Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

5 hábitos que roubam sua energia. Acabe com eles

----
400

O ritmo da vida de nossa sociedade (principalmente nas grandes cidades) é frenético e cansativo. Todos os dias são cheios de atividades e problemas para resolver. Longe de resolver nossos problemas, parece que a tecnologia só cria mais obrigações. É preciso desdobrar e ser um multi-homem (ou uma multi-mulher) para dar conta de tudo.

Nós, do Incrível.club, sabemos como é difícil dar conta da pressão do trabalho, aguentar o tráfego, os ruídos e continuar com a cabeça no lugar. Por isso, escrevemos este post para sugerir a você abandonar 5 hábitos que consideramos altamente toxico, verdadeiras bombas-relógio.

Mesmo que você não acredite, estas atitudes que parecem insignificantes afetam sua capacidade de ação, absorvem sua energia e lhe tiram a paz interior. Abandone já os maus hábitos e ganhe qualidade de vida. 

Você vive grudado ao celular

Um verdadeiro vício de nossa Era, gerado pela necessidade constante de estar online, cuidando, além da vida real, da virtual. Seja pra ver e-mails, as redes sociais, para fazer selfies ou para clicar em algum aplicativo de mensagens, você se sente escravo do aparelho. Nem precisamos dizer que, se entra nas redes sociais a cada dois minutos, você está se ausentando da vida real. Acredite, sua energia vai acabar tão rápido quando a bateria do celular.

Viver o aqui e agora parece ser uma meta cada vez mais difícil hoje em dia. Ok, os celulares nos permitem estar em vários lugares ao mesmo tempo, resolver diversos problemas com praticidade, fazer compras, etc. Mas ser prisioneiro deles é uma tortura desnecessária. Procure promover o contato físico e mental quando for possível em vez de se manter em contato somente pelo touchscream. Da próxima vez em que tiver o impulso de abrir uma rede social ou um app de mensagens para se distrair, pense duas vezes. Que tal dar um passeio ou conversar pessoalmente com um amigo? Equilibre o real e o virtual. Você só tem a ganhar, nós garantimos.

Você é sedentário

Pode até parecer paradoxal, mas, quanto menos você se mexe, mais terá preguiça e esgotamento. O corpo de quem é sedentário provavelmente está habituado a levantar da cama, sentar para tomar um café, pegar um elevador, sentar numa cadeira de escritório, pegar o elevador novamente, voltar para o automóvel e, no fim do dia, sentar-se num sofá e comandar a TV com um controle remoto. Se você se encaixa nesse perfil, seu corpo está se acabando aos poucos. Fazer atividade física permite ativar a circulação e acelerar o metabolismo, assim como oxigenar o organismo, o que, por sua vez, faz com que os órgãos funcionem melhor.

Não, não estamos sugerindo que você se torne um triatleta ou um maratonista. Mas é importante começar, já que os benefícios são comprovados e só surgem com a constância. Tente caminhar ou correr meia horinha antes de começar sua rotina, pela manhã. Isso dará a seu corpo preciosas doses de endorfina e adrenalina. Em pouco tempo, você passará a ter mais energia. Uma hora de exercício representa somente 4% do seu dia. Então deixe de desculpas. 

Você não se desconecta antes de dormir

O momento de ir para a cama é crucial para nosso cérebro. Quando você está sob os lençóis, seu corpo e sua mente precisam desconectar-se dos problemas e encontrar um lugar acolhedor para descansar. Hábitos como ficar checando o celular (de novo, ele!), dormir diante da TV ou pensar nas tarefas do dia seguinte não dão espaço para que seu cérebro descanse.

Não tente resolver os problemas com o chefe, ou as contas a pagar a partir de sua cama. Isso vai esgotar seu sistema nervoso. Em vez disso, aproveite para fazer coisas mais agradáveis. Leia um livro (claro, não um livro técnico), converse com seu cônjuge ou simplesmente apague a luz. Desligue, literalmente.

Você dorme pouco

Enquanto dormimos, as células de nosso corpo se regeneram, novos tecidos são produzidos, o ritmo cardíaco diminui e o cérebro registra, efetivamente, o que foi aprendido ao longo do dia na memória de longo prazo, além de descartar o que, para ele, não é importante. Por isso, quando você não dorme o suficiente, seu corpo se sente frágil e cansado.

Se dormir mal já se tornou um hábito, você já sabe: está é uma das causas do cansaço e da falta de energia, talvez a principal. Um adulto deve dormir ao menos 6 horas por noite para levantar-se renovado. Respeite esse e estará respeitando a si mesmo.

Você consome muita cafeína

Sim, no Brasil e em boa parte da América Latina, consumir bastante café é um hábito. Mas não estamos falando só dele. Muitas vezes abusamos das bebidas com cafeína e cheias de açúcar (o que inclui refrigerante e energéticos) como forma de estimular músculos e nos manter bem atentos. Mas chega um momento em que a cafeína e o açúcar perdem o poder de estimular as conexões cerebrais. Então, seu corpo pode até estar desperto, mas seu cérebro está 'no automático'. Nessas circunstâncias, você perde a capacidade de ter ideias novas, produzir conhecimento e ativar sua criatividade.

Na outra ponta, muita gente busca 'desligar' o cérebro com soníferos, tranquilizantes ou mesmo substâncias naturais. Bem, sentimos muito, mas o cérebro não é uma máquina com botão de liga e desliga. Quando você se enche de estimulantes e, depois de calmantes, o máximo que vai conseguir é jogar com sua saúde e alterar seu metabolismo, às vezes de forma irrecuperável.

Já que falamos de exercícios neste mesmo post, que tal trocar a cafeína por atividade física? Durma mais. Desligue o celular e junto com ele, procure desligar suas preocupações - mesmo que seja por pouco tempo. Viva o aqui e agora. Adotando esses 5 hábitos, sua energia irá aumentar, temos certeza. 

Crédito da imagem: pexels

----
400