Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

6 Mulheres incríveis que mudaram seu destino e abriram caminho para a felicidade

----
22k

As mulheres, na sociedade, geralmente são associadas à ternura, proteção e fraqueza. Mas para algumas delas, a vida tem preparado lições difíceis que nem todos poderiam enfrentar. Isso moldou sua vontade e caráter e puderam ser felizes, havendo superado todos os obstáculos de seu destino.

O Incrivel.club traz histórias de algumas guerreiras que mostraram, sem perder a ternura, que a mulher não é o sexo frágil.

1. Ela passou por 18 operações cirúrgicas até que decidiu se tornar cirurgiã

Cody Hall, do Reino Unido, nasceu com uma grave deformidade na face. Os médicos se negaram a ajudar o bebê, mas seus pais disseram que não se dariam por vencidos e lançaram uma campanha de caridade para recolher doações. A menina foi aos Estados Unidos, onde em um ano, passou por sua primeira operação.

Durante 14 anos Cody sofreu 18 cirurgias. Apesar da luta contínua contra sua doença, ela levou uma vida comum, foi à escola e alcançou êxito em seus estudos. É difícil imaginar o quão complicado foi para Cody estar entre seus colegas que, muitas vezes abusavam do bullyng. Mas ela não permitia que a ofendessem e muito menos sentissem pena dela.

Agora Cody está casada com um cara por quemé apaixonada desde os tempos da escola. A moça trabalha no departamento de cirurgia do Hospital de Kettering, no Reino Unido, e ajuda a outras pessoas. Ela e seus pais precisaram de muito tempo, perseverança e forças mentais para chegar a este final feliz.

2. Defensora dos direitos humanos no Paquistão abriu caminho para a educação das mulheres de países islâmicos

Malala Yousafzai é uma verdadeira heroína e inspiração para as meninas do mundo inteiro. Ficou famosa por causa de seu blog, que começou a fazer depois que as autoridades do Paquistão emitiram um decreto que proibia a educação das mulheres.

Os pensamentos da menina provocaram uma grande reação pública e ela teve de enfrentar ameaças em seu país de origem e inclusive sobreviver à um a tentativa de assassinato com uma grave ferida e posterior coma.

Devido à sua coragem e perseverança, Malala, aos seus 20 anos, conseguiu muitas coisas. Agora ela estuda em na prestigiada Universidade de Oxford, no Reino Unido, e ajuda a outras meninas a receberem educação.

Malala recebeu numerosos prêmios, entre eles o Nobel, abriu uma escola para refugiados sírios e escreveu o livro “Eu sou Malala”.

3. A primeira finalista com síndrome de Down na história do concurso de “Miss EUA”

"Miss Amazing". Mikayla Holmgren ganhou esse concurso para as meninas com deficiências graças ao seu encanto e enorme diligência. Mas a garota não se deteve por aí e decidiu participar do concurso de Miss Estado de Minnesota. Por fiim, se tornou a primeira participante com síndrome de Down na história do concurso de Miss EUA.

Mikayla gosta de dançar, também ama fazer ginástica, se dedica à caridade e estuda. O seu amor pela vida, sinceridade e perseverança inspiraram a muitas outras meninas e demonstraram que a síndrome de Down não limita nem define uma pessoa.

4. A jovem que trabalha em 9 lugares ao mesmo tempo, cuidando de pessoas mais velhas

Sarah Moore deixou a sua vida em uma cidade grande e se mudou para uma pequena cidade na Escócia, habitada principalmente por pessoas mais velhas e que não podem cuidar elas mesmas de todo o trabalho duro. A garota jogou sobre os próprios ombros o trabalho mais difícil e agora ela combina cargos de controladora de tráfego aéreo, guarda patrimonial, carteira, bombeira, pastora e secretária do conselho da ilha. Ela carrega os equipamentos nos aviões, opera escavadoras em fazendas e inclusive realiza excursões ao único farol da ilha.

Sarah não se arrepende da mudança, nem tem saudades da sua vida anterior. Encontrou amigos e já não se sente sozinha. Os habitantes do local a amam por sua cortesia e coragem. Apesar do trabalho duro e da falta de perspectivas de uma carreira mais glamourosa, a moça se sente absolutamente feliz.

5. Ela sobreviveu a um ataque de tubarão e perdeu uma mão, mas ainda assim se transformou em uma estrela do surf

A americana Bethany Hamilton aos 13 anos quase perdeu a vida por causa do ataque de um tubarão tigre e ficou sem a sua mão esquerda. Mas essa moça corajosa conseguiu superar o seu medo e continuou fazendo o que ela mais gosta.

Hoje Bethany é uma esposa feliz e mãe além de continuar surfando. Ente seus troféus está o segundo lugar em um campeonato Mundial. Escreveram um livro e fizeram também um filme sobre sua história.

6. Uma jovem que andava “sem rumo” com uma gangue de rua se formou em Harvard

Liz Murray teve uma infância difícil. Vivia com seus pais que eram viciados em drogas e sofria constantes agressões, e tais fatos, por causarem muita vergonha a ela, a levaram a abandonar a escola e logo se envolveu com uma gangue em bairros barra pesada de Nova York. Aos 15 anos, quando sua mãe morreu de AIDS, Liz se tornou moradora de rua.

Parece uma daquelas histórias que não teriam um final feliz. Mas Liz se motivou, voltou para a escola, se formou com honras e depois conseguiu também ser aceita e se formar com sucesso na Universidade de Harvard. A moça inclusive continuou cuidando de seu pai doente que, no passado, a havia abandonado.

Hoje Liz é uma talentosa escritora e uma oradora inspiradora. Ensina às pessoas a acreditarem em si mesmas. Com seu próprio exemplo e energia as motiva a nunca se renderem até o caminho que as levará à felicidade.

Qual das histórias pareceu mais inspiradora para você?

----
22k