Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

11 Razões científicas para ter plantas em casa

6-25
917

Cuidar de uma planta pode fazê-lo mais feliz? Segundo vários estudos, a resposta é sim. De acordo com essas pesquisas, ter algumas plantas em casa e adotar a jardinagem como hobby são maneiras simples e eficazes para melhorar a saúde mental e o bem-estar em geral.

Incrível.club foi atrás de algumas pesquisas sobre o assunto e descobriu diversos benefícios interessantes das plantas. Neste post, vamos compartilhar todas as descobertas com você.

Nossas amigas, as plantas

Os costumes e o modo de vida mudaram ao longo dos séculos e, enquanto as primeiras civilizações dormiam cercadas pela natureza, o surgimento das grandes cidades alterou o modo de o ser humano se relacionar com o Meio Ambiente. Mas vários estudos científicos corroboram as vantagens de viver cercado por plantas, especialmente pelo fato de elas criarem uma atmosfera positiva e de cura.

A incorporação da jardinagem em nossas vidas, deixando os espaços que frequentamos mais verdes, tem múltiplos benefícios em vários setores, proporcionando vantagens econômicas, ambientais, psicológicas e de bem-estar. Pensando nisso, Charles R. Hall e Madeline W. Dickson, membros do Departamento de Ciências Hortícolas da Universidade do Texas A&M, nos EUA, fizeram uma pesquisa mostrando os benefícios das plantas em nossas vidas, que apresentaremos a seguir.

1. Elas melhoram a concentração e a memória

A influência das plantas pode aumentar a memória em até 20%, melhorar sua condição e desempenho e estimular os sentidos. Elas influenciam as pessoas de maneira positiva, resultando em maior qualidade e precisão no trabalho e ajudando a aumentar a produtividade.

2. Contribuem para a aprendizagem

Manter as plantas próximas do espaço de estudo de uma criança melhora sua capacidade de aprender coisas novas e de reter as informações. Já foi demonstrado que pessoas com Transtorno de Déficit de Atenção (TDA) se beneficiam da beleza natural das plantas, minimizando suas chances de se distrair.

3. Reduzem o estresse

Praticar jardinagem é uma maneira saudável de canalizar o estresse e a frustração para algo que gera satisfação. Afinal, quem se dedica a essa atividade acompanha todo o processo de desenvolvimento das plantas.

4. As flores geram felicidade

Ter flores em casa e no local de trabalho faz com que a pessoa se sinta mais feliz e relaxada, além de reduzir o estresse e a ansiedade, permitindo fluir uma energia visivelmente positiva no ambiente. As plantas ajudam a ativar substâncias químicas cerebrais que promovem a felicidade, como a dopamina, a serotonina e a ocitocina.

5. Promovem saúde e recreação

Estudos mostraram que as pessoas que praticam jardinagem como hobby têm menos angústia mental do que as demais.

6. Aceleram o processo de recuperação

As plantas são mais do que apenas um objeto de decoração em hospitais, pois ajudam os pacientes a se recuperar mais rapidamente, devido aos seus efeitos relaxantes. Outra técnica para reduzir o tempo de recuperação é a horticultura, em que os pacientes, submetidos a intervenções médicas, são estimulados a cuidar de suas próprias plantas.

7. Têm efeitos terapêuticos

Praticar jardinagem diariamente também pode ajudar quem sofreu de algum trauma físico ou mental, funcionando como ferramenta terapêutica, ajudando a superar problemas e as barreiras mentais que podem estar impedindo a recuperação.

8. Ajudam a desenvolver a empatia

As pessoas que passam mais tempo em contato com as plantas têm maior probabilidade de ajudar os outros, além de criar laços de relacionamento mais fortes. Da mesma forma que ocorre com quem possui animais de estimação, primeiro as pessoas desenvolvem compaixão pelas plantas e pelo Meio Ambiente e, depois, por indivíduos com quem se relacionam.

9. Aumentam a vitalidade

As pessoas que sentem prazer em cuidar de plantas geralmente têm uma maior sensação de vitalidade, ou seja, se sentem com mais energia e vivas. Passar mais tempo na natureza afeta positivamente a perspectiva em relação à vida.

10. Melhoram a saúde mental na idade adulta

Em outra pesquisa, descobriu-se que semear e regar um jardim são atividades que ativam a parte frontal média do cérebro dos idosos, uma área envolvida em processos cognitivos e na recuperação da memória episódica. Portanto, a jardinagem pode ser uma ferramenta bastante útil para a prevenção da demência.

11. Favorecem o intelecto

mente humana se desenvolve melhor quando exposta à complexidade e aos detalhes da natureza. Afinal, a geometria e a arquitetura dos ambientes naturais são aspectos que frequentemente tentamos replicar em nossa vida diária.

Agora você já sabe: as plantas são muito mais do que objetos de decoração. O impacto sobre nossas vidas pode ser maior do que imaginávamos. Você tem flores em casa? De quais plantas mais gosta? Deixe sua opinião na seção de comentários

6-25
917