Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

6 Tipos de fotos de crianças que não devemos publicar nas redes sociais

A Era das mídias sociais criou diversos fenômenos para os quais a sociedade não estava preparada. Em um período em que postamos textos e imagens o tempo todo e que somos expostos a todo tipo de informação em tempo real, o compartilhamento é uma prática recorrente. O fato, no entanto, é que muitos pais, diante de uma expectativa de mostrar ao mundo os feitos e a beleza de seus rebentos, acabam “perdendo a mão” e expondo excessivamente os filhos nas redes sociais. E, embora muitas vezes isso seja feito na melhor das intenções, pode haver riscos para as crianças.

Aqui, no Incrível.club, gostaríamos de falar sobre seis tipos de fotos de crianças que os pais devem evitar postar em suas contas nas redes sociais.

Fotos relacionadas à escola, que podem dar dicas sobre onde o filho estuda

As fotos mostrando o retorno às aulas podem parecer inofensivas, mas não são. As imagens que mostram seu filho vestindo o uniforme escolar podem atrair pessoas mal-intencionadas, que conseguirão identificar a escola que ele frequenta, simplesmente olhando para a foto. Um uniforme não é a única coisa perigosa na postagem das fotos escolares. Mesmo pequenos detalhes existentes no fundo da foto, como o prédio da escola ou o logotipo de um clube esportivo, podem revelar informações suficientes sobre a localização do seu filho, colocando-o em risco.

Qualquer objeto que mostre dados pessoais de seu filho

Fotos que mostram seu filho usando um crachá, por exemplo, são outro tipo de imagem que pode revelar a identidade da criança. Se você, ainda assim, quiser postar esse tipo de foto, certifique-se de distorcer ou borrar o nome no crachá e os de quaisquer outras crianças da imagem.

Imagens com metadados e geolocalização

Se você adora fornecer atualizações frequentes sobre a sua vida familiar nas redes sociais, é melhor garantir que as plataformas que usa para postar fotos não revelem os metadados das suas imagens. Os metadados ou os dados EXIF contêm informações sobre a hora e o local em que a foto foi tirada e podem ser usados ​​para localizar seu filho. Você também pode optar por desativar a marcação geográfica e os metadados de todas as suas fotografias. Também é uma boa ideia verificar suas configurações de privacidade em contas nas mídias sociais e se certificar de compartilhar imagens dos seus filhos apenas com pessoas em quem confia.

Imagens que mostram o corpo descoberto do seu filho

Assim que carregamos uma fotografia na Internet, não temos mais controle total sobre ela e não sabemos quem pode vê-la, copiá-la e até compartilhá-la. Postar fotos que mostrem o corpo nu ou parcialmente coberto do seu filho pode atrair todo tipo de gente mal-intencionada. Além disso, essas fotos também podem fazer seus filhos se sentirem constrangidos quando crescerem.

Imagens que mostram acessos de raiva ou mau comportamento

Outro tipo de foto que pode deixar seu filho constrangido e frustrado quando for mais velho é aquele que mostra acessos de birra, de choro ou outros momentos de fraqueza. Mesmo que o motivo da angústia do seu filho pareça engraçado o suficiente para ser compartilhado, lembre-se de que, para ele, aquele momento pode ter sido uma verdadeira tragédia e os seus sentimentos não devem ser ridicularizados.

Fotos que mostram outras crianças

Ao tentar proteger a identidade on-line de seus filhos, não se esqueça da segurança das outras crianças. Não poste fotos que mostrem filhos de outras pessoas. E, se fizer isso, desfoque seus rostos e quaisquer outros detalhes que possam revelar sua identidade ou localização.

A polícia de Surrey, na Inglaterra, fez um pequeno vídeo com orientações básicas sobre como tirar uma foto “segura” do seu filho. Aqui estão algumas dicas para ter em mente:

  • “Recorte” os edifícios escolares e os parques infantis.
  • Cubra os nomes dos seus filhos nas mochilas escolares e nos crachás.
  • Não mostre o rosto de outras crianças em suas fotos.

Você posta muito sobre seus filhos nas redes sociais? Qual é a sua lista pessoal de coisas que devemos e não devemos fazer para compartilhar fotos e atualizações das crianças?