Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

11 Erros de maquiagem que podem arruinar seu visual

A maquiagem ajuda a realçar os nossos melhores traços e a esconder nossas imperfeições. Para isso, deve ser aplicada do jeito certo e ainda é preciso usar a quantidade e o produto adequados para o nosso tipo e tonalidade de pele. É muito comum cometer deslizes e isso, muitas vezes, resulta no contrário do desejado.

O Incrível.club reuniu 11 erros de maquiagem que nos fazem parecer mais cansadas ​​e, até mesmo, aparentar alguns anos a mais.

1. Não preparar a pele para a maquiagem

Uma boa maquiagem começa antes da aplicação dos produtos. Primeiro, é importante limpar e equilibrar sua pele para remover os resíduos e purificar os poros. Em seguida, vêm os primers. Eles não apenas servem para fazer sua maquiagem durar a noite toda, como também ajudam a esconder as pequenas imperfeições.

Basta aplicar o primer sobre a pele bem hidratada. Assim, será mais fácil minimizar as rugas, diminuir os poros, além de conseguir uma pele com um aspecto mais uniforme.

2. Usar um corretivo de tom muito claro

Quando se trata de cobrir esses círculos pretos irritantes ao redor dos olhos, costumamos escolher um tom mais claro, acreditando ser o ideal para esse fim. Mas acontece o contrário: tendem a dar um tom acinzentado, o que nos faz parecer mais cansadas. O modo correto de esconder as olheiras é cobri-las com um primer de um tom um pouco mais claro do que a base. Faça isso e, em seguida, aplique um corretivo da mesma cor da sua pele.

3. Não usar pincel para aplicar a base

Usar os dedos para aplicar a base pode levar a efeitos indesejáveis ​​no acabamento, além de não ser muito higiênico. Em vez disso, tente recorrer a um pincel para minimizar o efeito do uso do produto e obter um efeito de segunda pele, que garante um resultado elegante.

É necessário ter muito cuidado nessa etapa, pois a base uniformiza o tom da pele e será a estrutura sobre a qual o restante da maquiagem será aplicado. Por exemplo, usar muita base dará uma sensação de “máscara” no rosto e é até possível que o produto fique depositado em suas linhas de expressão, realçando as rugas.

4. Usar produtos com efeito mate

As bases, os corretivos e os pós com efeito mate são pensados para acabar com o brilho da zona T (testa, nariz e queixo) ou para fixar a maquiagem. Mas, se não forem usados ​​com esse propósito ou se forem aplicados do jeito errado, podem reduzir a luminosidade e o aspecto de rosto descansado, além de acentuarem as rugas da pele.

Eles são especialmente recomendados para peles oleosas e só devem ser aplicados nas áreas já mencionadas. Se você tem pele seca ou normal, é melhor evitá-los e tentar controlar a oleosidade com uma boa rotina de higiene, não com produtos de maquiagem.

5. Abusar dos brilhos

Os brilhos são muito lindos e costumam chamar atenção, mas tenha cuidado para que isso não ocorra pelo motivo errado. As bases e as sombras com o efeito furta-cor, ou que são muito brilhantes, tendem a destacar a textura da pele. Portanto, procure evitar usá-las em regiões com rugas e olheiras.

Além disso, muitas pessoas adoram glitter. Mas as sombras brilhantes ou com purpurina podem deixar os pés de galinha e bolsas abaixo dos olhos mais visíveis.

Na boca acontece o mesmo: tanto o gloss quanto os batons líquidos com acabamento em vinil podem destacar as ruguinhas da região.

6. Uso excessivo de pós bronzeadores

Isso pode dar uma imagem sobrecarregada ao nosso rosto, reduzindo o frescor e a naturalidade. Os especialistas em make aconselham o uso comedido desses pós e recomendam aplicá-los aos poucos, até obter o efeito desejado. As áreas onde devem ser utilizados ​​são: a linha superior do cabelo, horizontalmente no centro da face (cruzando as bochechas de lado a lado e passando pelo septo nasal) e o queixo.

7. Aplicar muito rímel nos cílios inferiores

O rímel é um grande aliado para abrir o olhar e ampliar os olhos, mas tome cuidado ao aplicar nos cílios inferiores, porque ele destaca as rugas nessa região.

Por outro lado, é necessário usar a quantidade certa do produto para não encurtar a pálpebra móvel e fechar ainda mais o olhar. Caso contrário, resultará em uma camada pastosa em seus cílios ou em um conjunto de bolinhas ou caroços, que dão um aspecto desgrenhado aos seus olhos.

8. Descuidar das sobrancelhas

As sobrancelhas são a estrutura do rosto. Nossa aparência depende muito de como as depilamos, penteamos e maquiamos. É muito importante dar a elas uma forma adequada para não parecermos mais cansadas ou envelhecidas, bem como maquiá-las com uma cor adequada ao seu formato e tom.

Um truque muito útil é pentear as sobrancelhas para fora, levantando-as um pouco, passando gel ou sabonete. Faça isso e, depois, penteie as sobrancelhas novamente com uma escova de rímel que já não usa mais e que esteja limpa.

Para maquiá-las, opte por um delineador de tom um pouco mais claro do que as suas sobrancelhas (para conseguir uma maior naturalidade, sem deixá-las artificiais) e repasse o produto como se estivesse desenhando os pelinhos.

9. Fazer um delineado muito grosso

O delineado dos olhos é uma das partes mais difíceis da maquiagem. Requer prática e uma boa mão. Um dos erros mais comuns nessa etapa é fazer um delineado grosso, pois pode fazer com que a pálpebra pareça menor e mais fechada. Também não é aconselhável delinear a linha inferior nem alongar a pálpebra. Por isso, é melhor traçar uma linha muito fina e bem grudada à pálpebra.

10. Usar cores muito fortes e tons mate nos lábios

Usar um lipstick mate nos tons como bordô, marrom ou roxo escuro pode fazer você parecer cansada e mais velha, pois costuma destacar os sinais da idade e tirar a harmonia da face. Também pode causar um efeito de rachadura, que vai se acentuando com o passar das horas. O melhor é aplicar um brilho ou um bálsamo -— que dá aos lábios um aspecto hidratado — com uma cor ou um batom de tons neutros.

11. Escolher batons diferentes do tom natural dos lábios

Outro erro muito comum quando pintamos os lábios é escolher uma cor que difere muito da nossa tonalidade de pele. Por exemplo, usar um tom marrom, quando temos a pele muito clara. Isso pode resultar em uma aparência pouco natural e harmoniosa, especialmente quando estamos cansadas. É importante levar em consideração a cor da pele, dos olhos e a espessura dos lábios.

Consideramos importante rever esses erros comuns que causam resultados contraproducentes. A maquiagem é uma importante aliada na melhora da autoestima. Portanto, leve-a a sério.

Você comete algum desses erros? Quais truques usa para realçar a beleza do seu rosto?

Compartilhar este artigo