Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Descubra a função de 8 objetos cotidianos

----
23k

Em nossa vida cotidiana, estamos rodeados por inúmeros objetos, com as mais diversas funções. E eles são tão frequentes em nossas vidas que dificilmente paramos para pensar em como surgiram e para que realmente servem.

O Incrível.club decidiu satisfazer sua curiosidade e contar o segredo surpreendente de coisas presentes no nosso dia a dia.

#8. Furos nas rosquinhas

Esta sobremesa tão comum em diversos países já tem centenas de anos.

Atualmente, os padeiros sabem fazer doces em diferentes formas e tamanhos. Mas antes, era difícil fazer com que as bordas e o centro da sobremesa ficassem igualmente assados. Por isso, os trabalhadores inventaram este formato, com um furo no meio, para resolver o problema.

#7. Pequenos pontos nos para-brisas dos carros

Estes pequenos pontos pretos são dispostos simetricamente nas extremidades dos para-brisas. Eles são feitos em tinta cerâmica, e possuem várias funções.

Em primeiro lugar, protegem a cola hermética usada para fixar o para-brisa contra os raios ultravioleta. Além disso, os pontos pretos fazem com que a sujeira acumulada no local fique menos visível.

#6. Margens nos cadernos

Antigamente, os livros e cadernos sofriam muito com infestações de ratos, que adoravam roer as extremidades das folhas. Para evitar que os animais devorassem alguma informação importante, passou-se a usar a estratégia das margens. Se eles roessem, demoraria para chegar nas letras.

#5. Marcas em bolas de golfe

As primeiras bolas de golfe eram totalmente lisas. No entanto, com o passar do tempo, os fãs do esporte perceberam que era melhor jogar com uma bola já desgastada. Por isso, usavam as mesmas bolas ano após ano.

Ao notarem esta tendência, os fabricantes do objeto passaram a produzir bolas "envelhecidas", cheias das depressões que conhecemos atualmente.

#4. "Bucle" en ropa

Muitas jaquetas e casacos trazem um pedaço de tecido na parte posterior. O artefato apareceu há séculos em agasalhos militares. À época, peças deste tipo eram tão grandes que, para ficarem mais confortáveis, costumava-se recorrer a pedaços de tecido para "marcar a cintura". Além disso, à noite, os militares podiam desabotoar o pedaço de tecido e usar o agasalho como se fosse um cobertor. O tempo passa, as tradições mudam, mas esse artefato continua existindo.

#3. Furos nos cadeados

De forma geral, quando os cadeados estão desgastados e começam a enferrujar, resolvemos o assunto da maneira mais fácil: comprando outro cadeado. No entanto, este furo serve justamente para estas ocasiões. Ao despejar um pouco de lubrificante, o cadeado volta a funcionar como antes. Bingo!

#2. Listras no plugue de fones de ouvido

Talvez você já tenha notado que os plugues de fones de ouvido têm 3 listras. E elas não estão ali por um motivo estético. De cada listra sai uma ligação para ambos os fones. Se não fosse por este detalhe, nós só ouviríamos música em um dos ouvidos ao conectar os fones ao celular ou aparelho de som.

#1. Bordas marcadas nas moedas

Sim, as bordas com "estrias" das moedas também não foram criadas por acaso. A técnica começou a ser utilizada no século 16. Naquele tempo, os golpistas frequentemente lixavam camadas dos metais preciosos das moedas para criar outras, de valores diferentes. Com o objetivo de lutar contra as falsificações, decidiu-se criar um padrão específico para as bordas das moedas. O tempo passou, mas o costume permaneceu até os dias atuais.

Imagem de capa Pixabay, depositphotos
----
23k