“Desde os 14, trabalhei 13 horas por dia na cozinha”, a história do chef criador do bife de ouro

Famosos
há 7 meses

O chef turco Nusret Gökçe, mais conhecido pelos seus milhões de seguidores como Salt Bae, conquistou o mundo da internet simplesmente por espalhar sal em pratos de carne, de uma forma muito carismática. Esse gesto continua sendo imitado por muitas pessoas, mas a vida do cozinheiro favorito das celebridades vai muito além do meme viral. Aqui, vamos explorar o mundo de Salt Bae para descobrir os segredos por trás do seu sucesso e as algumas das polêmicas as quais já esteve envolvido.

O começo de Salt Bae foi humilde

A história de Nusret Gökçe começou nas periferias de Istambul, na Turquia. Em entrevistas para publicações, como o Wall Street Journal, ele relatou ter tido uma infância extremamente pobre. Vindo de uma família com um pai mineiro e cinco irmãos, ele abandonou a escola aos 12 anos e começou a trabalhar como aprendiz de açougueiro, para ajudar a sustentar sua família.

Ele relembra: “Acordava às 6 horas, passava 2 horas no trem e mais 30 minutos de ônibus. Eu ficava o dia todo de pé e trabalhando. Sem folga e sem férias”. Ainda jovem, o aspirante a chef já nutria a determinação e o desejo de abrir seu próprio restaurante, contudo, para chegar ao seu sonho, teve que progredir gradualmente. Durante uma entrevista concedida à NBC, em 2017, Nusret explicou: ’Desde os meus 14 anos, empenhei-me diariamente por mais de 13 horas como auxiliar de cozinha de um mestre açougueiro".

A realização de um sonho: abrir seu restaurante

Após finalizar o serviço militar, aos 20 anos, Nusret conseguiu um empréstimo de um banco e usou o dinheiro para visitar a Argentina, a fim de aprender mais sobre a indústria da carne. De volta a Istambul, já com 27 anos, ele decidiu abrir seu primeiro restaurante, intitulado “Nusr-Et”, alcançando considerável sucesso local antes mesmo do nome artístico Salt Bae se tornar uma marca global.

Ele não foi o pioneiro em introduzir o conceito de churrascaria na Turquia, porém, soube aprimorar a ideia, se valendo de sua vasta experiência como mestre açougueiro. Impressionado com a experiência culinária proporcionada em seu restaurante, um empresário turco decidiu investir no empreendimento em ascensão, concedendo a Salt Bae a oportunidade de ampliar seus negócios em locais como Dubai e Doha. No entanto, o chef turco permanecia com o desejo de um dia conquistar a América do Norte.

O vídeo viral que o tornou famoso de um dia para o outro

Em 2017, enquanto ainda construía seu império pelo mundo afora, o sucesso veio com a ajuda da internet. Em um vídeo, que se transformou um marco na carreira, o chef aparece fazendo sua divertida, e ainda não muito conhecida, rotina de servir os clientes. Na gravação, com a mão esquerda, o chef agarrava um bife pelo osso e, com a mão direita, cortava a carne mal passada de uma só vez. Com o bife já cortado em tiras, ele espalha o sal de maneira exagerada, fazendo um gesto que se tornou um meme viral, até agora, imitado por muitos.

No dia seguinte, o cantor Bruno Mars tweetou uma imagem do chef fazendo o gesto. Em 48 horas, o post teve 2,4 milhões de visualizações e, a partir desse momento, a vida profissional de Salt Bae nunca mais seria a mesma. Seu negócio começou a expandir ao redor do globo e já são mais de 20 filiais da rede de steakhouses “Nusr-Et”. Elas contam com uma lista variada de famosos que já comeram lá, entre eles, o ex-jogador Ronaldo e os atletas da seleção brasileira de futebol, Vini Jr. e Éder Militão.

A polêmica com a carne de ouro

Em 2022, no Catar, quando os jogadores de futebol brasileiros decidiram conhecer o já muito famoso restaurante, também experimentaram o polêmico bife de ouro, avaliado em R$ 9 mil. O Golden Steak é um prato feito com carne japonesa do tipo Wagyu, considerado o melhor bife do mundo em 2022. A versão oferecida aos jogadores veio envolta em folhas de ouro, o que não afeta o sabor da refeição, mas certamente chama a atenção pela sua apresentação visual, gerando diversas críticas tanto aos atletas como ao chef.

Estabelecendo um legado

Não se sabe ao certo quanto do dinheiro vai para Gökçe, já que os restaurantes pertencem a uma sociedade e podem ter vários investidores, mas o que é certo é que ele passou de um começo humilde para uma fortuna pessoal estimada em mais de R$ 360 milhões. Podemos facilmente dizer que a jornada de vida do chef turco é, no mínimo, inspiradora.

Salt Bae é um perfeito exemplo de como a dedicação incansável é o alicerce para alcançar o sucesso. Sua fervorosa paixão e amor pela gastronomia, assim como a forma que ele finaliza a carne, aliado a uma vestimenta característica, destacada pelos óculos de sol e o gesto com as mãos, tornou dele uma celebridade e o elevaram ao status de um dos chefs mais renomados do mundo, que agora desfruta de um estilo de vida glamoroso.

Um simples ingrediente oculto ou uma técnica menos conhecida pode transformar os seus pratos para uma explosão de sabor nunca antes experimentada. Por isso, é interessante aprender as técnicas de grandes chefs de cozinha e desbloquear as habilidades gastronômicas para um nível completamente novo.

Comentários

Receber notificações
Sorte sua! Este tópico está vazio, o que significa que você poderá ser o primeiro a comentar. Vá em frente!

Artigos relacionados