A história secreta do idoso que morou em uma propriedade de Brad Pitt de R$ 200 milhões sem pagar aluguel

Famosos
há 3 meses

Você já ouviu falar da história que envolveu um idoso vivendo de graça em uma propriedade avaliada em R$ 200 milhões, pertencente ao Brad Pitt? Neste artigo, vamos desvendar esse segredo que permaneceu escondido por anos. Imagine alguém que, sem pagar um centavo de aluguel, compartilhou os mesmos terrenos que uma das maiores estrelas de cinema do mundo. E o mais surpreendente é que essa história de generosidade foi revelada por nada menos que Elvira, a “rainha das trevas”!

O Brad Pitt que poucos conhecem

Brad Pitt, o famoso ator de Hollywood, não é apenas conhecido por sua atuação, mas também por sua generosidade surpreendente. Durante a compra de uma propriedade de quase 8.000 m² em Los Angeles, que adquiriu em 1994 de Cassandra Peterson, ampliando-a gradualmente para incluir casas vizinhas, uma história única de generosidade surgiu.

A história por trás da casa

A história surgiu graças à própria Cassandra, atriz amplamente conhecida como a Elvira, do filme Elvira, a Rainha das Trevas, de 1988. Ela vendeu uma propriedade ao astro por aproximadamente R$ 8,5 milhões, se tornando sua vizinha de longa data. Posteriormente, Brad foi comprando as casas vizinhas a essa, totalizando 22 residências contíguas.

O vizinho inusitado de Brad

Ela revelou um acordo único que Brad Pitt tinha com um vizinho idoso, inquilino de uma dessas casas. O ator permitiu que John, um homem em seus 90 anos, continuasse vivendo em sua propriedade sem pagar nada de aluguel. Cassandra, ao descrever a generosidade de Pitt, afirmou: “Ele foi muito gentil com o marido. Sua esposa faleceu, e John continuou morando lá. Eu sei que Brad permitiu que ele morasse lá sem pagar nada até sua morte.”

Esse ato de generosidade se estendeu por muitos anos, já que John viveu até os impressionantes 105 anos. Cassandra brincou sobre a situação, dizendo: “Foi engraçado, porque John viveu até os 105 anos. Acredito que Brad estava pensando, bem, ele pode morar lá até morrer, o que poderia acontecer a qualquer minuto.”

Como é ser vizinho de Brad Pitt

Além dessa história, Cassandra compartilhou suas próprias experiências pessoais com Brad Pitt ao longo dos anos. Ela o descreveu como “sempre gentil e doce”. Ela lembrou de um incidente memorável quando o viu se preparando para o filme Clube da Luta em 1999. Durante um passeio com seu cachorro, ela o encontrou em sua garagem, vestindo apenas um moletom e luvas de boxe, socando um saco.

Cassandra recordou sua surpresa e admiração, dizendo: “Juro que quase desmaiei. Lembro que ele disse, ’Ei, como vai?’ e eu estava tipo, ’Hã?’ Eu não conseguia falar. Estava ficando vermelha. Sentia que estava desmaiando. Ele é lindo, deslumbrantemente bonito — e simpático, para completar.”

Cassandra também compartilhou um acontecimento divertido sobre as reações de seus amigos quando souberam de seu vizinho superstar. “Uma das minhas histórias favoritas... Eu estava em um pequeno restaurante no final da rua, tendo uma reunião para angariar fundos para a escola do meu filho. Eu estava lá com cerca de quatro ou cinco outras mães, tomando café, e de repente sinto um toque no meu ombro. Eu me viro e era Brad. Ele disse, ’Cassandra!’ e me deu um grande abraço.”

Ela acrescentou com uma risada: “Tenho que te dizer, as outras mães com quem eu estava, estavam de boca aberta e não conseguiam fechar a boca. Morar ao lado dele foi uma ótima experiência.” A propriedade, vendida 30 anos depois por R$ 201 milhões, serviu como o lar onde Brad Pitt e sua ex-esposa Angelina Jolie criaram seus seis filhos. O casal se separou em 2016.

E você, sabia que o Brad Pitt havia feito esse ato de bondade tão inspirador com um vizinho desconhecido? Além dessa história, há muitas outras sobre ele que o grande público desconhece. Por exemplo, ele teve um encontro às cegas e um breve relacionamento com uma das atrizes de Friends.

Comentários

Receber notificações
Sorte sua! Este tópico está vazio, o que significa que você poderá ser o primeiro a comentar. Vá em frente!

Artigos relacionados