13 Histórias que só poderiam acontecer em restaurantes

Histórias
Há 1 semana

Às vezes, comer fora pode se transformar em um teatro do absurdo. Pode haver situações inesperadamente agradáveis, mas também aquelas que farão você nunca mais sentir vontade de voltar ao local em questão. Os empresários desses estabelecimentos também poderiam fazer sucesso ao escrever suas próprias memórias sobre as situações que experimentam no trabalho.

  • Trabalho como garçonete em uma cafeteria. Já vi muitas coisas, mas hoje toda a minha visão sobre bom comportamento caiu por terra. A situação é a seguinte: um jovem me pediu para lhe trazer cebolas, um prato, uma faca, ketchup e guardanapos. O desejo do cliente é lei! Então eu observo com interesse. Ele cortou as cebolas, despejou ketchup cuidadosamente sobre elas, finalizou tudo com guardanapos e com as palavras: "Leve isto para minha esposa ali naquela mesa e agradeça a ela pelos 5 anos de vida juntos! Então ele se virou e saiu correndo da cafeteria.
  • Certa vez, em Bruxelas, pedi um tipo de prato de frutos-do-mar com uma quantidade generosa de molho. Quando terminei, o garçom me perguntou se eu precisava de mais alguma coisa, e eu pedi que ele levasse o prato embora, dizendo que já tinha terminado. Na época, eu falava inglês bem, mas às vezes confundia as expressões idiomáticas. De qualquer forma, ele me olhou de forma estranha, retirou o prato e me trouxe uma tigela com os restos de molho embrulhados em um papel alumínio. Aparentemente, eu disse algo como "embrulhe para levar". Tive vontade de rir, arranquei o papel-alumínio e comecei a comer o molho com uma colher. Eles olharam para mim como se eu fosse um selvagem.
  • Hoje, em uma cafeteria, uma mulher estava me encarando de uma mesa vizinha. Depois de um tempo, ela veio até mim com uma xícara de café, pediu desculpas, derramou o conteúdo da xícara sobre mim, dizendo que eu parecia a amante de seu marido e saiu correndo para a rua. O que foi isso?
  • Comi um pouco de salada e tinha um pedaço particularmente brilhante. Peguei-o com meu garfo e o retirei. Era a asa e o corpo de um gafanhoto enorme. Entrei em pânico e joguei o garfo do outro lado da sala. Nunca mais voltarei àquele estabelecimento. © tedofgork / Reddit
  • Certa vez, pedi comida em uma cafeteria. Quando me dirigi ao balcão para pagar, fui recebido por um funcionário que me ignorou quando lhe dei o cartão e simplesmente me entregou o pedido. Ao chegar em casa, fiquei curioso e verifiquei minha conta, mas nada havia sido pago àquele estabelecimento. Evitei aquele lugar por algumas semanas e, quando voltei, ninguém me disse nada. © spookycamphero / Reddit
  • Em minha cesta de lanches, encontrei uma pilha de ossos de asa de frango mordiscados. Eles simplesmente colocaram um novo pedaço de papel sobre eles e os cobriram com anéis de cebola. Apontei o fato para o gerente e fui embora. © GooberMcNutly / Reddit
  • Certa noite, minha esposa e eu fomos a um restaurante muito bom. Aconteceu como em um filme: ela colocou a garfada de mexilhões na boca e havia uma barata. Avisamos a garçonete que rapidamente pegou os pratos e a toalha de mesa, arrumou a mesa e disse: "A refeição é por conta do restaurante, tenham uma boa noite." E ela nos acompanhou até a porta. Fiquei com a impressão de que isso já aconteceu tantas vezes que agora eles têm um procedimento para resolver o problema rapidamente. © autor desconhecido / Reddit
  • O roubo de telefone mais estranho aconteceu tarde da noite em uma cafeteria lotada. Eles tiraram o celular do meu bolso e fugiram. Comecei a chorar. Depois de algum tempo, um jovem veio até mim e me perguntou o que havia acontecido. Contei a ele, descrevi o ladrão e ele entrou saiu de carro. Cinco minutos depois, ele apareceu com o meu telefone e saiu sem dizer uma palavra. Ainda não entendi o que aconteceu.
  • Em minha cidade, há uma pequena cafeteria que frequento cerca de duas vezes por mês. Há alguns meses, entrei e pedi comida para viagem. A garçonete me disse para esperar para ver se ainda podiam aceitar pedidos (era por volta das 18h30, portanto, não havia motivo para não aceitarem pedidos). Ela saiu por cerca de 15 minutos, voltou e me disse que não estavam mais aceitando pedidos para o dia. Enquanto dizia isso, um casal entrou e se sentou. Ela lhes entregou o cardápio e disse para fazerem o pedido. Eu simplesmente disse: "Você só pode estar brincando comigo! Nunca mais venho aqui", e saí. © Pink_lover / Reddit
  • Havia uma pequena mosca em meu ovo frito. Isso nem me incomodou, não sou uma pessoa de confrontos. Eu nem queria um prato novo, só queria um ovo novo. A garçonete voltou da cozinha e disse que o chef insistiu que era um "condimento" usado por ele. Ela insistiu tanto que percebi que não valia a pena discutir. © titangrove / Reddit
  • A história de como quebrei meu dente e perdi uma amiga. Convidei minha amiga para jantar em um restaurante, pois não a via há muito tempo. Pedi uma salada grega e alguns outros pratos. O tempo passou rapidamente. Peguei a salada com o garfo, a coloquei na boca e então senti um estalo e uma dor selvagem. A azeitona estava com caroço, cuspi o caroço e parte de um dente. Acontece que todas as azeitonas tinham caroço. Chamei o gerente, ele resolveu o problema, pediu desculpas e disse que me reembolsariam o custo total do tratamento dentário. Mas, para minha amiga, agora sou uma pessoa má, porque eles puniram um funcionário por minha causa.
  • Eu trabalho como garçonete. Em uma tarde quente de sexta-feira, um casal se sentou em uma das mesas, pediu comida, chá e doces. Então o jovem daquela mesa veio até mim e disse: "Vou pagar a conta agora, mas depois quero que a gente finja que eu lhe pedi a conta, você a traz e vamos embora como se não tivéssemos pago."
    É claro que, a princípio, fiquei em dúvida por alguns segundos, mas o cliente é o chefe, então peguei a conta, o jovem pagou e deixou uma boa gorjeta. Perguntei, é claro, por que tanta complicação, ao que ele explicou que queria fazer algo romântico para a garota.
  • Durante muito tempo, não pudemos pedir um prato para nosso filho de 5 anos, pois ele é alérgico e muitos produtos. No final, escolhemos pratos mais ou menos adequados, após avisar o garçom para não acrescentar mais nada, e aguardamos o pedido. Em seguida, o chef veio e começou a nos perguntar o que nosso filho podia comer, para que pudesse preparar um prato só para ele. O resultado foi que ele preparou para meu filho a carne, panquecas de abobrinha e batatas com ovo e anéis de cebola. As rodelas e a carne foram o que o menino mais gostou. O cozinheiro se aproximou do meu filho várias vezes e perguntou se ele havia gostado do prato e se queria mais alguma coisa. Meu filho foi incentivado e pediu para tirar uma foto com ele.

Às vezes, o cliente pode ser generoso, como nesse caso em que a atendente de um bar recebeu R$ 4.500 de gorjeta. Saiba o motivo!

Comentários

Receber notificações
Sorte sua! Este tópico está vazio, o que significa que você poderá ser o primeiro a comentar. Vá em frente!

Artigos relacionados