Incrível
Novo Popular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Outro gato “infiel”. Uma jovem descobriu que seu gato tem dois lares e nos contou os detalhes da história

Quando se trata de um gato, não importa o quão antissocial ele seja ou quantos segredos guarde, pois, de qualquer modo, sabemos que ele nos ama à sua maneira. O mundo dos felinos é inexplicável, e nunca saberemos o motivo de algumas de suas atitudes. Uma jovem adotou um gatinho que apareceu no seu quintal, no entanto, poucos dias depois, descobriu que seu novo animal de estimação levava uma vida dupla. O mais inesperado foi que as donas entraram em contato, através de bilhetes presos à coleira do bichano.

Carolina contou ao Incrível.club os detalhes dessa história para que pudéssemos dividi-la com você. Embora o gatinho seja compartilhado, o mais importante é que ele é amado nos seus dois lares.

Uma visita inesperada

Cortesía de Carolina Walle para Genial.guru

Uma manhã, quando Carolina saía de casa para ir à universidade, encontrou um gatinho deitado embaixo do seu carro. Ele foi até o quintal da casa e a jovem lhe deu um pouco de comida e água. Provavelmente, como agradecimento, o bichano aproximou-se carinhosamente, atitude que foi retribuída por Carolina com cafunés.

Alguns dias depois, ele continuava na casa, o que levou Carolina a pensar que o gatinho estivesse perdido. Por isso, decidiu adotá-lo e o batizou de Chester. Para fazer tudo direitinho, ela o levou ao veterinário para que tomasse vermífugos e um banho. Embora a jovem não o conhecesse, o pequeno de quatro patas começou a conquistá-la.

“Desmascarando infiéis”: um gato com vida dupla

Chester parecia muito feliz e confortável na casa. Sua nova dona foi observando as coisas que ele gostava e, percebendo que adorava ser penteado, comprou uma escova e outras coisas para agradá-lo, além de uma coleira, por questão de segurança. Tudo ia bem, até que um dia aconteceu algo inesperado. Depois de colocar a coleira no gatinho, ele sumiu por uns 5 dias e, quando regressou, trazia um bilhete preso ao pescoço.

Desculpe se o/a incomodo, mas este gato já tem família :(
Seu nome é Miguel e ele tem 1 ano.
Ele anda na rua porque gosta e sempre escapa.
De fato, eu chego a passar dias sem vê-lo e fico desesperada quando não o encontro,
mas nunca pensei que tivesse uma vida dupla.
Não sei se, por acaso, você já ouviu de noite alguém chamando “Miguelllll!”,
éramos eu e meu pai procurando por ele.
Caso queira falar comigo, será um prazer.
Obrigada por não se incomodar com o bichano. Mais que um bilhete para informar
que ele tem família, quero agradecer por cuidar desse
gato fofo que, ainda que possa parecer, não é de rua.
At.te Alexia

Quando soube de tudo, Carolina ficou surpresa porque realmente não imaginava que Chester tivesse dois lares. No entanto, em nenhum momento se incomodou, pois, adora o bichano e ficou feliz em saber de sua outra família, que lhe dá amor e atenção. Após receber o bilhete, ela respondeu:

Oi, Alexia :)

O Miguel apareceu aqui em casa e como achei que estivesse perdido, levei-o para tomar vermífugos e banho. Entendo que já tenha dona, mas como sou apaixonada por gatos, comprei uma escova e uma coleira. Às vezes, ele dorme à noite aqui, em uma caminha que arrumei. Em minha casa, Miguel terá sempre comidinha, água e muito carinho, quando aparecer.

Saudações parceira, rsrsrsrs

At.te Carolina

Uma história que viralizou e mais uma surpresa

Chester-Miguel ficou famoso no Facebook graças ao post de Carolina. A princípio, ela queria contar a história, que achou fofa e engraçada, apenas aos seus amigos, no entanto, o caso se popularizou entre os internautas e ela teve outra surpresa. “Nunca pensei que a publicação fosse chegar tão longe. Ia compartilhar apenas com meus amigos, pois achei uma história linda e divertida, mas quando começou a viralizar, me dei conta de que uma moça, com o mesmo nome que assinava o bilhete, também a havia compartilhado. Entrei no seu perfil e ela tinha escrito: ’Esse é o meu gato’. Então, a adicionei como amiga para saber mais dela, que me aceitou e comentou que não via problema algum em compartilhar seu gatinho comigo”, disse Carolina.

Um final feliz para todos

Cortesía de Carolina para Genial.guru

Agora que as suas donas estão em contato, o bichano pode ficar tranquilo com relação ao seu segredo felino. Carolina mandou fazer uma placa com os dois nomes (cada um de um lado), incluindo todas as informações necessárias, caso ele venha a se perder. “Todos os que tive foram adotados. Adoro gatos e procuro proporcionar-lhes uma vida cheia de amor. Chester-Miguel traz felicidade à minha vida, ainda que não seja só meu, e acredito que volte porque aqui encontra muito amor. Não me incomoda que vá para a sua outra casa, pois ele a considera o seu lar principal, e eu sempre vou esperá-lo voltar para os meus braços”, afirmou Carolina. Sem sombra de dúvida, trata-se de um gato muito sortudo, pois tem dois lares e ninguém o repreende por nada. O que mais poderia querer?

O que você achou dessa história? Acredita que o seu pet esconda algum segredo? Conte para a gente nos comentários e compartilhe uma foto do seu animal de estimação. Nós adoraríamos conhecê-lo.