14 Tipos de bolsas que costumam fazer as mulheres parecerem mais velhas

Mulher
Há 2 semanas

Assim como os calçados, as bolsas podem influenciar significativamente a nossa aparência. Enquanto alguns modelos podem elevar qualquer peça de roupa, outros não ficam bem nem mesmo nas mulheres mais estilosas. O problema é que, além de não ajudar no look, essas bolsas ainda podem te deixar com cara de mais velha. Saiba como evitá-los!

Bolsas estilo sacola de tecido ou plástico

As bolsas para sair à noite, ir em eventos casuais ou mesmo passear, podem ser feitas de qualquer material, e — se combinadas adequadamente com o look — aparentarão luxuosas. Contudo, as opções do dia a dia, feitas de tecido ou de plástico, podem deixar o visual com aspecto “barato” e tirar toda a sofisticação. Para evitar parecer que você acabou de voltar do supermercado, melhor escolher tais acessórios feitos de couro sintético de qualidade e esquecer as versões de tecido e outros modelos de bolsa “diferentonas”.

Réplicas

Nem todo mundo pode comprar uma bolsa de grife. E isso não é motivo de vergonha. Porém, infelizmente, muitas mulheres não percebem que o principal desse acessório não é o nome de um designer famoso ou de uma marca da moda, mas a qualidade do produto. E acabam correndo atrás de réplicas das bolsas mais famosas.

Fazer uma boa réplica de um produto de marca é bastante difícil, e muitos fabricantes que vendem falsificações pouco se importam com isso. No final, a peça muitas vezes fica visivelmente diferente da original e perde em qualidade. É muito melhor gastar com um acessório bom, mas que não seja de marca, do que priorizar o logotipo e obter uma bolsa de qualidade duvidosa, que não trará vantagens para o visual de sua dona, pois é visivelmente uma cópia.

Bolsa com ornamentos de baixa qualidade

Os ornamentos são apenas um acréscimo à aparência geral da bolsa. Eles não devem chamar toda a atenção para si. Portanto, é melhor evitar acessórios como alças ou fechos muito grandes, que contrastem com o próprio produto. Afinal, até mesmo uma corrente ou um zíper bastante chamativo podem aparentar “deslocados” na bolsa e acabar pregando uma peça em você, conferindo um aspecto “barato” à peça.

E, embora possa parecer que não há nada de especial em um bom zíper ou nos rebites, a qualidade deles geralmente tem um impacto significativo na aparência geral de uma bolsa.

Ornamentos em excesso

Um grande número de detalhes “ornamentais”“bonitinhos” na bolsa criam uma confusão visual, o que prejudica a imagem como um todo. Os fashionistas não recomendam esses modelos, mesmo que sejam produtos caros de marcas famosas. Quanto menos detalhes e ornamentos, melhor.

Modelo arredondado

Bolsas redondas e volumosas podem deixar o visual mais largo, acrescentando alguns quilos na aparência de sua dona, além de não se adequarem bem com todos os looks. Por outro lado, as peças quadradas ou retangulares são bastante versáteis, conferindo um toque moderno e sofisticado ao visual, e combinando bem na maioria das vezes. Além disso, costumam ser muito confortáveis de usar.

Costura muito aparente

As costuras contrastantes, que chamam a atenção, muitas vezes são vendidas como uma forma de “design” diferente. Na verdade, elas aparentam baratas e de mau gosto. Em uma bolsa de qualidade, todos os detalhes parecem orgânicos e bem construídos. Nesta peça, se as costuras forem visíveis, então elas serão quase imperceptíveis.

Bolsas pretas e marrom-claras

Muitas pessoas acreditam que uma bolsa preta sempre deixa o visual elegante, pois o preto é uma cor neutra. Contudo, às vezes, a peça simplesmente não conversa com o look. A escolha do tom da bolsa deve ser orientada pelo esquema de cores do guarda-roupa. Se ele for dominado pelas tonalidades básicas, é melhor optar por bolsas em tons vívidos de azul, vermelho ou verde.

Outros dois tons arriscados são o marrom-claro e o caramelo. Especialmente quando se trata de uma bolsa feita de couro artificial. Geralmente, o acessório fica com um aspecto de barato. Logo, é melhor escolher uma tonalidade de marrom mais escura.

Acolchoado

O fato é que essas bolsas conferem uma aparência mais velha a quem as está vestindo. Afinal, tais modelos são muito difíceis de combinar com o guarda-roupa e seu design já está ultrapassado. Vale mais a pena optar por uma bolsa lisa, sem estampa. Ou — caso contrário — prestar muita atenção na escolha da roupa.

Veludo ou camurça

Modelos de veludo ou camurça ficam lindos nas prateleiras das lojas e também são agradáveis ao toque. Porém, infelizmente, o material macio deixa o visual mais pesado, tanto da bolsa quanto da sua dona. Talvez esses acessórios não sejam ruins para o inverno. Contudo, na estação quente, a melhor opção são as bolsas feitas de materiais lisos — elas aparentam melhor qualidade e combinam com tudo.

Couro envernizado

A escolha do material da bolsa pode não ser fácil. Claro, o ideal é que a bolsa seja feita de couro de boa qualidade. No entanto, a versão envernizada parece sem graça. O couro fosco tem uma aparência mais elegante, mas é importante ter cuidado para não acontecer nenhum arranhão.

Bolsas com alças de corrente finas

No geral, elas aparentam ser bem frágeis — afinal, parece que a bolsa está prestes a se soltar. E isso acaba desvalorizando todo o visual. Acessórios de qualidade e resistentes passam uma impressão bem melhor.

As peças da “moda”

Toda estação, os designers tentam criar algo novo. No entanto, alguns modelos de bolsas ficam bem apenas nas fotos, não sendo versáteis para o dia a dia e para a maioria dos guarda-roupas. Além disso, a maioria das tendências perde a relevância rapidamente. Portanto, correr para comprar os últimos modelos da moda pode não ser a melhor opção.

Há pouco tempo, por exemplo, a bolsa saddle estava no auge e agora já saiu de moda. Às vezes, é melhor ser fiel aos clássicos, que permanecem atemporais.

Alguns modelos de bolsa tote

Talvez o modelo de bolsa mais popular seja a “tote bag”. De tamanho médio e com duas alças, ela é ideal para o uso diário. Porém, é melhor evitar as peças macias e volumosas. Elas aparentam baratas e já estão desatualizadas. Por outro lado, uma “tote bag” de estrutura rígida é sucesso, sem dúvidas. Outra vantagem é que ela combina com praticamente qualquer roupa.

A lista de coisas que é melhor evitar, segundo os especialistas em moda, não se restringe às bolsas, mas inclui diversos outros itens do guarda-roupa — e alguns certamente podem ser uma surpresa.

Comentários

Receber notificações
Sorte sua! Este tópico está vazio, o que significa que você poderá ser o primeiro a comentar. Vá em frente!

Artigos relacionados