Incrível
Incrível

12 Peças de roupa que devemos ter alguns cuidados antes de usar

Muitas pessoas gostam de acompanhar as escolhas de moda das estrelas ou mesmo de conferir as novidades do mundo fashion através das revistas de moda. E quem é que não fica com vontade de experimentar tudo vendo as fotos de divulgação das novas coleções? No entanto, é importante sempre ter em mente que as peças nem sempre vestem bem em todo mundo. Além de que, na vida real, talvez elas não sejam tão legais assim...

Por isso, decidimos descobrir quais peças podem estragar completamente o visual. Confira!

Tops e vestidos assimétricos

JEAN-BAPTISTE LACROIX / AFP / East News, Invision / Invision / East News

Vestidos e tops com esse tipo de parte de cima geralmente não ficam bem em qualquer silhueta. E a escolha de uma peça errada pode não encaixar bem no corpo e parecer que é de um tamanho errado.

Além disso, o decote assimétrico muitas vezes não cai bem e encurta visualmente a parte superior do corpo. Portanto, é melhor dar preferência a peças clássicas.

Casaco de tweed

Um casaco de tweed pode aumentar visivelmente a idade de uma pessoa. Os especialistas recomendam substituir essa peça “da vovó” por outra de um material diferente. Se você quiser criar um visual mais despretensioso, você pode considerar um casaco listrado ou estampa houndstooth (foto à direita).

Cinto largo

Um cinto largo tende a pesar sua silhueta. Afinal de contas, é uma faixa horizontal que visualmente acrescenta uns quilinhos extras. Estilistas não recomendam o uso dessa peça em cores contrastantes. É melhor optar por um cinto de alça estreita na mesma cor da roupa.

Calça branca

O branco pode ficar elegante se você usar o mesmo tom de sapato, por exemplo. Mas as calças brancas, na maioria dos casos, ampliam visualmente a silhueta.

Elas também são pouco práticas. Sujam facilmente, qualquer mancha é visível e nem sempre é possível se livrar da sujeira. É por isso que os estilistas sugerem usar calças de outras cores.

Legging com estampa marcante

www.310pix.com / East News, face to face / FaceToFace / REPORTER / East News

Legging com estampas marcantes e grandes adicionam alguns quilinhos a mais no visual. Peças com impressão de leopardo, por exemplo, chamam a atenção para si mesmas. E como tem uma modelagem apertada nas pernas, automaticamente marcam todas as dobrinhas do corpo. Portanto, é melhor optar por cores claras e estampas discretas.

Calça três quartos

Essas calças têm uma modelagem logo abaixo do joelho ou até o meio da canela. Antigamente, era considerada uma peça que só vestia bem em mulheres magras. No entanto, hoje em dia está claro que esse modelo não fica bem em ninguém, pois aumenta visualmente os quadris, fazendo com que a parte inferior do corpo aparente mais carregada.

Jeans cintura baixa

H.Vallenilla, PacificCoastNews / East News, C. Drut / Allpix Press / East News

Para começar, esses jeans favorecem mais as pessoas mais magras. No entanto, ainda assim os especialistas em estilo não recomendam usar esse modelo. A cintura baixa pode criar a ilusão de quadris largos, mesmo que isso não seja o caso.

Além disso, a modelagem geralmente é tão baixa que quando a pessoa começa a andar muito com ele, o bumbum inevitavelmente fica para fora. E isso deixa o visual desleixado.

Combinação totalmente vintage

Usar alguns itens vintage pode ficar legal. No entanto, um look totalmente composto por roupas estilo retrô podem adicionar alguns anos a mais a sua aparência. Para evitar parecer antiquada, os fashionistas aconselham combinar o vintage com peças modernas.

Por exemplo, um blusão de néon dos anos 80 deve ser usado com jeans em vez de leggings, e o conjunto pode ser completado com botas. E uma saia midi fluida não deve ser usada com uma blusa, mas com uma camisa e um casaco de couro.

Roupa de treino folgadas

Pode parecer que roupas folgadas escondem todos os seus defeitos e ainda a deixam mais magra. No entanto, peças com essa modelagem deixam a aparência mais pesada.

O mesmo vale para o vestuário esportivo. Um traje grande demais não fica esteticamente agradável. Além disso, pode não ser tão confortável quanto você pensa. É difícil movimentar-se adequadamente quando se faz alguma atividade mais ativa em roupas largas. Portanto, é melhor escolher roupas esportivas do seu tamanho.

Saia larga

Gilbert Flores / Broadimage / Broad Image / East News, ANGELA WEISS / AFP / East News

Uma saia larga ou vestido com a parte de baixo mais solta não diminui sua silhueta, apenas adiciona mais volume ao visual. Essa modelagem aumenta visualmente os quadris, especialmente nas mulheres baixinhas. Por tanto, é melhor escolher peças de acordo com sua forma física.

Bolsa grande

Uma bolsa muito grande pode pesar sua aparência, escondendo os melhores detalhes da sua roupa. Já um modelo mais conservador também pode envelhecer você.

Os estilistas aconselham a optar por bolsas pequenas. Você também deve se sentir livre para usar as bolsas clutch durante o dia. E se você for trabalhar, atender uma reunião de negócios ou ir a algum outro evento formal, os especialistas sugerem considerar pastas ou bolsas em um estilo similar (foto acima).

Tênis com qualquer look

Atualmente, tanto homens como mulheres usam sapatos esportivos com roupas casuais. No entanto, na verdade, usá-los tanto em uma festa quanto no dia a dia não é a melhor ideia.

Por exemplo, os tênis esportivos clássicos ficam bem com roupas de esporte, como um moletom e leggings. Combiná-los com qualquer outra roupa pode deixar você com uns aninhos a mais.

Os fashionistas aconselham escolher outros sapatos para o uso diário. Entre os tênis, prefira modelos mais modernos, elegantes e na cor branca. Outra excelente alternativa seriam botas, sapatos baixos e mocassins.

Que outras peças você acredita que já está na hora de tirarmos de vez do guarda-roupa? Conte para a gente na seção de comentários.

Incrível/Dicas/12 Peças de roupa que devemos ter alguns cuidados antes de usar
Compartilhar este artigo
Você pode gostar destes artigos