Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

15+ Maneiras de salvar uma planta “morta”, mesmo que você não tenha mão boa para isso

Algumas pessoas têm ligações especiais com suas plantas domésticas, assim como Léon e Mathilda, do filme O profissional, de Luc Besson. E é muito decepcionante encontrar nossas “amigas verdes” dando seu último suspiro, com suas folhas impotentes, murchas ou secas. Mas a boa notícia é que você não deve se apressar em lamentar prematuramente que sua planta morreu, pois existem algumas maneiras de fazê-la reviver e florescer novamente com todo o seu esplendor.

No Incrível.club gostamos de procurar dicas que ajudem nossos leitores a solucionarem até as situações mais desesperadoras. Por isso convidamos você a conhecer diversos truques de como recuperar seus tesouros verdes.

1. Troque os vasos decorativos ou de metal por vasos mais “saudáveis”

Se sua planta parece estar sendo sufocada, pode ser que você tenha escolhido o vaso pela beleza, em vez da praticidade, colocando-a no tipo errado de recipiente. Sua planta realmente não se importa se o “vaso” combina com as estampas das suas cortinas. Na verdade, ela precisa de um ambiente saudável para crescer e florescer. Portanto, se estiver em um vaso de metal ou em um decorativo, sem furos para drenar a água, você precisa “libertá-la desse cativeiro”. Vasos de metal mantêm o calor no seu interior, fazendo as raízes da sua pobre planta literalmente “cozinharem”. Os vasos de cerâmica com um único orifício de drenagem ou sem orifícios de drenagem farão com que a água fique no solo, criando uma umidade prejudicial ao redor das raízes.

2. Trate das raízes que cresceram demais e se emaranharam separando com cuidado

Quando a aparência da planta está semelhante à da imagem à esquerda, é hora de colocá-la em um vaso maior, dando-lhe mais espaço. Antes de fazer isso, limpe as raízes e as torça para que absorvam a água e os nutrientes com maior eficiência. Faça isso com cuidado, como se estivesse desenrolando uma corda frágil, para não quebrar as raízes, dando-lhes mais espaço para respirar.

3. Use apenas água filtrada em suas plantas

A água da torneira possui alguns níveis de cloro e outros produtos químicos que podem ser prejudiciais à sua planta. Deixe a água repousar por 24 horas antes de regar a planta. A água destilada ou a água da chuva também são boas, dizem os especialistas, pois ambas são levemente ácidas e eliminam naturalmente todos os produtos químicos e sais que se acumularam no solo, por causa do uso frequente da água da torneira. Você pode coletar a água da chuva em um reservatório ou colocar as plantas do lado de fora para absorverem um pouco da umidade, enquanto chove.

4. Use vasos orgânicos para criar um ambiente mais natural para o crescimento da planta

Você pode tentar transplantar suas plantas para vasos feitos de cascas de coco. Esse tipo de recipiente não só é um ótimo vaso orgânico, capaz de permitir uma boa drenagem e impedir que as raízes apodreçam, como também fornece zinco, cobre e ferro naturalmente à planta que está muito fraca para receber fertilizantes artificiais.

5. Corte todas as partes “mortas”, mas deixe cerca de cinco cm da haste acima da superfície

Remova todas as partes mortas ou “pouco atraentes” da planta. Isso inclui folhas amarelas, marrons e murchas, que não podem ser salvas, além dos caules sem folhas. Corte a haste sem vida em um ângulo de 45 graus, deixando o máximo de folhagem possível.

6. Use apenas fertilizantes solúveis em água e regue a planta com uma pequena quantidade da mistura

Embora possa parecer que o fertilizante é capaz de fazer maravilhas, esse dado é parcialmente verdadeiro. O que realmente importa são a quantidade e a aplicação adequadas, especialmente em suas plantas fracas e sem vida. A abordagem de “mais é melhor”, na verdade, matará sua pobre planta. Para fertilizá-la, você precisará preparar uma mistura de uma colher de chá de fertilizante para um litro de água — essa proporção, considerada universal, não é prejudicial para as plantas domésticas.

7. Coloque um sistema de drenagem de cor clara ao redor da planta

8. Verifique se existem plásticos escondidos no pote e os remova

Se sua planta ainda estiver no vaso original em que a comprou, é recomendável verificar se há pedaços de plástico no fundo, pois eles danificam as raízes e podem ser a principal razão pela qual sua planta está morrendo. Você precisará removê-los do vaso ou trocar completamente por outro.

9. Livre-se das pragas com soluções delicadas

Use uma esponja ou um cotonete embebido em água com sabão ou álcool para eliminar delicadamente as pragas que estiverem em sua planta. Se você usar um sabão especial para insetos e pragas, precisará repetir o procedimento algumas vezes, pois ele perde o efeito quando seca.

10. Tome medidas para não atrair insetos nocivos

Para manter os insetos famintos distantes dos seus preciosos amigos verdes, você precisa dizer “não” ao uso da terra comum. Compre uma mistura de terra no supermercado, pois ela é estéril e não estará contaminada por invasores indesejados. Como sua planta está muito fraca, você também precisa garantir um bom sistema de drenagem, pois isso evita que as raízes apodreçam. Consequentemente, a planta terá uma resistência maior à invasão de insetos.

11. Lide com manchas de fungos e com insetos usando um spray de óleo ou de produtos antimosquitos

Assim como são ruins para os seres humanos, os fungos podem ser prejudiciais para a saúde das suas plantas. Se a planta tiver pontos de podridão no caule ou próximos das raízes, é hora de declarar guerra contra esses “convidados” indesejáveis. Você pode usar fungicida ou aplicar um óleo de horticultura especial. Assim, não contaminará sua planta com produtos químicos que podem matá-la, usando apenas produtos que atacarão diretamente insetos e fungos.

12. Dê “banhos” no caule e nas raízes de suas plantas

Depois de muito tempo em ambientes fechados, suas plantas merecem um verdadeiro dia de spa. O ar seco e a ventilação não natural do seu apartamento podem ser prejudiciais às plantas. Para fazê-las reviver, você precisará colocá-las em outras condições, além de fazer uma boa limpeza e imersão. Coloque as plantas em uma banheira e as lave cuidadosamente com a água do chuveiro, prestando muita atenção nos dois lados das folhas. Dessa forma, você eliminará todas as pragas remanescentes das folhas e permitirá que a água retire substâncias nocivas que se acumularam no solo.

13. Use enchimento de fraldas para a drenar o solo

Se as raízes da sua planta estão propensas a apodrecer, a melhor maneira de manter o equilíbrio da umidade é usando hidrogel (que pode ser comprado em lojas de jardinagem). Você também pode usar o interior de uma fralda de bebê — basta misturar o conteúdo da fralda com água, até obter uma textura de gel. Adicione a mistura ao solo da sua planta, criando um sistema de drenagem perfeito. Com esse método, você não precisa mais se preocupar com o risco de as raízes apodrecerem.

14. Use iogurte como fertilizante

As bactérias do ácido lático podem fornecer uma boa nutrição para as plantas. Eles atacam naturalmente as doenças e também ajudam a manter o solo em ótimas condições para que sua planta se desenvolva de maneira saudável. Você pode “alimentar” sua planta com algumas colheres de chá de iogurte, adicionando-o ao solo para enriquecer a terra com ácidos orgânicos e ajudar sua amiga verde a recuperar seu vigor.

15. Se você tem um aquário, use a água para regar as plantas

Você provavelmente já notou a rapidez com que as plantas aquáticas crescem no aquário. Isso ocorre porque são constantemente “alimentadas” por substâncias orgânicas e naturais resultantes da atividade dos peixes. Contanto que seu tanque não esteja cheio de água salgada, você pode usar a água do aquário para irrigar suas plantas e enriquecer o solo para que elas possam recuperar naturalmente sua vitalidade.

16. Use um saco plástico para criar uma estufa doméstica para sua planta

Você pode criar uma estufa em miniatura para sua planta, colocando o vaso dentro de um saco plástico limpo e lhe fornecendo alguma luz indireta suave ou artificial. Regue a planta antes e deixe a água escorrer bem. O plástico permitirá que ela absorva a água que evapora e você pode ter certeza de que, independentemente de estar ocupado com outras coisas em determinados dias do mês, sua planta não secará novamente. Esse método também ajuda a planta a sobreviver em condições como o ar seco ou quando o aquecedor estiver ligado. Afinal, a umidade é essencial para a planta.

Quais são suas dicas para recuperar a saúde das plantas? Gostaríamos de que você compartilhasse com a nossa equipe suas experiências e truques para fazê-las reviver.

Imagem de capa sillybard / Reddit