Você precisa correr ou caminhar na chuva para se molhar menos?

há 7 meses

Que cheirinho é aquele que surge depois da chuva, e por que gostamos tanto dele?
Algumas plantas liberam óleos. Durante a chuva, esse cheiro se espalha pelo ar. As gotas que caem mexem com a terra, e, quando isso acontece, bactérias que vivem lá liberam uma substância química que tem cheiro de almíscar. Outra coisa: quando um raio cai, ele quebra moléculas e libera o ozônio. É por isso que o ar fica com gosto de cloro. Mas por que todos nós gostamos desses cheiros químicos?

A chuva é necessária para que humanidade e natureza sobrevivam. Nossas papilas gustativas e nosso olfato evoluíram ao longo de milhões de anos para gostar desse cheiro. Mas essa é apenas uma das teorias que alguns cientistas defendem.

Por que é impossível alcançar o fim de um arco-íris? Bem, por que ele não é um objeto material, então não é palpável. É impossível definir seus contornos, e ele não fica em um lugar específico. O arco-íris é uma ilusão de ótica criada por luz solar, chuva e a sua visão. A luz é refletida das gotas de chuva em determinado ângulo, e você vê esse milagre. Quando olha para o arco-íris e começa a correr rumo a ele, ele corre com você. Tentar tocar em um arco-íris é quase o mesmo que tentar fazer um cafuné nesse gatinho que você está vendo na sua tela.

É possível caminhar até a “fronteira” da chuva? Imagine que você deu um passo, e se molhou, depois deu um passo para trás, e viu que estava em um lugar seco. Sim, isso é possível, mas a chuva não é limitada por fronteiras bem-definidas. O vento espalha as gotas e expande a zona de impacto. As nuvens de chuva ficam muito altas no céu, então as gotas se dispersam em uma área maior quando estão caindo.

Ligue a mangueira e tente regar as plantas de uma altura de dois andares. O jato de água é fino no topo, mas, quanto mais longe cai, mais amplo fica. O mesmo acontece com a chuva. Você pode ver como um paredão de água está molhando uma região, ao longe. Mas, quanto mais se aproxima, mais gotas caem sobre você, gradualmente e de maneira uniforme, já que a fronteira da chuva fica indefinida.

Por que você não consegue ouvir barulho nenhum no espaço? Se assistir a dois meteoritos gigantes colidindo, você não ouvirá nada! Mesmo o show mais barulhento de rock não produziria um único som por lá. É que o som não se propaga no espaço sideral. Todo som é apenas uma vibração do ar, e não há ar no espaço. Então, não existem ondas sonoras por lá.

Cada nuvem pesa muitas toneladas. O peso da menor delas pode ser duas vezes maior que o de um elefante. Então por que elas não caem? As nuvens são feitas de gotículas de água. Cada gota é tão leve, que a gravidade não tem praticamente efeito algum sobre elas. Elas não passam pelo ar nem caem por causa do seu tamanho minúsculo. Mais precisamente, elas podem, mas de forma lenta. O vento e o ar quente as levantam de volta durante a queda. Então, todas as nuvens são feitas de milhões dessas gotículas.

O segundo motivo é a umidade. O ar úmido é mais leve que o ar seco, então ele não cai. Ele sempre sobe do chão, e, quanto mais alto estiver, mais congelado ficará. Aí, esse gás se transforma em líquido. Durante o processo, é produzido um calor a mais, para sustentar a nuvem no céu. Cada nuvem é cercada por uma fina camada de ar quente. A área das nuvens é vasta. Se você juntar todas as partículas de água e aproximá-las umas das outras, elas cairão no chão em forma de chuva.

Os lagos e os rios congelam. Mas por que os oceanos não fazem o mesmo? Eles são gelados, mas ainda contém muito calor. Quanto maior é a área da água, mais desafiador é tirar esse calor dali. Coloque uma caneca e uma panela grande cheias de água dentro do congelador, e você verá que a água da caneca congelará muito mais rápido. O mesmo acontece com o oceano. Outro motivo é o sal. Todos os oceanos contêm muito sal. E a água salgada é muito mais difícil de congelar do que a doce. Há também muitas subcorrentes nos oceanos. As águas quentes fluem para dentro das geladas, e impedem o congelamento.

E o último motivo é o calor do planeta. A Terra se aquece a partir do núcleo. Quanto mais próximo você estiver do centro, mas quente ficará. O fundo do mar é aquecido por essa energia, que passa milhares de quilômetros pela crosta terrestre.

Você está andando pela rua, e, de repente, começa a chover. Como se movimentar para se molhar menos? Se correr, você encontrará mais gotas pelo caminho, e vai bater nelas, certo? E, se correr em direção ao vento, ficará ensopado ainda mais rápido, eu acho. E... se você caminhar devagar, mais gotas cairão sobre você, não é mesmo? Hmmm.... escolhas. Cientistas calcularam que, se você correr em uma velocidade recorde, se molhará 10% menos. Você não vai sentir a diferença entre 100 e 90%, então não vale a pena. Por isso, meu amigo, o melhor é correr... até a cafeteria mais próxima. Quanto mais rápido você se esconder da chuva, menos se molhará — isso eu garanto.

Um raio pode cair duas vezes no mesmo lugar? Sim. Olhe para esses edifícios gigantes. Os raios atingem o topo deles mais de uma vez. Isso acontece porque a corrente elétrica prefere pegar o caminho mais rápido e fácil. É por isso que os raios escolhem o objeto mais alto da região, e o que tem a menor área. Um edifício alto construído sobre um monte sempre será um atrativo para raios. Para proteger os prédios, as pessoas instalam para-raios na cobertura deles.

Você sai da banheira e coloca os pés sobre um tapete quentinho. É maravilhoso, né? Mas por que o piso do banheiro está sempre tão frio? Na verdade, ele tem a mesma temperatura do resto da casa. O ar quente e úmido aquece as paredes e o piso do banheiro. Mas, quando você pisa na cerâmica, ela tira o calor dos seus pés. É que o revestimento conduz o calor muito melhor que o tapete.

Se o açúcar faz tão mal à saúde, por que as pessoas ainda gostam de comer doces? Você deve agradecer à evolução por isso. Na verdade, o açúcar faz bem, só que em pequenas quantidades e em sua forma natural. E a fonte natural do açúcar é a fruta. Ela contém muito mais vitaminas do que os legumes. É por isso que, em épocas pré-históricas, nossos ancestrais adoravam comer frutas. Os organismos deles exigiam mais vitaminas.

Mas era mais difícil encontrar uma maçã docinha do que folhas e mato. Era preciso fazer mais esforço para colher um damasco. É por isso que a evolução nos deu uma vontade maior de comer coisas doces. Muitos anos depois, o açúcar foi adicionado ao chocolate e aos doces. Mas o desejo por doces continuou em nós.

Por que os cachorros não suam? Na verdade, eles suam, sim. É que o sistema de transpiração deles é diferente do nosso. Os cães também têm glândulas sudoríparas, mas elas ficam escondidas debaixo da pelagem deles. O suor fica preso nos pelos, e não consegue evaporar. Então, dá pra ver melhor o suor deles em partes onde não há pelos — como a base das patas e a ponta do nariz. Mas a principal forma que eles usam para resfriar o corpo é a respiração. Imagine receber uma rajada de vento na pele depois de ter corrido. A sensação é maravilhosa. Da mesma forma, os cães se resfriam por meio de um sistema especial de respiração.

Por que os ponteiros do relógio se movem para a direita? A culpa é do Sol. Antigamente, quando as pessoas inventaram o relógio solar, a sombra do sol se movia para a direita no Hemisfério Norte, e para a esquerda no Hemisfério Sul. As pessoas do norte foram as primeiras a inventar relógios mecânicos, então a seta sempre vai para a direita. Já imaginou se o relógio tivesse sido criado por pessoas que moram no hemisfério sul?

Por que a comida enlatada dura tanto tempo? Você nem precisa mantê-la dentro da geladeira — ela não vai estragar de jeito nenhum. E não é por causa da temperatura, é por causa da ausência de bactérias. Microrganismos infectam o alimento, mas eles não conseguem entrar em um pote selado. A lata impede o contato da comida com o ar: existe um completo vácuo lá dentro, o que significa que os micróbios não podem se proliferar.

Por que as pimentas são picantes? E por que tem gente que gosta delas? As pimentas picantes se protegem dos roedores e insetos graças a seu sabor forte. Elas são picantes por causa de uma substância chamada capsaicina, que ativa receptores especiais em sua boca, causando aquela sensação de ardência. Em resposta, nosso corpo libera endorfinas para eliminar essa sensação. É por isso que muitas pessoas adoram comidas apimentadas.

O queijo suíço tem furos por causa do feno. Suas partículas microscópicas caem dentro do balde com leite. Elas se assentam lá, e, quando o leite se torna queijo, as partículas formam furos grandes.

Comentários

Receber notificações
Sorte sua! Este tópico está vazio, o que significa que você poderá ser o primeiro a comentar. Vá em frente!

Artigos relacionados