Incrível
Incrível

10 Erros no cuidado doméstico que podem deixar sua casa bem menos aconchegante

De acordo com um estudo, o lugar mais sujo em nossas casas é a cozinha, e a pior parte dela é a “inofensiva” esponja de louça. Se, por um lado, queremos cuidar de nossos lares e deixá-los mais aconchegantes, muitas vezes executamos as tarefas domésticas sem pensar, por exemplo limpando as janelas em um dia de sol ou colocando o rolo de papel higiênico com a ponta virada para trás. E algumas das decisões que tomamos nesse sentido acabam comprometendo todo o resultado ou ainda pior: gerando erros graves de higiene.

Nós, do Incrível.club, ficamos surpresos ao descobrir que estávamos fazendo várias coisas do jeito errado. Porém, é claro que não poderíamos seguir cometendo os mesmos equívocos. Por isso, saímos em busca de técnicas úteis para um melhor cuidado doméstico, e é claro que iremos contar tudo para você.

1. Usar maçanetas e puxadores de plástico

Hoje, a variedade de maçanetas disponível é tão impressionante que cada pessoa é capaz de escolher um modelo que seu encaixe no seu estilo. Porém, quando o assunto é o material de que as maçanetas são feitas, é fundamental investir na opção mais higiênica. As peças feitas em latão são consideradas como as mais seguras, já que o material é conhecido pela capacidade de autodesinfecção. Em outras palavras, ele literalmente mata bactérias e vírus. Já as maçanetas em aço inoxidável e plástico são consideradas os ambientes ideais para a proliferação de micro-organismos.

2. Lavar janelas em dias de sol

Lavar as janelas em dias ensolarados pode não ser uma ideia tão boa. É mais recomendável adiar essa tarefa para um dia nublado, sem luz solar direta.

Assim como acontece ao lavar o carro, o trabalho de limpar janelas vira uma grande bagunça porque o calor do sol faz com que os vidros sequem rapidamente e acabem ganhando manchas. E você não vai querer ver toda sua dedicação indo para o ralo, não é mesmo?

3. Deixar o rolo de papel higiênico com a ponta virada para trás

As pessoas já polemizaram tanto em relação à maneira correta de se colocar o rolo de papel higiênico que a discussão sobre “para trás ou para a frente” ganhou contornos de lenda urbana. Porém, pesquisas indicam que o número de fãs da opção “para a frente” é bem maior que o de quem prefere “para trás”. E até mesmo o inventor do rolo de papel higiênico sempre sugeriu que ele deve ser posicionado de forma a permitir que o papel passe por cima do rolo, não por baixo.
O raciocínio por trás disso é que, quando o indivíduo está no banheiro e percebe que o papel higiênico acabou, encosta menos na área em volta usando a mesma mão utilizada para limpar as partes íntimas. Além disso, o papel em si não entra em contato com a parede do banheiro, terreno fértil para o acúmulo de bactérias.

4. Tirar os sapatos dentro de casa

Em muitas culturas, é comum que as pessoas tirem os sapatos antes de entrar em uma casa. No Japão, por exemplo, os habitantes geralmente contam até com chinelos específicos para uso no banheiro, que são retirados do pé assim que o morador deixa o cômodo. A razão para o surgimento da higiênica tradição de tirar os sapatos ainda do lado de fora, antes de entrar na casa, é simples: por meio dela, evita-se deixar sujeira e resíduos no piso e nos tapetes dentro da residência. Além disso, as solas dos sapatos são tidas como o lar perfeito para bactérias capazes de provocar infecções. Sendo assim, ao tirar os sapatos antes de entrar em casa, você evita o risco de contrair doenças.

5. Tirar poeira dos móveis depois de passar aspirador

Para alguns de nós, tirar a poeira de móveis e objetos depois de passar o aspirador parece ser o final lógico rumo a uma casa brilhando de tão limpa. Contudo, é sempre melhor remover toda a poeira do ambiente antes de aspirar, pois dessa maneira, você conseguirá se livrar das partículas que ficam suspensas no ar por algum tempo, caindo no chão em seguida. Ademais, a remoção da poeira também precisa ser feita adequadamente: começando pelas superfícies superiores e descendo em direção às de baixo. A técnica permite que você retire previamente a maior parte da poeira e, depois, use o aspirador para tirar tudo que sobrar.

6. Mover a escova do aspirador em uma direção

Entre os principais erros que costumamos cometer ao usar o aspirador está mover o aparelho em uma direção só ou fazê-lo de maneira extremamente rápida, para frente e para trás. Nenhum desses movimentos é útil para quem deseja atingir os melhores resultados na faxina.

Profissionais da limpeza recomendam que a aspiração seja feita em ambas as direções, mas em fileiras: primeiro, devemos levar a escova do aspirador à frente, chegando com ela até o fim da fileira. Em seguida, deve-se voltar pela mesma fileira, coletando a poeira restante e aproveitando para deixar o tapete mais fofinho. Usando tal técnica, aliás, é possível aspirar de maneira fácil e eficaz todo o ambiente.

7. Deixar as cortinas abertas em dias ensolarados

Claro que deixar um pouco de luz solar entrar em sua casa é algo agradável, capaz de deixar qualquer lar mais aconchegante. Entretanto, o hábito traz uma grande desvantagem: os raios ultravioleta e a luz direta fazem com que tapetes, móveis e itens decorativos percam cor, ficando com aquele ar desbotado. A forma mais prática de proteger peças como sofás e poltronas, que como bem sabemos, não são coisas baratas, é posicioná-las em áreas da casa onde haja sombra.

Caso não queria mudar a mobília de lugar, você ainda poderá mantê-las a salvo recorrendo a persianas ou cortinas instaladas nas janelas. Só que elas precisam ficar fechadas quando estiver fazendo sol. Dessa forma, sob a sombra artificial, seus móveis conservarão a beleza por muito mais tempo. Películas para janelas também servem ao mesmo propósito, já que as opções de maior qualidade disponíveis no mercado refletem até 99,9% da luz ultravioleta.

8. Deixar o capacho na posição errada

Os capachos que muitas pessoas têm na porta de casa, funcionam como uma barreira adicional para impedir que a sujeira entre no local onde vivemos. Quando passamos pelo capacho, deixamos uma quantidade considerável de resíduos que saem dos nossos calçados. Quando você posiciona um capacho retangular no sentido do comprimento, ao invés do da largura, precisará dar mais passos nele para chegar à entrada, deixando mais sujeira no tapete que dá as boas-vindas às visitas.

9. Limpar sob luz artificial

Partículas de poeira são vistas mais facilmente sob a luz natural, e talvez você já tenha percebido isso ao observar um feixe de luz no qual a sujeira parece estar “dançando”, suspensa no ar. Por tal motivo, é sempre melhor retirar a poeira de casa quando o sol estiver brilhando lá fora. Assim, você conseguirá enxergar claramente as áreas sujas e fazer uma limpeza precisa. A luz artificial não dá uma imagem muito clara das superfícies com poeira, e é bem provável que, já no dia seguinte, seja necessário repetir a tarefa

10. Limpar os vidros das janelas depois das molduras

Na hora de limpar janelas, é bom lembrar que as vidraças, assim como os parapeitos, são geralmente as partes com maior acúmulo de sujeira. O primeiro passo não deve ser limpar os vidros, e sim remover toda a poeira e sujeira dos caixilhos e parapeitos das janelas com a ajuda de um aspirador de pó. Só depois deve-se lavar a vidraça usando uma solução de limpeza apropriada.

Reforçando: só depois de limpar as molduras é que os vidros devem ser lavados. Se você inverter a ordem, toda a sujeira presente na moldura irá para a vidraça que acabou de ser limpa. O resultado certamente será a necessidade e refazer todo o trabalho.

Você também erra ao realizar alguma das tarefas domésticas mostradas acima? Em sua opinião, qual a parte mais difícil de manter a casa limpa e aconchegante? Comente!

Incrível/Casa/10 Erros no cuidado doméstico que podem deixar sua casa bem menos aconchegante
Compartilhar este artigo
Você pode gostar destes artigos