Vai encarar? Pote de molho há 60 anos sem lavar pode ser o segredo desse saboroso espetinho

Receitas
há 5 meses

Você é corajoso o suficiente para experimentar algo verdadeiramente único? Imagine comer um espetinho em um restaurante que nunca lavou seu pote de molho nas últimas seis décadas. O dono de um restaurante em Tóquio desafia a lógica e conta qual é o segredo do seu sucesso. O que está por trás dessa tradição inusitada é o que contamos nesse artigo.

Segredo do sabor: o pote misterioso do Abe-chan

Um restaurante popular em Tóquio, Japão, está no centro das atenções por afirmar que mergulha seus deliciosos espetinhos de porco em um pote de molho que não é limpo há mais de meio século. O restaurante Abe-chan, famoso por seus espetinhos de porco, localizado no bairro de compras Azabu Juban em Tóquio, recentemente ganhou destaque em um popular programa de televisão japonês.

De fato, o programa revelou que um dos segredos de seu sucesso era um pote de molho de aparência duvidosa, coberto por uma massa gelatinosa. Surpreendentemente, este era o mesmo pote de molho em que os espetinhos de porco foram mergulhados nos últimos 60 anos, e a massa marrom escura ao redor do pote é o molho que derramou e endureceu ao longo das décadas.

O tesouro da tradição centenária do Abe-chan

O atual proprietário do Abe-chan já representa a terceira geração à frente do estabelecimento. Segundo ele, o pote nunca foi limpo nas últimas seis décadas, o que, aparentemente, contribui para o sabor rico do molho. Em vez de limpar o pote de molho todos os dias, após o fechamento, a equipe do Abe-chan simplesmente despeja mais molho sobre os restos, o que apenas amplifica seu aroma.

A massa endurecida em torno do pote de molho não é a visão mais apetitosa para as pessoas que pedem comida de rua. Mas, para os proprietários do Abe-chan, é um tesouro valioso colocado ao lado da churrasqueira a carvão.

Aliás, o restaurante Abe-chan foi fundado em 1933 pelo avô do atual proprietário, e o pote de molho existe desde os primeiros dias. A tradição de adicionar molho sem realmente limpar o recipiente foi respeitada por todas as três gerações, e o proprietário atual está convencido de que isso contribuiu para o sucesso do negócio familiar.

Clientes e especialistas discutem o molho duvidoso

Durante o programa de televisão, especialistas foram questionados sobre os possíveis riscos de higiene de simplesmente adicionar novo molho a um recipiente que não foi limpo em várias décadas. Um deles afirmou que, se o molho for tratado termicamente o suficiente, não deve haver perigo de contaminação bacteriana.

Além disso, um experimento em que água limpa foi adicionada a um recipiente cheio de água preta 365 vezes mostrou que a maioria dos conteúdos originais nem existia mais no final. Portanto, não é como se o pote realmente contivesse molho de 60 anos atrás.

O programa de televisão causou um grande alvoroço online. Enquanto alguns clientes do Abe-chan defenderam o restaurante, afirmando que haviam comido lá por anos e nunca tiveram problemas de saúde devido à comida, outros alegaram que o pote de molho com aparência estranha levantava sérias preocupações com a higiene.

E agora, manter a tradição ou mudar?

Após a repercussão, não está claro como o Abe-chan está lidando com a crítica à sua tradição centenária. Algumas fontes afirmam que o proprietário decidiu seguir em frente com o negócio como de costume, apesar da controvérsia. Você arriscaria comer um espetinho no Abe-chan, coberto por um molho que pode ser mais velho que você?

Muitas pessoas evitam comer em restaurantes que não conhecem, com medo de a higiene não ser a melhor. Mas, mesmo os mais conceituados, podem guardar segredos na sua cozinha que afastariam os clientes para sempre!

Imagem de capa Oddity Central

Comentários

Receber notificações
Sorte sua! Este tópico está vazio, o que significa que você poderá ser o primeiro a comentar. Vá em frente!

Artigos relacionados