Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

12+ Detalhes da aparência que podem apontar para traços significativos da personalidade

Cientistas afirmam que a primeira impressão de uma pessoa desconhecida é formada em cerca de 100 milissegundos. Nesse tempo, podemos avaliar seu status social, sua inteligência e suas conquistas de vida. Sabia que o formato das suas maçãs do rosto pode indicar o quão simpático ou simpática você é? Sem palavras, nossa linguagem corporal tem muito a dizer sobre nossas qualidades individuais.

Nós, do Incrível.club, estudamos as últimas pesquisas científicas para que você aprenda a “ler” os outros como se fossem um livro aberto. No final do post, selecionamos um detalhe importante, mas pouco notado, que o ajudará a perceber o quanto uma determinada mulher cuida do próprio corpo. Confira!

1. Maçãs do rosto largas revelam muito sobre a personalidade masculina

Já escrevemos sobre como maçãs do rosto largas podem ser um sinal de natureza mais agressiva nos homens. Geralmente, rapazes com tais traços (maçãs do rosto largas, rosto quadriculado) são vistos como bastante masculinos e um pouco “rudes”. Porém, a partir de estudos recentes, concluiu-se que homens com esse formato “agressivo” de rosto, muitas vezes, estão dispostos a sacrificar os próprios interesses pelo bem-estar de seus amigos e conhecidos.

Psicólogos americanos conduziram uma série de experimentos e concluíram, similarmente, que homens com feições “brutais”, mais frequentemente, não deixam de ajudar amigos que estejam em apuros.

2. O umbigo está associado ao sucesso no esporte

A altura da localização do umbigo pode indicar sucesso no esporte. Quanto mais alto ele for, mais rápido uma pessoa pode correr. Aqueles com umbigos baixos, muitas vezes, são excelentes nadadores. Tudo está relacionado ao centro de gravidade: na maioria das vezes, campeões de corrida têm o umbigo mais alto que as pessoas comuns.

3. A capacidade de corar pode ser uma característica muito vantajosa

Pessoas que coram por qualquer motivo geralmente ficam incomodadas com isso. Porém, o ato de “ficar vermelho” gera nos outros emoções mais positivas que negativas. Primeiro, por ser um processo natural, não pode ser imitado, por isso exprime sinceridade.

Em segundo lugar, bochechas vermelhas tendem a deixar a pessoa mais atraente aos olhos de alguém do gênero oposto. Além disso, sugerem timidez, certa incerteza ou até constrangimento. Indivíduos com tal particularidade, geralmente, são vistos como pessoas transparentes e que, mais dificilmente, enganarão o parceiro ou a parceira.

4. Afinidade por doces pode exprimir os sentimentos de uma pessoa

Gostar de doces não é algo tão terrível como parece. Claro que os dentes e o corpo podem sofrer, mas tal afinidade pode agradar às pessoas ao redor. O que acontece é que amantes de sabores mais adocicados geralmente são vistos como pessoas gentis, doces, amigáveis e sinceras.

Se você quiser causar uma boa impressão num primeiro encontro, por exemplo, escolha alguma sobremesa ao final do jantar, de preferência uma fatia de bolo. Psicólogos afirmam que essa atitude pode acrescentar diversos pontinhos à sua atratividade.

5. A escolha dos sapatos está associada ao estado de espírito

Psicólogos do Kansas declararam que os sapatos poderiam dizer mais sobre uma pessoa do que o seu próprio currículo profissional. A partir de uma pesquisa realizada com estudantes, observou-se o que os jovens pensavam sobre seus amigos de acordo com o calçado que usavam. Abaixo, alguns dos resultados obtidos:

  • Pessoas ansiosas tendem a escolher sapatos finos. Os calçados de tais pessoas são geralmente novos e parecem estar em perfeito estado (mesmo que a rua esteja molhada ou cheia de lama). Tudo porque se preocupam mais com o que os demais pensarão sobre sua aparência.
  • Sapatos confortáveis e práticos representam indivíduos mais serenos. Para tais pessoas, não é tão importante usar as últimas tendências nos pés, pois o conforto vem em primeiro lugar.

6. O temperamento masculino pode ser determinado desde a infância

Médicos encontraram uma forma de prever o temperamento dos homens de acordo com seu peso de quando eram bebês. Agora, os pais podem saber se seus filhos têm disposição para saber mais sobre a personalidade dos filhos no futuro antes mesmo que eles comecem a andar e a falar. Tudo está relacionado às “dobrinhas” do corpo.

Cientistas da Universidade de Illinois observaram 770 meninos desde o nascimento até os 22 anos. Concluíram, assim, que os bebês que ganharam peso mais rapidamente, apresentam maiores níveis de testosterona no futuro. Além disso, bebês rechonchudos, muitas vezes, se tornam estrelas do esporte.

A explicação está nos hormônios: o rápido ganho de peso em recém-nascidos está associado ao aumento da produção de hormônios esteroides gonadais durante a puberdade.

7. Indícios de depressão pós-parto podem ser detectados pelos gestos das mães

Segundo especialistas, algumas mães não querem admitir (inclusive para si mesmas) o quanto estão exaustas. Por isso, psicólogos encontraram uma forma de determinar o nível de estresse de uma jovem mãe. Para isso, observaram como essas mulheres seguravam seus bebês.

A conclusão: mães que seguram suas crianças, ou balançam o berço, com o braço ou a mão direita tendem a ter mais estresse e, mais frequentemente, sofrem de depressão pós-parto. Por outro lado, mulheres que usam o braço esquerdo tendem a ser mais emocionalmente estáveis.

8. Pernas longas e alta estatura podem ser uma proteção contra a diabetes

Pernas longas são frequentemente associadas a proporções “ideais”. Mas o que os médicos pensam sobre o assunto? Estatisticamente, pessoas com membros inferiores alongados são menos propensas a ter diabetes tipo 2. Entretanto, os benefícios de saúde param por aí: uma maior estatura prevê mais chances de desenvolvimento de trombose nas extremidades e fraturas por conta do deslocamento do centro de gravidade para cima.

9. A forma de comer está ligada a traços da personalidade

Pela maneira como uma pessoa come, podemos avaliar se vale a pena tê-la como amiga ou se é melhor manter distância. A especialista em alimentação Juliet Boghossian acredita que os hábitos alimentares podem ajudar a desvendar algumas características da personalidade:

  • Comer devagar e “raspar” o prato. Tais pessoas tendem a querer controlar as situações, são confiantes e não ficam nervosas facilmente.

  • Finalizar a comida em alguns minutos. Sugere ambição e determinação, mas também impaciência.

  • Selecionar componentes do prato, pedir para tirar o molho ou alguma guarnição. Há a possibilidade de que tal pessoa seja neurótica.

  • Seguir uma determinada ordem (primeiro as batatas, depois a carne e os legumes). Pode revelar pessoas que não pensam em perspectivas globais e desmembram cada problema em dezenas de pequenos passos.

10. Roer as unhas pode ser sinal de perfeccionismo

O ato de roer as unhas ou a ponta dos dedos sempre foi considerado um mau hábito, que pode se iniciar por conta de tensão ou nervosismo. Estudos recentes mostraram, contudo, que esses hábitos “nervosos” podem ser sinais de perfeccionismo.

Pessoas perfeccionistas, geralmente, não roem as unhas por ansiedade, mas pelo incômodo de não estar fazendo nada. Na visão de tais indivíduos, cada minuto do dia precisa ser preenchido com alguma atividade útil. Em situações adversas (estresse, tédio, espera), o perfeccionista sentirá que precisa fazer algo para evitar ficar parado.

Entretanto, cientistas afirmam que tais comportamentos também não são benéficos, pois até mesmo a preguiça, em quantidades razoáveis, é boa para a saúde.

11. As sobrancelhas dos homens podem ser decisivas no fator atratividade

Antropólogos chineses estudaram os rostos de 834 voluntários e descobriram que as sobrancelhas desempenham um papel muito importante na atratividade. Olhos abertos e sobrancelhas levemente levantadas agradam aos olhos alheios. Isto não deve ser tomado como regra geral, mas pessoas com sobrancelhas mais baixas parecem ser menos confiáveis em um primeiro encontro.

Deve-se notar, porém, que esse princípio funciona apenas com os homens, e não com as mulheres. Outro traço atrativo seria a testa alta. Segundo os cientistas chineses, a combinação dessas duas características daria aos homens um charme especial.

12. A cor dos olhos pode estar ligada às qualidades pessoais

Há centenas de anos, os videntes tentam prever a personalidade de uma pessoa pela cor dos olhos que ela tem, mas nem sempre conseguem acertar. Já acadêmicos da Universidade Sueca de Örebro descobriram que os mesmos genes que atuam na formação da cor da íris são os responsáveis pelo lóbulo frontal. Nessa região do cérebro estão localizados os centros de comportamento: isso significa que pessoas que possuem mesma cor e padrão de íris têm mais chances de ter comportamentos e valores de vida similares.

Não deixe de olhar nos olhos de um novo conhecido, pois você pode encontrar sua alma gêmea.

Bônus: calcanhar maltratado

Um calcanhar liso e macio é um dos principais indicadores do quanto uma mulher cuida do próprio corpo. No inverno e outono, talvez seja mais fácil esconder os pés por trás das botas e meias-calças, mas no verão a história muda: é preciso fazer algo. Embora as solas acinzentadas e quebradiças não estejam na zona de visão direta, ainda assim são notadas pelas pessoas em volta. Fazer esfoliação e passar creme hidratante nos pés, portanto, será um excelente ritual, que trará muitos benefícios não só à imagem, mas também à saúde a longo prazo.

Temos de admitir que nos surpreendemos com alguns desses estudos científicos. A partir de agora, vamos prestar mais atenção em alguns detalhes, como na cor dos olhos e na escolha dos sapatos. Geralmente, o que chama mais a sua atenção ao conhecer alguém novo? Quais traços físicos ajudam você a compreender melhor a outra pessoa? Comente!

Compartilhar este artigo