Incrível
Incrível

O que pode acontecer com o seu corpo ao comer aveia todos os dias

Dizem que o café da manhã é a refeição mais importante do dia. Pode parecer clichê, mas é um dado confirmado por médicos e nutricionistas. Além disso, há estudos que apontam que o consumo de aveia pela manhã ajuda a reduzir o risco de acidente vascular cerebral (AVC). Por isso, falaremos um pouco mais sobre a aveia e explicaremos os sete benefícios ao organismo de quem inclui esse cereal nas suas refeições diárias.

O Incrível.club fez uma pesquisa para conhecer um pouco mais sobre os benefícios do consumo frequente desse rico alimento e agora vai compartilhar as descobertas com você, leitor! Confira!

1. Ajuda na formação e na regeneração dos músculos

Uma porção de 100 gramas de aveia pode conter até 13,9 gramas de proteína, ajudando aqueles que buscam ganhar massa muscular, além de ser benéfica para repor essa substância no organismo, após o treino. Os nutrientes presentes na aveia também auxiliam na recuperação dos músculos.

2. Possui altos níveis de antioxidantes

De acordo com um estudo, a aveia é rica em antioxidantes, especialmente a avenantramida. Esta substância, aliada à vitamina C, desempenha uma função fundamental nos processos de inflamação. Outra pesquisa mais recente avaliou mulheres mais jovens e mais velhas após a prática de corrida em declive, conhecida por seu potencial de gerar inflamações nos músculos. O grupo que consumiu biscoitos com alta concentração de aveia, apresentou índices inflamatórios no sangue bem menores do que o grupo que consumiu biscoitos com baixo teor do cereal.

3. Dá muita energia ao organismo

A aveia é rica em carboidratos saudáveis e de digestão lenta, podendo proporcionar muita energia ao organismo. É consenso entre diversos especialistas que o consumo do cereal durante o café da manhã traz benefícios para um melhor desempenho das atividades do dia a dia.

4. Ajuda a perder peso

O consumo diário de aveia, desde que feito na quantidade adequada, pode contribuir para a perda de peso. Isso porque a aveia é rica em fibras e estas, por sua vez, ajudam a transmitir a sensação de saciedade ao organismo. Além disso, os carboidratos presentes no cereal são conhecidos por serem de absorção mais lenta. Por isso a aveia pode ser uma boa aliada para a regulação do apetite.

5. Ajuda a diminuir o colesterol ruim

A aveia contém a fibra chamada beta-glucano, que interfere diretamente na reabsorção do ácido biliar, ajudando a reduzir o colesterol ruim (LDL) no sangue. Por esse motivo, há indícios ainda de que os nutrientes presentes no grão contribuem significativamente para a diminuição da pressão arterial e dos riscos de doenças cardíacas.

6. Diminui o risco de doenças cardíacas

As propriedades da aveia contribuem para a manutenção das células cardíacas. Especialistas acreditam que, devido ao seu elevado poder antioxidante, o consumo diário do cereal aumenta a produção de óxido nítrico, o que melhora o relaxamento das células presentes na parede vascular e auxilia a boa circulação sanguínea.

7. Ajuda na digestão

Por ser fibra, a aveia ajuda a regular a digestão e o funcionamento do intestino, por isso é bastante indicada para evitar problemas como constipação, por exemplo. Além disso, o consumo de aveia favorece o aumento da produção de bactérias indispensáveis para o bom funcionamento do trato digestivo.

Bônus: Mantém a pele bonita e saudável

Os benefícios do uso tópico de cremes com extratos de aveia já são velhos conhecidos, pois são usados há centenas de anos para hidratar e fortalecer a pele e também no tratamento de eczema, coceira, queimadura solar e erupções cutâneas, graças ao poder dos seus componentes em reduzir as ocitocinas (hormônios) pró-inflamatórios. Por isso mesmo é que é bastante comum encontrar produtos cosméticos e dermatológicos com aveia.

O que você achou dessas dicas? Você costuma comer aveia toda manhã? Tem alguma receita para compartilhar com nossa equipe? Deixe sua opinião nos comentários.

Incrível/Dicas/O que pode acontecer com o seu corpo ao comer aveia todos os dias
Compartilhar este artigo
Você pode gostar destes artigos