Vencedora do Miss Buenos Aires tem 60 anos e está enfrentando duras críticas por participar do concurso

Famosos
há 1 mês

Foi-se o tempo em que para ser uma Miss era necessário ter o corpo mais magro, o nariz mais fino, e a “idade perfeita”. Um exemplo disso é Alejandra Rodriguez, modelo de 60 anos, que venceu o Miss Universo da província de Buenos Aires, na Argentina, e prova que não há tempo certo para realizar sonhos. Mesmo que enfrente críticas, ela está disposta a concorrer às próximas etapas do concurso e dar o seu melhor.

Residente da cidade de La Plata, na Argentina, Alejandra Rodriguez é advogada e jornalista, e fez a sua estreia no concurso “Miss Universo Buenos Aires”, que pela primeira vez, não teve restrição de idade, e no qual se consagrou em primeiro lugar.

Geralmente, pena-se no posto atribuído às mulheres mais novas e com características físicas realmente padronizadas. Contudo, é possível notar que os concursos de beleza estão mudando seus critérios e expandindo os horizontes para que sejam cada vez mais democráticos. Aos 60 anos, por exemplo, Alejandra realizou um grande sonho e seguirá para a disputa nacional. E caso vença, poderá representar o seu país natal na acirrada competição “Miss Universo Internacional”.

“A beleza não é apenas o físico. Tem a ver com a atitude perante a vida, que vai além da estética. Por isso, acho que o concurso veio para quebrar esses estereótipos, e é isso que está lhe dando tanta visibilidade. Eu nunca havia me inscrito. Agora surgiu essa oportunidade e me pareceu um desafio, uma proposta muito interessante.” conta ao canal de televisão de notícias por assinatura argentino, cheia de orgulho de si.

Agora, o próximo passo para Alejandra Rodriguez será concorrer com outras 27 finalistas argentinas, o que pode garantir a sua vaga na etapa mundial do concurso. Sabendo que, ao enfrentar um concurso com normas que parecem socialmente pré-estabelecidas, ela conta que pensou muito na escolha de concorrê-lo: “Foi uma decisão bastante pensada. Mas, graças à diretora do Miss Universo Buenos Aires, decidi me inscrever aos 60 anos.”

Em entrevista, a modelo revela que nunca fez cirurgias plásticas e salienta que o seu maior “truque de beleza” está em manter uma rotina saudável: "O básico é ter uma vida saudável, se alimentar bem, fazer atividades físicas. Cuidados normais, nada de muito extraordinário. E um pouco de genética, claro. Faço jejum intermitente, que é ficar um período de tempo sem consumir alimentos, para que o organismo vá se desintoxicando. Isso ajuda bastante. E costumo consumir alimentos orgânicos, muitas frutaslegumes. Cirurgias, não tenho. Uso bons cremes, tenho algum tratamento de beleza natural, massagem.

Nas redes sociais, nota-se que a recepção do público em relação à quebra de paradigma do concurso nem sempre é tão acalorada ou positiva. Porém, Alejandra não parece demonstrar incômodo com isso. “Trata-se de um grande desafio. Uma proposta muito interessante”, revela.

Não foi só Alejandra que enfrentou duras críticas pela sua participação em concursos de beleza. A Miss Nepal, por exemplo, foi a primeira candidata plus size do concurso “Miss Universo”, em 71 anos, e deu uma lição ao mundo de confiança e autoestima. Confira aqui os detalhes dessa história!

Comentários

Receber notificações
Sorte sua! Este tópico está vazio, o que significa que você poderá ser o primeiro a comentar. Vá em frente!

Artigos relacionados