Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

8 Maneiras de acalmar um animal de estimação ansioso — especialmente por barulhos de fogos de artifício ou na ida ao veterinário

5122
632

Pesquisas mostram que o estresse pode ter um péssimo efeito na saúde dos nossos animais de estimação, se não tomarmos cuidado extra para tomar conta deles e confortá-los, e isso é especialmente verdadeiro para os cães. Por esse motivo, é extremamente importante estar atento e apoiar nossos animais, quando estiverem passando por situações estressantes.

Para ajudar tanto os donos quanto esses fofinhos peludos, a equipe do Incrível.club coletou alguns métodos que provaram ser eficazes para ajudar seu animal de estimação a se sentir melhor em situações difíceis. Confira!

1. Conforte seu animal de estimação durante shows de fogos de artifício

Se perceber que seu animal de estimação está ansioso por causa dos fogos de artifício, é melhor ficar atento às necessidades dele, concentrando-se em suas atitudes. Em vez de ver os fogos de artifício, conforte seu pet, usando alguma técnica que funcione bem entre vocês.

2. Envolva seu cão com algo que alivie sua ansiedade

Você mesmo pode fazer um “envoltório” contra a ansiedade para o seu cão, usando um cachecol ou um cobertor. Esse método pode ajudar a manter o animal tranquilo, evitando que se assuste com sons altos. É essencial também dar a ele um grande abraço, pois esse gesto ajuda a manter os níveis de estresse baixos.

É melhor colocar o envoltório antes do início do barulho, se puder, para garantir que o animal permaneça o mais confortável e relaxado possível.

3. Dê ao seu cão uma palavra como sugestão, antes de carregá-lo

Uma visita ao veterinário pode ser estressante para os nossos cachorrinhos, mas uma coisa que pode ajudar é ensiná-los que você os carregará, se eles não gostarem de ser pegos para serem atendidos.

Simplesmente dê a eles uma sugestão, como dizer a palavra “pegar”, antes de carregá-los, dando a eles uma guloseima ou um objeto como recompensa. Isso pode ser útil no consultório do veterinário para ajudar a manter seu cão o mais tranquilo possível.

4. Coloque música para eles

Colocar música para os gatos pode ajudá-los a gerenciar seus níveis de estresse, especialmente no consultório do veterinário, de acordo com um estudo recente. A pesquisa diz ainda que a música também pode funcionar com os cães, ajudando-os a relaxar em situações estressantes. Existe até reggae para os cães para mantê-los distraídos e calmos, quando se sentirem tensos, como durante os shows de fogos de artifício.

5. Dessensibilize os cães em relação aos sons assustadores

Especialistas recomendam a reprodução de sons considerados particularmente perturbadores pelos animais de estimação, mas em volume baixo, duas vezes por semana. Pode ser a gravação do barulho do aspirador de pó ou das tempestades. Assim, com o tempo, eles vão conseguir superar o medo. Certifique-se de que seu pet está confortável e com uma boa distração, antes de colocar a gravação para ele ouvir.

6. Dê a eles guloseimas no veterinário

Deixe seu animal de estimação associar a ida ao veterinário com coisas boas, recompensando-o com guloseimas especiais que você normalmente não daria em casa. Após qualquer situação angustiante para o animal no veterinário, como uma injeção ou para que permaneça sobre a balança, dê a ele uma guloseima.

7. Treine várias idas ao veterinário

Toda a manipulação no consultório do veterinário pode sobrecarregar nossos animais de estimação, portanto, para ajudá-los a manter a calma, você pode treinar o que puder com eles em casa. Familiarize-os com algumas das coisas que eles experimentariam no consultório, como escovar os dentes e cortar as unhas. Esse contato é diferente de acariciar e pode ajudar seu animal de estimação a entender mais sobre o que está acontecendo com ele, durante os exames de rotina no veterinário.

8. Alimente-os menos no dia anterior à visita ao veterinário

Especialistas recomendam dar uma menor quantidade de alimentos aos pets antes de uma visita ao veterinário, para que eles respondam melhor às recompensas recebidas, assim que chegarem ao consultório. Isso pode ajudá-los a relaxar, pois vão se distrair com as guloseimas saborosas e também ajudará a fazê-los cooperar com o profissional. Claro, não exagere na hora de cortar os alimentos, levando em consideração primeiro o bem-estar do seu animal de estimação.

Você tem alguma dica para compartilhar com a nossa equipe e que sempre funciona? Compartilhe fotos dos seus animais fofinhos (ou não tão fofinhos) nos comentários. Adoraríamos conhecê-los!

5122
632