9 Utensílios domésticos que compramos pensando que são úteis (mas a realidade é outra)

Muitos objetos, como utensílios domésticos e ferramentas, são oferecidos no mercado com a promessa de que tornarão nossa vida mais prática. Só que a verdade é que boa parte desses itens não cumpre o papel prometido. Sendo assim, eles acabam esquecidos no fundo da nossa gaveta ou em nossos armários e, no fim, voltam a ser substituídos pelos bons e velhos objetos que costumávamos usar — e que são bem mais úteis.

Hoje, o Incrível.club selecionou alguns apetrechos que mais atrapalham do que ajudam quando os colocamos “no jogo”. Quem sabe você não se identifica, não é mesmo? Confira!

1. Robô aspirador

Sem sombra de dúvida, os robôs aspiradores vieram para facilitar a nossa vida. Mas o fato é que o “bichinho” empaca em algumas barreiras, como cantos e tapetes mais altos — precisando de um “empurrãozinho” para voltar a se mover —, e gasta muita bateria tentando ultrapassar algumas barreiras. Ou seja, muitos clientes esperam economizar tempo, mas acabam tendo de correr atrás do robô pela casa toda. Uma opção é continuar com o bom e velho aspirador convencional, pois você consegue alcançar melhor qualquer cantinho da casa.

2. Tesoura para cheiro-verde

Há quem adore pequenos utensílios, como aquela tesourinha para cortar cheiro-verde e as demais ervas culinárias. Mas nem todos sabem que o objeto não é nada prático, pois as plantinhas ficam presas nas lâminas. Por fim, resta um trabalho e tanto para limpar o utensílio. É mais prático (e rápido) cortar com a boa e velha faca.

3. Colher de pau

As colheres de pau fazem parte das cozinhas há um bom tempo, além de serem bonitas e icônicas. Mas saiba que ela não é nada higiênica, pois existem fungos que adoram proliferar em madeiras e lugares úmidos (como a colher). Hoje em dia, existem versões em silicone que são mais seguras no quesito limpeza e supercombinam com diversos tipos de decoração.

4. Martelo para carne

Assim como as colheres, os martelinhos sofrem do mesmo problema, já que são feitos de madeira — sujeita à umidade — e dificilmente conseguimos limpar aqueles pequenos relevos que amassam a carne. O melhor é pedir a carne amaciada diretamente ao açougueiro.

5. Centrífuga de suco

Para os amantes de suco, a centrífuga é um auxílio e tanto. Mas algumas pessoas dizem que ela não é tão prática quanto parece, pois a hora da limpeza é um tanto complicada, já que o aparelho possui diversas peças. Além disso, quem é desorganizado pode não saber onde guardou cada peça e, rapidamente, o eletrodoméstico fica esquecido em um canto da cozinha. Se você não gosta de produtos que dão “trabalho”, o ideal é não abdicar do tão adorado liquidificador.

6. Protetor de dedos

Os protetores/anéis são excelentes aliados para quem já está cansado de cortar os dedos de forma acidental toda vez que está preparando algum alimento. Mas dificilmente você se lembrará do objeto sempre que for cozinhar e, consequentemente, ele ficará esquecido na sua gaveta de utensílios.

7. Rodo estilo Mop

Similar ao rodo, o Mop é bem mais prático na hora de retirar água dos lugares, principalmente em cômodos que não possuem ralo. Mas, com o tempo, é necessário trocar o seu refil, pois a umidade traz mofo ao objeto. Além disso, toda vez que ele estiver encharcado você precisará se abaixar. Sendo assim, o Mop tradicional — estilo esfregão — continua sendo melhor e sua coluna agradecerá a longo prazo.

8. Cortador de ovos

O cortador de ovos é outro daqueles produtos que prometem praticidade. O utensílio realmente corta o alimento em tirinhas, mas talvez não valha a pena todo o trabalho para limpá-lo. Assim, seguindo o mesmo raciocínio das demais dicas acima, o ideal é cortar os ovos com a faca para economizar o seu tempo.

9. Moedor de alho

A ideia do moedor de alhos é bem interessante, mas não é nada prática, visto que o alho fica preso nos dentes do utensílio e você precisa tirar os pedaços que ficaram emperrados. Além disso, leva mais tempo usar o item do que cortar com uma faca.

Bônus: Paninhos para limpar as lentes dos óculos

Engana-se quem pensa que os paninhos de óculos são mágicos. Na verdade, eles só limpam superficialmente. O ideal é fazer a limpeza das lentes com detergente e água e....TA-DÁÁÁÁÁÁÁ! Você terá seus óculos novinhos em folha! Isso acontece porque o sabão tira a gordura que os lencinhos estavam espalhando, dando aquela sensação de limpeza.

O que você faz com objetos que não são nada práticos? Possui algum dos utensílios citados anteriormente? Comente 😉.

Compartilhar este artigo