Incrível
Incrível

Mães que trabalham fora são mais felizes e saudáveis do que as que ficam em casa, diz estudo

Ao longo de décadas, muitas mães que trabalham fora nutriram um sentimento de culpa por escolherem ter uma carreira e uma vida profissional fora do ambiente doméstico. Por incrível que pareça, há quem afirme que trabalhar fora causa impactos negativos na saúde mental da mulher, já que elas seriam feitas para cuidar dos filhos e acompanhá-los de perto, em vez de ter um emprego de trabalho integral. Entretanto, a ciência diz outra coisa. Um estudo recente descobriu que as mães com trabalho fora de casa têm um estado mental melhor em comparação com aquelas que cuidam exclusivamente da casa e dos filhos.

O time do Incrível.club analisou os resultados da pesquisa que diz que ter uma carreira bem-sucedida, seja em tempo integral ou parcial, eleva o bem-estar da mãe, fazendo com que ela se sinta mais valorizada.

Tanto mães que trabalham fora quanto as que ficam em casa são boas mães

Algumas pessoas consideram que optar por ficar em casa faz da maternidade uma experiência mais eficiente e satisfatória. Só que uma pesquisa recente aponta na direção contrária: de acordo com as descobertas, tanto as mães que trabalham fora quanto as que lidam apenas com a rotina doméstica podem ser ótimas para os filhos. Resumindo: ter uma carreira não compromete a relação mãe-filhos como muita gente acredita.

Mães que trabalham fora podem ser mais saudáveis

Os resultados do estudo apontaram que mães com uma carreira profissional, seja em tempo integral ou parcial, eram mais felizes do que aquelas que não trabalham fora de casa. De acordo com uma pesquisa, não há diferenças significativas entre mães com trabalho em jornada integral e aquelas com emprego de meio período, em se tratando de questões ligadas à saúde física e à depressão. Por outro lado, ambos os grupos demonstraram melhor saúde e menos sintomas de depressão em comparação com mães que trabalham unicamente nas funções domésticas.

Outro estudo sugere que mulheres que trabalharam fora em tempo integral após o nascimento do primeiro filho apresentaram melhor saúde mental e física aos 40 anos, se comparadas com as que não trabalharam.

Filhos de mães que trabalham foram tendem a ser mais felizes

Com base em outra pesquisa, podemos dizer que os filhos são tão felizes quanto a mãe. Assim, quando a mulher tem um emprego satisfatório, corre menos risco de sofrer com depressão, elevando assim não apenas a própria felicidade de maneira geral, mas também a dos filhos.

Mulheres com uma carreira costumam lidar melhor com o estresse

De acordo com o Centro Nacional de Informação sobre a Saúde Feminina, entidade norte-americana, o estresse pode afetar a saúde física e emocional da mulher de diversas formas, provocando problemas como dores de cabeça, no estômago e nas costas. E sofrer com tais sintomas de maneira crônica pode prejudicar a ligação entre mãe e filho. Felizmente, outro estudo apontou que mulheres que trabalham fora lidam melhor com o estresse, se comparadas com as que cuidam da casa. Isso porque as primeiras encaram, no ambiente profissional, circunstâncias que as tornam mais fortes, pacientes e emocionalmente sãs.

Mulheres que trabalham podem prover para os filhos

Mesmo quando executam as mesmas funções no trabalho, as mulheres apresentam maior índice de realização e satisfação do que os homens. Esse dado pode indicar que ser financeiramente independente dá mais autonomia à mulher, permitindo que elas sustentem e mimem os filhos. Uma parte muito considerável do estresse é evitada quando a mãe é capaz de garantir o apoio financeiro à família.

Filhos de mães que trabalham foram costumam ser mais educados e bem-sucedidos

Diversas mulheres optam por deixar a carreira profissional de lado por conta da pressão social e de estereótipos profundamente arraigados. Entretanto, uma pesquisa mostra que filhos de mães que trabalham fora de casa tendem a ser mais educados. As filhas geralmente apresentam melhor nível de emprego e de renda, enquanto os filhos costumam cuidar melhor das próprias famílias no futuro.

Você, que tem filhos, trabalha fora de casa ou cuida exclusivamente da rotina doméstica? O que acha das descobertas proporcionadas pelo estudo citado nesse artigo? Comente!

Incrível/Saúde/Mães que trabalham fora são mais felizes e saudáveis do que as que ficam em casa, diz estudo
Compartilhar este artigo