Incrível
Incrível

20 Internautas que saem do trabalho, mas o trabalho parece nunca sair deles

Alguns profissionais são facilmente reconhecidos no dia a dia. Por exemplo, os professores são reconhecidos pelo seu costume de querer “coordenar” todo mundo, os contadores usam suas habilidades de planejamento para controlar o orçamento familiar e os comerciantes gostam de organizar as mercadorias de outras pessoas nas prateleiras das lojas. Afinal, passamos grande parte de nossas vidas no trabalho e, naturalmente, isso reflete em nossos hábitos, modos de pensar e na nossa forma de se comunicar.

Nós, do Incrível.club, ficamos impressionados como as pessoas são afetadas de maneira diferente por sua paixão pelo que fazem. E enquanto alguns sempre sabem a coisa certa a fazer e justamente por isso não o fazem, outros, pelo contrário, não conseguem se livrar dos hábitos automáticos. E como será que é viver com pessoas assim? Confira!

  • Percebi que era hora de maneirar no trabalho quando, saindo com uma colega à noite, me deparei com o segurança e ele nos disse: “Por que vocês ainda estão aqui tão tarde? É sexta-feira! A esta hora deveria estar vendo vocês todas bonitas e arrumadas, mas não é o caso”. Olhamos uma para a outra e percebemos que não estávamos muito apresentáveis. Bem, trabalhamos em um salão de beleza de luxo. © Overheard — Aqui falam sobre você / VK
  • Meu pai é um carpinteiro renomado e muito conhecido. Minha irmã e eu dormimos no chão por alguns anos porque ele queria fazer nossas camas, mas não tinha tempo. © hairlikemerida / Reddit
  • Existe um tipo de fotógrafo que tira fotos profissionais para vender depois. Qualquer coisa pode ser usada para fotos futuras: “Esta barra de chocolate é um adereço ou já pode comer?”, “Não ouse tocar nesta teia de aranha no canto, é um detalhe maravilhoso”. Escolher os produtos para fotografar é um pouco desconcertante. Na farmácia: “Me dê algum remédio com pílulas coloridas e brilhantes. O vendedor, olhando para o segurança: “Para que você precisa delas?” “Não importa, desde que sejam bonitas”. No supermercado: “Me dê um peixe, mas me mostre a cara, quero que tenha os olhos esbugalhados”. © nataein / LiveJournal

“A cozinha que faço para os clientes vs. a minha cozinha”

  • Meu marido é chef. Não frequento restaurantes porque: “Pagar tão caro por uma salada quando o custo é quase nada?” Bem, e você acha que pelo menos como bem em casa? Não. Em casa só tem macarrão, frango cozido e o prato assinatura: caldo com ovo. © XBATuTxABATb / Pikabu
  • Trabalhei como carteiro por cerca de quatro anos e ainda continuo procurando a caixa de correio em todas as casas por onde passo. © Wishiwastaller / Reddit
  • Sou adestrador e trabalho em um abrigo onde acolhemos e treinamos cerca de 60 cães resgatados. Parte do treinamento é mantê-los calmos lá dentro. Um firme e alto “silêncio” é o que usamos. Hoje, enquanto dirigia disse “silêncio!” para uma mosca zumbindo no meu carro. Faço isso várias vezes por acidente. © Dundunk234 / Reddit
  • Trabalho como fiscal em uma empresa verificando as datas de validade das mercadorias. E isso se tornou um hábito tão forte que os vendedores do mercadinho perto da minha casa deixaram de me cumprimentar. Isso porque quando vou para o caixa, levo minhas compras em uma mão e na outra, os produtos vencidos que encontrei. E não digo nada de mais, mas sempre ficam ofendidos. © Zlodeykkka / Pikabu

“A churrasqueira que meu marido faz para os clientes vs. a nossa churrasqueira”

  • Comecei minha vida profissional como técnico em um laboratório e ainda tenho o hábito de contar todas as minhas ações. Se eu não fizesse isso, o resultado poderia dar errado. Até hoje quando estou cortando pepinos, por exemplo, conto quantas vezes cortei, quantas vezes mexo a sopa. Quando percebo que estou fazendo isso, começo a rir. Já se passaram tantos anos, mas esse hábito já está firmemente enraizado em mim. © Tatiana / AdMe
  • Um dia, saindo de casa, vi meu carro batido. E o pior, tinha muito espaço ao redor. A culpada estava lá choramingando, e disse: “Foi um acidente, me atrapalhei”. E continuou: “Ligue para o meu marido, ele vai resolver isso”. Peguei o cartão de visita dele e dizia: “Alexandre. Aulas de direção”.
  • Trabalhei em um suporte técnico por alguns anos. Um dia, estava sentada trabalhando e recebi uma mensagem de um homem dizendo: “Vamos ser amigos”. Respondi: “Olá, prefiro interagir com minha família. Obrigada pelo interesse. Se tiver qualquer outra pergunta, não hesite em fazê-la. Tenha um bom dia!” © lalaka94 / Pikabu
  • Sou veterinária e não consigo encontrar os cachorros dos meus amigos sem verificar as orelhas, dentes e pele. “Awn, ele é tão fofo! Você sabia que ele tem uma rachadura no pré-molar dele?” © SaithSiro / Reddit

“O carro do nosso pintor”

  • Trabalhei no setor de varejo de moda por dois anos e meio. Me pego sempre ajeitando as peças enquanto estou fazendo compras. Por alguma razão, esse hábito não se aplica a organizar meu próprio guarda-roupa. © mezmezmez / Reddit
  • Trabalhei como engenheiro em uma usina metalúrgica. A chefia exigia relatórios diários sobre o trabalho realizado com o tempo gasto, além dos planos para o dia seguinte. Em casa, à noite, quando minha esposa estava fora, tentava encontrar um lugar para escrever todas as tarefas domésticas feitas durante a noite, incluindo os planos para o dia seguinte. © Azazandel / Pikabu
  • Tenho um maine coon. E passo muito tempo o fotografando. Para fotografar um gato na pose certa, uso acessórios para atrair a atenção dele. Por causa disso, fotografar pessoas sem tentar chamar a atenção delas é muito desconfortável. © LLea / Pikabu
  • Sou metrologista (especialista em controle de equipamentos de medição — Nota Incrível.club) com experiência, ou seja, adoro precisão em tudo. Uma vez, eu tive meu cartão bancário bloqueado por causa de um hábito profissional. Na metrologia, ao fazer cálculos, geralmente se arredonda para cima. Então, ao digitar a senha no caixa eletrônico, eu arredondei o último dígito (por exemplo, em vez de 4, digitei 5), e fiz isso três vezes. © Ksaverija / AdMe
  • Trabalho em um jardim de infância e, como resultado, desenvolvi o hábito de conversar com pessoas que me irritam da mesma maneira que falo com as crianças. É meio estranho falar com um amigo dizendo “já chega” para fazê-los parar. © Zanizu / Reddit
  • Tenho duas especializações e duas faculdades. Uma delas é em design de moda. Quando assisto a filmes pós-apocalípticos, o enredo sempre fica de lado. Presto mais atenção nas roupas dos personagens e nos acessórios. Recentemente, assisti Army of the Dead: Invasão em Las Vegas. A rainha zumbi estava usando um vestido simples, mas bem interessante com um cocar e ombreiras. Eles deviam estar usando pedaços de lona com arame, mas posso ver claramente um ateliê com zumbis com senso de moda costurando vestidos com pedraria e strass. © MagicoCS / Pikabu

Como o seu trabalho afeta o seu dia a dia? Conte para a gente na seção de comentários.

Incrível/Gente/20 Internautas que saem do trabalho, mas o trabalho parece nunca sair deles
Compartilhar este artigo
Você pode gostar destes artigos