Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

8 Destinos pelo mundo para os turistas mais corajosos

Antes de começar uma viagem é muito comum estudar as opções, os caminhos e, principalmente, conhecer um pouco o lugar que vamos visitar. Alguns turistas procuram paz e tranquilidade, outros estão dispostos a encarar medos, desafios e muito improviso. Infelizmente, falta tempo para conhecer todos os lugares que gostaríamos.

Confira a lista de destinos que trazemos hoje. Eles se encaixariam perfeitamente bem em um filme de terror e são os destinos para os amantes de aventuras. Se você é um turista que adora uma boa dose de adrenalina, leia com atenção e tente visitar pelo menos um deles. No final do artigo, preparamos um bônus com algumas coisas inesperadas e estranhas que podemos encontrar em um deserto.

Capela dos Ossos

Essa capela fica na cidade de Évora, em Portugal, e é um dos monumentos mais importantes da região. Ela tem esse nome porque suas paredes estão cobertas e decoradas com caveiras e ossos humanos.

A Capela dos Ossos foi construída no século XVI por um franciscano que queria transmitir a seus irmãos a ideia de que a vida é curta. Esse é o motivo da decoração. Na entrada da capela é possível ver a inscrição 'Nós ossos que aqui estamos pelos vossos esperamos'.

6. A floresta Hoia-Baciu

A floresta Hoia-Baciu fica na Transilvânia (Romênia) e é famosa pela variedade de histórias sobre fenômenos paranormais. Ela recebeu esse nome em honra a um pastor que, reza a lenda, entrou na floresta com seus animais e desapareceu em uma névoa espessa. Não foi encontrado nenhum rastro de um possível ataque.

Muitos pesquisadores afirmam que, por razões desconhecidas, durante sua permanência na floresta, sentiram medo, pânico e escutaram diversas vozes. Algumas pessoas estão convencidas de que viram um OVNI na região, outras mencionam a existência de fantasmas. Tudo sempre muito estranho e que só poderia acontecer na Transilvânia.

5. Colina das Cruzes

A Colina das Cruzes é um santuário na Lituânia onde foi colocada uma enorme quantidade de cruzes. O número concreto é desconhecido, mas a estimativa é de que sejam mais ou menos 50 mil.

Esse santuário não é um cemitério, mas o número de cruzes sempre aumenta, porque dizem que deixar uma cruz no local traz sorte. Não há nenhuma informação precisa sobre há quanto tempo as pessoas começaram a colocar as cruzes.

4. O Caminho do Rei

O Caminho do Rei é uma passagem cravada nas paredes dos desfiladeiros de Chorro e Gaitanejo, a norte de Málaga, na Espanha, com cerca de 3 km.

Foi construído em 1905 como uma via adicional para os trabalhadores da construção de uma represa. O caminho ajudava os trabalhadores a passarem de uma parede para a outra. O nome foi dado porque o rei Alfonso XIII passou pela via, ou pelo menos a visitou no dia da inauguração da represa. Não há nada de mal-assombrado nessa atração, mas duvidamos que você não sinta o sangue gelar ao andar em lugares tão altos e tão pouco protegidos. Se tem medo de altura, evite!

3. Caixões pendurados

A cidade de Sagada foi muito visitada no passado. Hoje, o local conta com muitas cavernas e os turistas que visitam as Filipinas têm muita vontade de visitar o local. Em Sagada, muitas rochas têm caixões pendurados, uma atração pra lá de estranha.

O enterro nos caixões pendurados é um costume muito antigo. Reza a lenda que essa disposição simbolizava um caminho que levava ao paraíso celestial.

2. Encierro (costume nacional espanhol)

O encierro dos touros é uma tradição que consiste em escapar de touros bravos soltos pela cidade. A corrida acontece pelas ruas de pequenas aldeias e é um passatempo frequente na Espanha. O encierro mais popular é realizado em Pamplona durante a festa de San Fermín. Também não há nada de mal-assombrado. Mas você teria coragem de encarar esses touros enormes?

O trajeto é de mais ou menos 1 km e qualquer pessoa pode participar, até mesmo os turistas. O encierro começa após uma explosão, conhecida como 'el chupinazo'. Os touros são soltos e os participantes devem fugir até uma praça. As pessoas não precisam fazer o trajeto completo, principalmente se existe algum tipo de risco de acidentes.

1. Catacumbas dos Cappuccini

Na cidade italiana de Palermo existem catacumbas onde restos de mais de 8 mil pessoas da elite ficam em espaço aberto. Uma das maiores exposições de múmias do mundo.

Essas catacumbas apareceram no final do século XVI, quando o número de monges do convento dos capuchinos aumentou e surgiu a necessidade de criar um cemitério com maior capacidade. Já nos séculos XVIII e XIX ele se transformou em um lugar onde se enterravam pessoas de prestígio. As catacumbas foram oficialmente fechadas em 1882.

Bônus: A Mão do Deserto

Essa escultura diferente fica no deserto do Atacama, no Chile. É uma mão humana que sai da terra e tem mais ou menos 11 metros de altura. Esse é um lugar muito visitado por turistas, e no local já foram gravados muitos comerciais publicitários.

O chileno Mario Irarrázabal é o autor da escultura. Segundo ele, a ideia era que a obra expressasse injustiça humana, solidão, dor, impotência e vulnerabilidade. Ela foi inaugurada em 28 de março de 1992.

O que você achou desses lugares? Gostaria de visitá-los?

Imagem de capa Sibeaster