Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

12 Sinais de que você precisa levar seu animal ao veterinário

----
26k

Infelizmente nossos bichos de estimação não conseguem dizer o que sentem. Algumas vezes, principalmente após muitos anos juntos, podemos captar sinais, mas nem sempre somos capazes de entender o que eles estão sentindo.

Descobrimos alguns sinais que indicam que o bichinho deve ser levado a um veterinário. Leia com atenção e não se deixe guiar apenas pelo que lê na Internet, ela não tem todas as explicações de que precisamos.

12. Não quer comer

Se o seu animal se negar a comer durante mais de um dia, leve-o ao veterinário. Sobretudo se esse sintoma vier acompanhado de outros, como apatia e vômito.

  • A falta de apetite pode sugerir uma infecção, um tumor, doenças na boca ou no sistema digestivo. Além de parasitas. Apenas um veterinário pode diagnosticar isso corretamente e receitar a medicação adequada.

11. Muita sede

É importante que os cachorros e gatos que comem apenas alimento seco bebam mais do que os que comem alimentos úmidos.

  • É importante saber quando o seu bicho de estimação costuma beber, porque a falta de água provoca desidratação e o consumo de líquido em excesso pode indicar que o animalzinho tem diabetes ou alguma doença renal.
  • O consumo de água normal para um cachorro é de 20 a 70 ml por kg de massa corporal por dia; para um gato, de 60 a 120 ml, sem contar o líquido do alimento.

10. Se esconde

Cada animal tem um tipo de personalidade, assim como nós, mas se o seu animalzinho sempre foi muito sociável e do nada decidiu ficar sozinho e se esconde nos cantos da casa, algo está errado.

  • O desejo de se esconder reflete algum mal estar, sobretudo se ele recusa comida, tem problemas para urinar ou outros sintomas.
  • Outra causa é um estresse forte.
  • Se o seu gato se esconde em lugares altos, talvez ele esteja com pulga.

9. Ficou agressivo de repente

Seu bicho sempre foi carinhoso e amigável e, de repente, começou a mostrar sinais de agressividade? Não o castigue por isso, primeiro descubra quais são as causas que o levaram a essa conduta.

  • Uma delas pode ser alguma dor, sobretudo quando alguém tenta tocar o local afetado.
  • Os problemas dentais, artrite, lesões e infecções são apenas alguns exemplos do que pode causar dor e agressão em um cachorro ou em um gato.

8. Quer urinar muitas vezes

Se você perceber que o seu gato vai muitas vezes até a caixa de areia e que a cor da urina mudou, melhor ficar atento. Ainda mais se o gato ficar sentado durante muito tempo e não conseguir urinar. O mesmo pode acontecer com um cachorro, mas os gatos têm as vias menores e, por isso, os problemas podem ser mais sérios.

  • Lembre-se de que os cachorros urinam mais que os gatos.
  • No caso dos gatos, procure um veterinário, pode se tratar de um sintoma de infecção urinária ou alguma doença renal.

7. Se lambe demais

  • Se o seu gato se lambe demais, algo o está incomodando. Uma das possíveis causas é que a área que ele está lambendo doi por dentro. Podem se tratar de alergias ou de pulgas, por exemplo.
  • Se o seu cachorro lamber demais as patas, o espaço entre os dedos ou a área do rabo, ele pode ter alguma alergia. Se o cachorro lamber outros objetos, como o chão ou a parede, ou lamber o próprio focinho muitas vezes, ele pode estar sofrendo algum problema gastrointestinal.

6. Os olhos não estão bem

  • Olhos vermelhos, pus e pálpebras inchadas são sinais de que você deve levar seu bichinho ao veterinário. Podem ser sintomas de vírus ou bactérias. O líquido transparente nos olhos de um gato costuma ser vírus. Quando o líquido é amarelo ou verde, em geral é uma infecção.
  • Os olhos vermelhos podem sugerir uma lesão, uma alergia na córnea ou outra doença.

5. Dorme mais do que o normal

  • Os gatos caseiros podem dormir de 13 a 16 horas por dia. Podem até dormir mais se estiverem entediados. Se isso acontecer, o gato pode estar estressado.
  • Sono prolongado em cachorros pode indicar problemas na tireóide, diabete, infecção ou estresse.

4. Pelo diferente

  • Um gato doente não tem força para se lamber o tempo todo. Uma das causas pode ser a artrite.
  • Se o seu gato soltar muito pelo, é melhor ficar de olho. Ele pode ter alguma doença na pele, estar desnutrido, sofrer falta de vitaminas ou ter alguma alergia.

3. Problemas respiratórios

Se o seu bichinho tiver problemas respiratórios e não fez exercícios, leve-o ao veterinário o mais rápido possível.

  • Isso pode ser perigoso e as causas podem ser muitas: líquido no tórax ou problemas no coração.

2. Gengivas de outra cor

A cor normal das gengivas em cachorros e gatos é rosa. Se a cor mudar, vale a pena levar o animal ao veterinário.

  • Gengivas brancas indicam perda de sangue; vermelho indica febre, infecção, ingestão de substância tóxica ou doença nos dentes. Cor violeta ou azul indica falta de oxigênio e amarela indica problema no fígado.

1. Fica muito tempo encarando uma parede

Claro que eles podem ver algo que nós não vemos, mas em geral o problema é mais sério: pode ser síndrome de disfunção cognitiva e enjoos que, por sua vez, podem ser sintomas de lesões cerebrais, tumores, intoxicação ou acidentes cerebrais.

----
26k