Incrível
Incrível

13 Dicas para deixar o voo na classe econômica muito mais confortável

Tentativas malfadadas de encontrar uma posição confortável para dormir, crianças chorando, problemas de estômago por causa da comida a bordo — essas são apenas algumas das dificuldades que podemos enfrentar durante um voo. E se não aprendermos a evitá-las, ou pelo menos amenizá-las, certamente a experiência de voar será muito mais cansativa e até estressante.

Incrível.club preparou um guia para te ajudar a amenizar o desconforto no avião e tornar a sua estada a bordo muito mais agradável. E no bônus, você confere ainda alguns exercícios para relaxar e melhorar a circulação sanguínea durante o voo. Acompanhe!

1. Escolha o assento estrategicamente

A escolha do assento deve ser pensada com estratégia. Na parte da frente do avião, o ar é mais fresco, enquanto os lugares perto das asas tremem menos. Para ter maior tranquilidade, melhor evitar sentar-se perto das turbinas, toaletes ou da cozinha. Quanto mais perto do nariz do avião, menor será o incômodo provocado pelo barulho das turbinas. No mais, é alguns decibéis mais silencioso nos assentos no corredor do que nos da janela.

2. Encontre uma posição confortável para dormir

Viajantes experientes recomendam reclinar o encosto da cadeira o máximo possível e escolher o assento da janela para ter uma viagem mais confortável. Contudo, especialistas em sono defendem que a melhor posição para se dormir no avião é inclinando-se para a frente sobre a mesa dobrável. Por outro lado, não vale a pena escorar-se na parede do avião perto da janela. Como demonstrado por uma pesquisa, é mais difícil dormir bem nessa posição.

3. Comer ou beber algo gelado antes de dormir pode ser uma boa opção

Pouco antes e durante o sono, a temperatura do corpo diminui, pois o nosso organismo começa a trabalhar de forma menos intensa do que quando estamos acordados. Podemos usar esse mecanismo a nosso favor durante o voo, convencendo o nosso corpo de que está na hora de descansar. Assim, basta comer um sorvete ou beber um suco ou uma água gelada.

4. Ficar de meias pode ajudar a relaxar

Passageiros experientes carregam consigo não apenas um, mas dois pares de meias em voos longos. Geralmente faz frio no avião, e ficar calçado durante todo o trajeto não é lá muito confortável. Nesse caso, um par extra de meias quentinhas pode ser muito útil. O importante é não se esquecer de colocar os calçados quando for ao banheiro ou passear pelo avião para esticar as pernas.

Uma boa alternativa às meias comuns são as de compressão. Elas ajudam a melhorar a circulação sanguínea e reduzem o risco de desenvolver um edema e trombose.

5. Melhor não deixar o pescoço descoberto

Deixar o pescoço descoberto certamente aumenta a sensação de frio e, consequentemente, de desconforto durante o voo. Por outro lado, cobri-lo com um cachecol ou até com um cardigã pode nos deixar mais quentinhos e ajudar a relaxar.

6. Usar o travesseiro de pescoço com a abertura para trás

Um viajante experiente compartilhou um truque que o ajuda a dormir bem no avião. Você precisa apenas de um travesseiro de pescoço, porém deve encaixá-lo no pescoço com a abertura para trás. Dessa forma, o travesseiro servirá de apoio para o queixo e a cabeça não penderá para frente. Por outro lado, é possível apoiar a parte de trás da cabeça confortavelmente no encosto do banco.

7. No lugar dos cosméticos, melhor se preocupar em manter a pele hidratada

O batom, o blush e o rímel podem ficar guardados na mala. O ar no avião é seco e, por isso, é recomendável aplicar um creme hidratante no rosto em vez de uma base. Melhor ainda se o hidratante tiver FPS para proteger a pele dos raios solares que entram pelas janelas.

Uma boa alternativa para o creme hidratante são as máscaras de tecido. Elas, geralmente, contêm ácido hialurônico e outros ingredientes que hidratam a pele. Aqui o principal é escolher produtos que não tenham cheiros fortes para não incomodar os outros viajantes.

8. Cuidar dos cabelos

Para evitar que os cabelos fiquem estáticos e aparentem bem na hora da chegada, os especialistas aconselham amarrar um lenço na cabeça durante o voo. E para proteger os fios de ficarem ressecados, você pode aplicar um condicionador a seco nos cabelos. Com esses truques, certamente ficará mais fácil manter a boa aparência dos fios durante os voos.

9. Melhor evitar cruzar as pernas

Na busca por uma posição confortável, frequentemente acabamos cruzando as pernas. No entanto, é melhor evitar esse hábito ao voar. Cruzar as pernas durante voos longos restringe o fluxo sanguíneo e aumenta o risco de formação de trombose. Especialistas recomendam manter as pernas retas, dobrando-as levemente na altura dos joelhos.

10. Traga algo macio consigo de casa

Uma atmosfera aconchegante que lembre a nossa casa certamente ajudará no combate à insônia a bordo. Para isso, basta levar algo macio do seu quarto, como um cobertor. Mesmo uma coisa pequena como uma fronha terá o perfume do seu lar, e o cérebro irá associar esse cheiro familiar com o momento de ir para cama.

Durante voos noturnos longos, você pode tentar replicar sua rotina diária: colocar um pijama confortável, escovar os dentes, ler — no geral, fazer aquilo que está acostumado a fazer em casa antes de dormir.

11. Comer uma banana no lanche

O magnésio e o cálcio da banana ajudam a regular a pressão arterial e a ter um sono melhor. Portanto, se você tem dificuldade de dormir no avião, pode tentar comer algumas bananas durante o voo.

12. Prefira beber líquidos apenas de embalagens fechadas

Uma comissária de bordo experiente contou em uma rede social que os reservatórios nos quais a água é armazenada no avião não são limpos com tanta frequência assim. Por essa razão, ela recomenda apenas consumir bebidas armazenadas em embalagens fechadas: garrafas d’água, refrigerantes e sucos. No mais, a comissária também recomenda evitar os chás e cafés preparados a bordo com a água dos reservatórios.

13. Não fechar o ar-condicionado

O ar-condicionado nos aviões funciona como uma barreira: ele “empurra” as bactérias, fazendo com que elas se acomodem mais rapidamente no chão e evitando assim que elas acabem entrando nas nossas mucosas. Por isso, é aconselhável não desligar o sistema de ventilação individual do avião, de forma a manter o fluxo de ar durante o voo.

Devido à menor umidade do ar a bordo, nossas mucosas tendem a ficar ressecadas, nos deixando mais suscetíveis a adoecer. Portanto, ao desligar o ar-condicionado, corremos maior risco de contrair uma infecção transmitida pelo ar.

Bônus: como se alongar durante um voo

  • Você pode usar o banheiro para fazer um exercício para melhorar a circulação. Sente-se na privada com a tampa fechada, estique as pernas para cima e apoie-as contra a porta. Fique nessa posição por cerca de 10 minutos.
  • Para relaxar no avião, tente o seguinte exercício: contraia os músculos de todo o corpo, mantenha por 30 segundos e depois descanse por 10 segundos. Faça quatro repetições.
  • Para melhorar a circulação nas pernas, eleve os joelhos, pressionando-os contra o busto e mantenha essa posição por 15 segundos. Faça até 10 repetições em cada perna.

Como você costuma dormir durante uma viagem de avião? Conhece algum truque ou posição mais confortável para descansar em voos longos? Conte para a gente na seção de comentários.

Incrível/Dicas/13 Dicas para deixar o voo na classe econômica muito mais confortável
Compartilhar este artigo
Você pode gostar destes artigos