Incrível
Incrível

Sou mãe e quero voltar a trabalhar, mas me fazem sentir que não posso

Ter um filho é um grande desafio, capaz de mudar completamente a vida de um casal. Além dos cuidados e da atenção requeridos por um recém-nascido, também é importante não negligenciar as necessidades dos progenitores. Principalmente das mães, cuja maternidade pode absorver todo seu tempo e privá-las de fazer outras coisas, como é o caso de Flor, que nos escreveu para nos falar sobre sua situação.

Olá, Flor! Obrigado por seu e-mail. Discutimos sua situação no Incrível.club e aqui estão os melhores conselhos que podemos te oferecer:

  • Tente conversar com seu marido para fazê-lo entender o quanto é importante para você ter seu espaço profissional novamente. É um trabalho em equipe.
  • Em vez de uma babá, vocês podem verificar se não seria mais barato deixar a criança em uma creche ou combinar com algum parente de assumir essas horas de cuidado.
  • Considere também que, no início, talvez seja caro pagar por uma cuidadora, mas, no longo prazo, com aumentos ou promoções no trabalho, essa diferença pode diminuir.
  • Segundo as estatísticas, muitas vezes são as mulheres que abandonam seus empregos para criar os filhos (mesmo ganhando mais que seu parceiro!). Tenha paciência para romper com os estereótipos da sociedade, isso é possível!
  • Tente dividir com seu marido o tempo de cuidado do bebê e o trabalho doméstico. Assim, não ficará sobrecarregada nem deixará de trabalhar.
  • Lembre-se: uma mãe feliz terá um bebê feliz. Se acha que trabalhar vai fazer você se sentir bem e mais alegre, então seu tempo com seu filho será de melhor qualidade.
  • Procure uma opção de trabalho que se ajuste à sua nova vida. Talvez menos horas, ou não todos os dias, mas algo que lhe permita mudar gradualmente as necessidades de seu bebê para retornar à arena profissional.
  • Lembre-se: nada é perfeito! Haverá dúvidas e momentos nos quais vai sentir que não está dando o seu melhor nem para você nem para o bebê, seja qual for a decisão tomada, e isso é normal. Mas você sempre pode mudar de ideia e rever suas decisões.

Esperamos que esses conselhos a ajudem a tomar a melhor decisão para você e sua família.

Como ficou sua situação profissional após ter um bebê? Como acha que seu marido deveria agir para apoiá-la?

Incrível/Mulher/Sou mãe e quero voltar a trabalhar, mas me fazem sentir que não posso
Compartilhar este artigo
Você pode gostar destes artigos