Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

13 Formas simples e diferentes de treinar o seu cérebro

Até 1998 cientistas pensavam que as células nervosas não podiam ser recuperadas. Com o passar do tempo, eles demonstraram que novos neurônios aparecem também em adultos. Além disso, foi descoberto que a dminuição de nossa capacidade mental não se relaciona à morte das células, mas à perda de sua plasticidade. Ou seja, se o cérebro se acostuma a fazer sempre o mesmo, a conexão entre os neurônios diminui.

Sendo assim, tarefas de rotina enfraquecem o cérebro e a conexão entre os neurônios diminui. Pensando nisso, os neurocientistas americanos Lawrence Katz e Menning Rubin desenvolveram a neurobicidade: alguns exercícios não padronizados que quebram o caminho natural das ações do cérebro.

Escolhemos alguns exemplos interessantes para que você começa a treinar os seus neurônios hoje mesmo.

1. Escovar os dentes com a outra mão

Ao usar a outra mão, usamos outro hemisfério e treinamos o cérebro.

  • Coma sopa, escove os dentes, abra garrafas, jogue bola e tente fazer outras coisas do dia a dia com a mão não usada (a esquerda, se você for destro; a direita, se você for canhoto, claro).

2. Faça alguma coisa com os olhos fechados

Quando 'desligamos' um dos sentidos, todos os outros ficam mais fortes. Sendo assim, a sua mão pode começar a perceber coisas que os seus olhos não veem. Além disso, essa é uma boa maneira de desenvolver a memória.

  • Tente usar apenas um dos sentidos. Por exemplo, toma banho ou lave a louça com os olhos fechados.

3. Coloque os objetos de cabeça para baixo

Ao olhar objetos de cabeça para baixo, o seu cérebro não compreende imediatamente o que eles são. Você o obriga a se esforçar e conectar o hemisfério direito para reconhecer sua cor, forma e tamanho. Esse exercício não permite descanso, então não faça durante muito tempo.

  • Vire fotos, relógios e outros objetos no escritório. Em geral, objetos que você costuma ver o tempo todo na mesma posição.

4. Mude alguns objetos da sua casa de lugar

Lembre-se: qualquer mudança simples no seu entorno faz bem, melhora a memória e o estado de ânimo.

  • A reorganização da casa não é apenas um bom exercício para o corpo, mas para a mente. Mude a cama de lugar, troque alguns quadros na parede ou leve um vaso de um lugar para outro na casa.

5. Troque de lugar com alguém

Quando estamos em um novo lugar, nosso cérebro tem novas impressões. Este exercício ajuda a desenvolver a criatividade e permite que olhemos para as pessoas e para as coisas de outra maneira.

  • Tente sentar em outro lugar na hora do almoço, ou peça para um colega de trabalho que vocês troquem de lugar um dia.

6. Recite o alfabeto ao contrário

Tente recitar o alfabeto ou ler propagandas ao contrário. O exercício é muito bom para treinar a memória.

7. Acrescente novos sentidos a algumas tarefas

As lembranças e as impressões serão mais vivas se você incluir sons, cheiros e imagens.

  • Por exemplo, ao ler um livro, estabeleça uma iluminação adequada e crie essa associação. O mesmo pode ser feito com um cheiro ou um som específico, que passarão a ser parte da leitura.

8. Olhe com atenção para as estantes e para os produtos no supermercado

Tente não olhar para onde você está acostumado, ou seja, olhe para o que está lá embaixo ou lá em cima. Você pode se surpreender com algumas novidades e inclusive promoções.

  • Tente comparar a descrição com a composição dos produtos. Olhe para todas as prateleiras e crie novas experiências com atividades de rotina.

9. Aprenda a escrever ao contrário usando um espelho

O próprio Leonardo da Vinci costumava codificar mensagens usando um espelho. Escrever ao contrário é um dos melhores treinos para o cérebro.

  • No começo, escreva apenas algumas letras. Depois, passe para palavras e frases.

10. Responda a perguntas habituais de maneira original

A procura por uma resposta atípica é um excelente treino para os neurônios. Tente abandonar as respostas comuns.

  • Você pode responder usando frases diferentes e acabar se surpreendendendo com a própria criatividade.

11. Aprenda a reconhecer as moedas com os olhos fechados

Mais uma vez, feche os olhos e use outros sentidos. Nesse caso, use o tato e aproveite para desenvolver a memória.

12. Assista televisão sem som

No começo, faça isso apenas durante a propaganda. Tente adivinhar o que está sendo dito. Depois, faça o mesmo durante os programas.

  • É muito divertido realizar esse exercício com amigos e até mesmo com crianças.

13. Crie pinturas imaginárias

Escolha algum lugar e tente pintá-lo em detalhes na sua cabeça. Como é o clima, estou sozinho, o que há no local? Pouco a pouco, comece a fazer com que o exercício fique cada vez mais complexo.

Lembre-se de uma pessoa conhecida. Com que cor você a associa? Com que clima? Com que figura geométrica? E em que hora do dia ela aparece? Depois, faça um desenho com as respostas. O desenho pode ser abstrato, o principal é que você plasme nele as associações que criar.