Incrível
Incrível

10+ Famosos que alcançaram a fama graças à ajuda de outros famosos

Algumas celebridades tiveram a chance de contar com a ajuda de outros famosos, já consagrados, para lhes abrir as portas de uma indústria em que muitos querem chegar ao topo, mas poucos conseguem. Esses atores e cantores (que, em alguns casos, estão hoje entre os mais bem pagos do mundo) reconhecem que devem suas carreiras e sua fama à generosidade de seus pares.

Incrível.club fez uma lista com atores, diretores e produtores de Hollywood que deram uma mãozinha aos recém-chegados.

1. Charlize Theron e Tom Hanks

Na premiação do Globo de Ouro 2020, Charlize Theron foi a encarregada de entregar o prêmio Cecil B. DeMille a Tom Hanks. Em sua apresentação, a atriz contou como a generosidade de Hanks lhe permitiu conseguir um de seus primeiros papéis no filme The Wonders — O sonho não acabou: “Tom me olhou durante o teste para o elenco e disse: ’Desculpe, você tem cinco minutos? Tenho de sair, quando voltar, faremos esta cena de novo’. Tom não precisava de cinco minutos. Eu, sim, precisava desse tempo”.

2. Chris Pratt e Rae Dawn Chong

Aos 19 anos, o ator Chris Pratt vivia em um furgão e trabalhava como garçom no restaurante Bubba Gump Shrimp no Havaí quando conheceu a atriz Rae Dawn Chong, que o contratou para o seu primeiro curta-metragem, a comédia de terror Cursed Part 3 (2000).

3. Vin Diesel e Steven Spielberg

ator de Velozes e Furiosos começou sua carreira com os curtas-metragens Multi-Facial (1995) e Starys (1997), nos quais desempenhou as funções de roteirista, produtor, diretor e protagonista. Seu trabalho chamou a atenção de Spielberg, que decidiu lhe dar um papel no filme O Resgate do Soldado Ryan. Além disso, o cineasta insistiu para que Diesel não desistisse da sua carreira de diretor.

4. Ed Sheeran e Jamie Foxx

Ed Sheeran era um completo desconhecido quando conheceu Jamie Fox em seu programa de rádio The Foxxhole. Depois de ouvi-lo cantar e tocar, Foxx hospedou Sheeran em sua mansão por seis semanas e lhe pediu que tocasse para seus amigos. Apenas 12 minutos depois de sua performance, foi ovacionado pelo público.

5. Russell Crowe e Sharon Stone

Russell Crowe e Sharon Stone foram companheiros de elenco no filme Rápida e Mortal (1995). Durante a produção, a atriz insistiu aos produtores para que contratassem o ator australiano. Em uma entrevista, Crowe disse: “Se não fosse por sua força e convicção, não sei quanto tempo teria de esperar para poder fazer um filme nos Estados Unidos”.

6. Johnny Depp e Nicolas Cage

No começo dos anos 80, Nicolas Cage sugeriu a Johnny Depp que fizesse tentasse a carreira de ator. Depp, no entanto, era aspirante a músico e não se interessava pelas telas. Ainda assim, Cage lembrou em uma entrevista: “pedi para procurar o meu agente, que o enviou para sua primeira audição, justamente para A Hora do Pesadelo. Depp conseguiu o papel nesse mesmo dia”.

7. Harrison Ford e George Lucas

Harrison Ford já havia iniciado sua carreira de ator com um pequeno papel em Loucuras de Verão, mas continuava trabalhando como carpinteiro para pagar as contas. Um de seus trabalhos foi a reforma do escritório de Francis Ford Coppola, que, certo dia, recebeu ali, ninguém menos que Lucas. O diretor finalizaria o casting para Star Wars: Episódio IV — Uma nova esperança. Depois de um tempo, Lucas aceitou contratar o jovem aspirante para interpretar Han Solo.

8. Julianna Margulies e George Clooney

Julianna Margulies coprotagonizou Plantão Médico com George Clooney. Em uma entrevista, a atriz afirmou: “Devo minha carreira ao George Clooney”. Isso porque, na primeira versão do piloto, sua personagem morria. Ela estava prestes a assinar contrato para outro trabalho na televisão quando Clooney a chamou e a convenceu a voltar, pois os produtores decidiram ressuscitar Carol Hathaway, seu papel na série.

9. John Travolta e Quentin Tarantino

Quentin Tarantino ressuscitou a carreira de John Travolta. O ator estava passando por um momento difícil com filmes comercialmente bem-sucedidos, porém pouco criativos, responsáveis pelo declínio de seu sucesso em Hollywood. No entanto, o cineasta apostou no talento de Travolta e colocou a própria carreira em risco, negando-se a fazer o filme caso o ator não estivesse no elenco. Resultado: em 1994, vimos o ator interpretando Vincent Vega no filme Pulp Fiction: Tempo de Violência.

10. Mel Gibson e George Miller

Mel Gibson integrou o elenco do filme Mad Max (1979) casualmente. O ator compareceu às audições da produção como motorista de seu amigo Steve Bisley. A aparência de Gibson chamou a atenção dos produtores. Ele estava com um olho roxo e o rosto inchado devido a uma briga em um bar. Pediram-lhe que retornasse quando estivesse recuperado de seus ferimentos, e foi assim que nasceu Max Rockatansky.

11. Russell Crowe e Hugh Jackman

Russell Crowe decidiu não interpretar o personagem Wolverine no primeiro filme da saga X-Men e, em seu lugar, recomendou Hugh Jackman. E essa não foi a única vez: em 2008, Jackman atuou em Austrália por recomendação de Crowe. Em uma entrevista, o ator mostrou o seu agradecimento: “Devo muito a Russell, já que dois dos papéis mais importantes que tive na vida foram recusados por ele, que me indicou”.

12. Chadwick Boseman e Denzel Washington

Na entrega dos prêmios do Instituto Americano de Cinema 2019, Chadwick Boseman agradeceu publicamente a Denzel Washington por pagar sua matrícula para o programa de verão da British American Drama Academy, em Oxford. Além disso, o ator que deu vida a T’Challa acrescentou: “Não existiria Pantera Negra sem Denzel Washington.”

Você conhece outro ator ou atriz que podemos incluir nesta lista? Algum artista do mundo da música, por exemplo?

Compartilhar este artigo