forem compartilhados, melhor será o resultado. Obviamente, como são feitos à mão, podem levar de 3 a 5 dias para serem enviados aos seus destinos. Também existe a opção da entrega expressa.

Para todos os gostos e necessidades

Debbie diversificou seus desenhos e os adapta de acordo com sexo, idade, cor da pele e até fez alguns desenhos com marcas sensoriais, com texturas diferentes e alguns que mudam de cor quando entram em contato com o calor da mão ou do bolso. Também lançou alguns modelos com asas, para aqueles que perderam um ente querido e outros com imagens de animais de estimação. Seus preços variam entre o equivalente a 38 e 50 reais.

O que você achou desses “pais de bolso” para acompanhar seus filhos na hora de reduzir a ansiedade? Deixe sua opinião nos comentários.

1-1-
801
Compartilhar este artigo