20+ Fatos sobre o Brad Pitt que você talvez não saiba (Ele foi banido de entrar na China para sempre)

É difícil de acreditar, mas um dos principais símbolos sexuais de Hollywood fez 55 anos. Desde sua primeira aparição no cinema, ele se tornou um verdadeiro ídolo para milhões de pessoas, um ator e produtor de primeira classe. E em breve, veremos nas telas o tanto esperado filme de Quentin Tarantino Era Uma Vez Em... Hollywood, com Brad Pitt e Leonardo DiCaprio nos papéis principais.

Nós, da Incrível.club estamos, ansiosos para o lançamento do novo filme e decidimos lembrar dos fatos mais marcantes da vida do ator.

Começo de carreira

William Bradley Pitt nasceu em 1963 na pequena cidade de Shawnee, em uma família batista religiosa.

Depois da terminar a escola, William estudou jornalismo e publicidade na universidade, mas não trabalhou na profissão e, assim, decidiu tentar a sorte em Hollywood com apenas 235 dólares no bolso. Nessa época ele prefiriu renunciar o nome completo e se tornou Brad Pitt.

Antes de se tornar uma estrela de cinema, o jovem Brad chegou a trabalhar como carregador, motorista e até mesmo vestido de frango para a rede de restaurantes El Pollo Loco. Ele precisava juntar dinheiro para pagar o aluguel e os cursos de artes cênicas. Logo, o jovem foi notado e começou a ser convidado para papéis esporádicos em filmes e em séries de TV.

“Tive que dançar vestido com uma fantasia de frango na frente do restaurante para atrair o público. Assim, eu descobri, em primeira mão, o poder da publicidade e o que eu acabei estudando por 4 anos na faculdade”.

O primeiro longa-metragem com Pitt, O Príncipe das Sombras, foi lançado apenas 10 anos depois do término das filmagens, visto que parte do filme foi perdida no decorrer do trabalho.

No início de sua carreira, Pitt estava ocupado em um projeto bastante incomum chamado Mundo Proibido, onde atores e personagens de desenhos animados eram misturados. Infelizmente, tal projeto não fez sucesso na bilheteira.

Reconhecimento e fama

O ator acordou em um dia realmente famoso depois de seu papel no filme cult Entrevista com o Vampiro, onde contracenou com os já famosos Antonio Banderas e Tom Cruise.

“Aprendi com os monges tibetanos que as 3 coisas mais terríveis que podem acontecer a um homem são a beleza, glória e riqueza”.

Depois, ele deu continuidade a uma série de excelentes trabalhos em filmes inesquecíveis como Lendas da Paixão, Seven — Os Sete Crimes CapitaisEncontro Marcado. E, depois de gravar o filme Sete Anos no Tibet, o ator foi proibido para sempre de visitar a China por causa de discordâncias políticas.

Aliás, Brad Pitt fala muito bem Japonês.

Para aprimorar ainda mais sua imagem nas telinhas, o ator mudou seu sorriso para que ficasse branco como o chamado “sorriso de Hollywood”. Porém, logo ele foi convidado para participar do filme Clube da Luta. E claro que seu personagem, o independente Tyler Durden, não podia ter um sorriso perfeito. Por isso, Brad teve que pedir a seu dentista que quebrasse seu dente da frente.

Para as filmagens do filme Tróia, onde o ator interpretou Aquiles, ele teve que ganhar 10kg de massa muscular e, por uma estranha coincidência, teve uma lesão em seu tendão de Aquiles.

Pitt é a única pessoa que foi reconhecida duas vezes como o homem mais sexy do mundo pela revista People.

“Vocês têm ideia do que é ser Brad Pitt? Isso significa entrar pela porta da frente apenas quando há um tapete vermelho à sua frente, fotógrafos e multidões à sua volta. Isso significa conhecer todas as entradas de fundo e elevadores de serviço e se apertar no canto quando a empregada do hotel empurra seu carrinho de limpeza para dentro do elevador. Enfim, isso significa estar preparado para acenar durante os 15 andares no elevador”.

Parece um paradoxo, mas Brad até hoje não recebeu nenhum Oscar por suas atuações, mesmo tendo sido nomeado 3 vezes. A primeira vez foi em 1996, com um papel secundário que ele teve no filme Os Doze Macacos. A segunda vez ele quase ganhou a estatueta por seu papel principal em O Curioso Caso de Benjamin Button.

Depois de 3 anos o ator foi indicado ao Oscar duas vezes: como produtor na categoria “Melhor filme” e como “Melhor Ator” pelo seu papel no drama O Homem Que Mudou o Jogo. A sorte sorriu para Brad somente em 2014. Ele finalmente recebeu uma estatueta, mas não como ator, e sim como produtor do filme 12 Anos de Escravidão.

A propósito, essa mesma cerimônia foi eternizada pela pizza coletiva, que foi encomendada pela apresentadora Ellen Degeneres. Claramente, Pitt não é indiferente a esse prato, e dizem que ele deu uma gorjeta generosa ao entregador.

Em Hollywood, há uma teoria chamada “O Continuum Pitt-Hanks”, que explicaria o porquê Brad não recebeu nenhum Oscar pelo seu trabalho como ator. De acordo com a teoria, existem 2 tipos de atores: o primeiro tipo seria o de Brad Pitt e o segundo de Tom Hanks. Os atores do tipo “Pitt” podem trabalhar por anos, demonstrando impecáveis atuações, mas não recebem por isso uma premiação merecida. Ao mesmo tempo, os atores do tipo “Hanks” podem receber um Oscar simplesmente por trabalhos bem-sucedidos.

Recentemente, um usuário do Reddit realizou uma pesquisa curiosa: ele calculou quanto comem os personagens de Pitt em diferentes filmes. E parece que nos filmes onde os atores precisam comer mais, mostra-se melhor sua imagem nas telas e os espectadores têm tendência a reagir melhor.

Num total, Brad consumiu 4986 calorias em toda sua carreira. E, ele ingeriu mais calorias no filme O Homem Que Mudou o Jogo. De acordo com a pesquisa, na maioria das vezes, o ator comeu peru nas telas, o que ele fez em 5 de seus filmes.

Vida pessoal

Quando jovem, Pitt tinha a fama de ser garanhão. Nos anos 80, ele teve um relacionamento com a futura mulher do lutador de boxe Mike Tyson, a famosa modelo Robin Givens.

Mais tarde, ele teve um romance passageiro com a atriz Christina Applegate. A história de amor chegou ao fim quando a atriz terminou com Brad publicamente na cerimônia da MTV Awards.

Durante as filmagens do thriller Seven — Sete Crimes Capitais, Brad começou a namorar com Gwyneth Paltrow. O jovem casal estava apaixonado, mas terminaram pouco tempo depois sem nenhuma explicação.

O renomado ator conheceu Jennifer Aniston de uma forma um pouco inusitada: os agentes dos dois marcaram um encontro às cegas para as estrelas. Em 2000, o casal se casou para a felicidade dos fãs, mas depois de 5 anos eles se separaram.

Aliás, no ano de 2001, Pitt e Aniston fundaram juntos uma produtora de filmes chamada Plan B. Graças a ela, foram gravados filmes famosos como Tróia, Os Infiltrados, A Fantástica Fábrica de Chocolate, Sob a Luz do Luar, Guerra Mundial Z e outros mais.

Brad Pitt conheceu Angelina Jolie durante as gravações do filme Sr. & Sra. Smith e, depois de um ano, eles adotaram sua primeira filha na Namíbia. Mais tarde, o ator se tornou pai de mais 2, assim como dos filhos adotados com Angelina. No momento, Angelina e Brad têm 6 filhos: 3 meninas e 3 meninos. Todos têm o sobrenome duplo Jolie-Pitt.

“Paternidade é a melhor coisa que eu já participei. Isso muda completamente seu ponto de vista. Você pode escrever um livro, fazer um filme, pintar um quadro, mas ter filhos é realmente a coisa mais estranha que já fiz”.

Pitt e Jolie se casaram no papel somente 10 anos depois de já estarem vivendo juntos. O anel de noivado que Pitt deu à futura esposa foi feito de acordo com esboços criados pelo próprio ator. Os joalheiros demoraram quase um ano para preparar o presente.

O contrato pré-nupcial do casal tinha 101 páginas.

Antes de se separarem, eles filmaram juntos o filme Costa Azul. Por uma ironia do destino, o filme conta a história de uma casal que tentava salvar o próprio casamento. Infelizmente, essa terapia não funcionou: o longa recebeu uma avaliação ruim e, logo depois, Jolie e Brad se divorciaram.

“Uma hora ou outra, todos nós vamos nos separar. Não só com os filhos, mas também com aqueles que amamos. Não vou mentir, da morte eu realmente tenho medo. Mas da vida, não, não tenho medo”.

Prazeres e fraquezas

Brad Pitt é apaixonado por motos. Em sua coleção ele tem muitas marcas diferentes, e aqui é possível ver uma um pouco diferente, da marca “Ural”, que ele optou por andar com seu filho na Califórnia.

“Eu ando de moto. Sabe, ter o prazer da liberdade é isso: você está parado no sinal perto do carro de alguém, e de repente, nota que eles estão escutando rádio. E com o capacete não precisa se esconder”.

Brad Pitt possui uma adega em Provença e produz vinho rosé da marca Miraval.

O ator gosta muito de arquitetura, teve aulas de design de computação com o famoso arquiteto Frank Gehry e foi até co-autor da monografia destinada à casa de Robert Rowe Blacker.

Em 2006, Pitt criou uma fundação para o financiamento de moradias populares em Nova Orleans, destinadas às pessoas que foram afetadas pelo furacão Katrina.

“Isso é tudo um egoísmo saudável, que se entende só depois dos 40 anos, que é usar o mundo para fins próprios, o principal dos quais é ser útil para o mundo”.

No ano de 2018 o ator tentou comprar um “encontro” com a atriz Emilia Clarke por 120 mil dólares, durante um leilão beneficente para uma fundação de ajuda ao Haiti. No entanto, Pitt perdeu o posto para um comprador anônimo que ofereceu 180 mil dólares. Depois de um tempo, Clarke lamentou que Brad tenha perdido.

Qual o papel de Brad Pitt você mais gostou? Já está esperando o novo filme dele sair? Comente!

Compartilhar este artigo