16 Estrelas cujos nomes verdadeiros vão surpreender até os fãs mais dedicados

Um professor de uma pequena cidade alemã, por brincadeira, decidiu dar um apelido a seu aluno. Como resultado, inventou um nome artístico brilhante para o futuro astro — o vocalista da banda Scooter. E deu muito certo: afinal, o nome verdadeiro do cantor era muito mais simples do que poderíamos imaginar.

Nós, do Incrível.club, decidimos pesquisar os verdadeiros nomes de algumas celebridades. Ao mesmo tempo, descobrimos alguns detalhes interessantes de suas vidas, que temos o prazer de compartilhar com vocês.

Ashton Kutcher — Christopher Kutcher

O nome completo do ator é Christopher Ashton Kutcher, e todos os amigos próximos e familiares na sua cidade natal no estado de Iowa o chamam simplesmente de Chris. Sua esposa Mila Kunis confessou que também o chama por este nome de “casa” quando estão com a família do ator em sua cidade natal. Mas assim que eles voltam para a Califórnia, ele para de responder ao nome de Chris, e Mila o chama de Ashton novamente.

Michael J. Fox — Michael Andrew Fox

Após sua estreia em Letters from Frank, o jovem Michael Andrew Fox decidiu se registrar no Sindicato de Atores. Descobriu-se, no entanto, que já havia um Michael Fox na lista. Ao mesmo tempo, existe uma regra estrita nesta organização: não colocar pessoas com o mesmo nome para evitar a confusão na hora de enviar-lhes os cheques. Michael não gostava do seu nome do meio, Andrew ou Andy, então trocou a segunda inicial pela letra “J” em homenagem a um outro ator — Michael J. Pollard.

Michael J. Pollard.

Pink — Alecia Beth Moore

Alecia Moore começou a se apresentar em clubes aos 14 anos. E mais ou menos nessa mesma época adotou o nome artístico Pink, que escolheu em alusão a Mr.Pink, um dos ladrões do filme
Cães de Aluguel, de Quentin Tarantino.

H.P. Baxxter — Hans Peter Geerdes

A mãe do H.P. Baxxter, o vocalista da banda alemã Scooter, chama-o de Hans Peter, ou apenas H.P. (pelas primeiras letras dos seus dois nomes). O músico admitiu que até hoje é grato ao seu professor de química, que teve a ideia de chamá-lo de “H.P.” no 11º ano. Mais tarde, esse apelido se tornou parte do nome artístico do cantor.

Michael Caine — Maurice Joseph Micklewhite

Michael Caine teve de renunciar oficialmente a seu nome verdadeiro, pois se tornou muito conhecido pelo nome artístico. Acontece que sempre que mostrava seus documentos aos seguranças do aeroporto, eles ficavam confusos, pois conheciam o ator por um nome diferente daquele que constava no seu passaporte — Maurice Micklewhite. Michael conta que acontecia de ficar detido por uma hora, enquanto verificavam seus documentos.

Cher — Cherilyn Sarkisian

Como dá para imaginar pelo sobrenome, a atriz e cantora Cher tem origem armênia. É curioso que na sua juventude ela nem sequer suspeitava de ter algum talento, além de se considerar pouco atrativa. Mas queria se tornar famosa, a todo custo.

Dolph Lundgren — Hans Lundgren

Hans Lundgren, um garoto sueco comum, poderia ter se tornado engenheiro mecânico se, com a ajuda de um amigo, não tivesse conseguido um emprego como segurança. Uma vez, ele foi convidado para o camarim da cantora e atriz Grace Jones, que gostou tanto dele que o apresentou ao mundo do showbiz. Como resultado, ele abandou seus estudos para seguir a carreira de ator. E após o lançamento de Rocky IV, Lundgren instantaneamente se tornou um astro e mudou seu nome para Dolph em homenagem a um dos parentes de sua mãe.

Olivia Colman — Sarah Caroline Sinclair

Quando Sarah Colman (esse era o nome de nascimento da futura celebridade) começou a atuar, ela enfrentou o mesmo problema que muitos outros artistas — já havia uma atriz com o mesmo nome. Então ela decidiu usar o nome de sua melhor amiga da universidade — Olivia. Quanto ao sobrenome Sinclair, é do seu marido (adotado após o casamento). Porém, entre os amigos, a atriz não é chamada de Olivia nem mesmo Sarah, mas sim Collie, que é seu apelido de infância.

Sting — Gordon Matthew Thomas Sumner

Traduzido do inglês, Sting significa “ferrão”. O apelido, que passou a ser o seu nome artístico, foi dado ao músico pelo hábito de usar um suéter de listras pretas e amarelas, que o fazia ficar parecido a uma vespa ou uma abelha. Segundo o cantor, esse apelido colou tanto, que até sua própria mãe e filhos o chamam de Sting, e não de Gordon.

Björk — Björk Guðmundsdóttir

Este sobrenome, tão difícil para nossos ouvidos, deve-se à origem islandesa da cantora. Ela conheceu o sucesso muito cedo — aos 11 anos, quando seus professores enviaram uma gravação sua da música “I Love to Love” para a única estação de rádio da Islândia naquela época. Em seguida, Bjork recebeu uma proposta de gravar um álbum e assinar um contrato.

Christopher Walken — Ronald Walken

O futuro de Ronald Walken parece ter sido predestinado: sua mãe sonhava tanto com a fama que depositou suas expectativas nos seus filhos. Todos, incluindo Ronald, foram enviados para trabalhar na televisão. Até o nome do garoto foi escolhido em homenagem ao astro de cinema da primeira metade do século 20 — Ronald Colman. No entanto, quando Walken se tornou adulto e começou a trabalhar como dançarino, uma das colegas o aconselhou a trocar o delicado Ronnie por um nome mais “artístico” — Christopher.

Ronald Colman.

Bruce Lee — Lee Jun-fan

O ator norte-americano de origem chinesa Lee Jun-fan, mais conhecido como Bruce Lee, começou a atuar desde a infância, graças ao pai. Aos 18 anos, o futuro astro já havia participado de 20 filmes. Acredita-se que seu nome de nascença, Bruce, foi dado por um médico.

Lara Fabian — Lara Sophie Katy Crokaert

A cantora canadense-belga recebeu o nome de Lara em homenagem à heroína do romance Doutor Jivago de Boris Pasternak. E o apelido Fabian foi uma forma ligeiramente modificada do nome do seu tio Fabiano.

Jason Momoa — Joseph Jason Namakaeha Momoa

Esse é o nome completo do famoso ator, cujo pai tem ascendência havaiana. A parte mais étnica do nome, Namakeaha, traduzida do havaiano, significa “olhos onividentes” ou “olhos que conhecem tudo”.

Billy Zane — William George Zane Jr

Para sua carreira de ator, William Zane adotou a versão curta de seu nome — Billy. Quanto ao sobrenome, os pais de Billy também trabalharam na sua redução. Por serem gregos, o nome soava originalmente como Zanetakos. E os pais do Billy o transformaram em Zane, simplificando-o.

Mylène Farmer — Mylène Jeanne Gautier

Antes de ter sucesso no campo de música, Mylène Gaultier tentou sua sorte na indústria cinematográfica e na moda. Aos 17 anos, frequentou cursos de teatro, depois participou de projetos como modelo. Adotou o nome artístico em homenagem a sua ídola — a atriz de Hollywood dos anos 30, Frances Farmer. No entanto, o verdadeiro sucesso de Mylene Farmer veio em 1984, após o lançamento da sua primeira música.

Francis Farmer.

Que nome artístico você escolheria para si? Você teve algum apelido na infância ou adolescência?

Compartilhar este artigo