9 Escolhas de roupa que distorcem as proporções do corpo pior do que um espelho encurvado

Dicas
há 5 meses

Coco Chanel disse uma vez: “A moda é como a arquitetura: tudo uma questão de proporções”. Para fazer com que o conjunto escolhido, composto por roupas, sapatos e joias, pareça harmonioso e não distorça a silhueta, você deve seguir cuidadosamente as linhas que delimitam o corpo em diferentes partes.

Decote reto

Esse tipo de decote é elegante e bastante feminino — não é à toa que os vestidos com tal decote eram os preferidos de Audrey Hepburn. Porém, infelizmente, ele não é apropriado para muitas mulheres, pois encurta visualmente o pescoço e o torna mais volumoso. Além disso, o corpo com esse decote pode parecer “cortado”, e a silhueta ficar desproporcional. Portanto, para obter o efeito oposto, talvez seja melhor escolher uma roupa com decote em V.

Brincos de argola pesados ou brincos “lustre”

Brincos brilhantes e volumosos podem ser uma ótima opção, mas, ao mesmo tempo, podem enfatizar da forma errada certas características do corpo. Essas joias costumam fazer o pescoço parecer mais curto e o rosto, maior. Assim, se você quiser que seu pescoço pareça mais elegante, é melhor escolher acessórios para as orelhas com pingentes ou detalhes pequenos. Será a opção perfeita!

Vestido justinho de material fino

Tais vestidos enfatizam todas as características do corpo. Se o volume dos seus quadris é maior que o tamanho do seu tórax, por exemplo, isso se tornará ainda mais perceptível. E se você tiver uma silhueta do tipo pera, os vestidos mais justos darão à cintura um volume extra, e o tecido fino demarcará mais as dobras do seu corpo. Talvez não dá forma mais elegante. Por isso, é melhor escolher um vestido com silhueta do tipo A. Com esse tipo de roupa, seu corpo ganhará uma aparência mais graciosa, harmoniosa e até bastante chique.

Trajes com babados

Qualquer roupa com babados e bordados parece mais feminina, mas vale a pena considerar que esses detalhes dão volume à área em que são colocados. Os babados que decoram os ombros, o busto ou os quadris, por exemplo, vão criar uma silhueta mais volumosa e cheia nessas regiões. Além disso, trajes com muitos babados podem parecer pesados.

Corte da bainha no lugar errado

Independentemente do comprimento da saia ou do vestido, é importante que a bainha não ultrapasse a parte mais larga dos quadris ou das panturrilhas. Em roupas com esse corte, a silhueta parecerá mais curta e mais cheia.

Tomemos como exemplo o vestido midi, que geralmente chega até o meio da panturrilha. Esse tipo de vestido não combina com o corpo de muitas mulheres, independentemente do tipo de corpo que tenham. Mas um vestido mais longo com um corte lateral ou frontal fica melhor e alonga visualmente as pernas.

Colares pesados e longos

Um colar largo pode fazer com que o pescoço pareça mais curto e mais volumoso. Além disso, a verdade é que essas joias acrescentam, visualmente, dois ou três anos a mais para suas donas. Colares longos que descem abaixo da linha do busto também podem distorcer a silhueta e fazer você parecer mais baixa do que é — se ele não for tão grande. Colares e gargantilhas enormes são ideais para mulheres altas; e garotas com corpo mais volumoso devem optar por pingentes menores com comprimento até a clavícula ou um pouco abaixo.

Roupas contrastantes

Há muito tempo se sabe que as listras horizontais encurtam visualmente a silhueta. O mesmo efeito é criado por camadas de cores diferentes. Se a roupa de uma pessoa combina vários blocos horizontais em cores contrastantes, o corpo vai parecer mais cheio e “atravancado”, o que não é ótimo para a aparência geral. Portanto, a dica é escolher um traje monocromático ou roupas em um esquema de cores de baixo contraste.

Botas até o meio da panturrilha

Esses calçados cobrem a panturrilha em sua parte mais larga, chamando inevitavelmente a atenção para essa área. Por conta disso, as pernas podem parecer mais largas e mais curtas. Para causar a impressão de que você tem pernas mais longas e elegantes, vale a pena optar por botas na altura do joelho ou até acima dele. O mais importante é que os calçados não sejam decorados com cadarços ou outros elementos horizontais — senão todo o efeito será prejudicado.

Blusas extra longas

Para escolher o comprimento ideal de uma camisa ou blusa, basta determinar a parte mais larga dos seus quadris. Se a camisa ficar abaixo dessa linha, há uma chance de que sua silhueta e pernas vão parecer mais curtas. Quanto mais curta for a peça de cima, mais longas parecerão as pernas, e a silhueta se tornará mais alongada e esbelta.

Escolher roupas é uma verdadeira arte, não é mesmo? Até mesmo para não ganhar uns aninhos a mais na idade, é preciso levar em consideração muitos pontos e não se esquecer de testar, testar e testar.

Comentários

Receber notificações
Sorte sua! Este tópico está vazio, o que significa que você poderá ser o primeiro a comentar. Vá em frente!

Artigos relacionados