Incrível
Novo Popular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Segundo a ciência, tirar um cochilo e dormir feito um bebê pode estimular a memória

7-24
354

Ninguém pode negar que um bebê dormindo é uma das imagens mais fofas que existem. Ver o seu rostinho sereno relaxa e é quase uma terapia para os adultos. Mas não pense que durante o sono o cérebro fica completamente desligado; é justamente nesse momento que o cérebro está mais ativo do que nunca.

Hoje, o Incrível.club quer falar sobre a importância da sesta (a breve cochilada no início da tarde) para os bebês. No final do post você vai encontrar um bônus sobre os benefícios que essa prática oferece aos adultos.

Um estudo do sono

Um estudo realizado pelo Instituto de Neurociências da Universidade Livre de Bruxelas demonstrou que o sono tem uma participação fundamental na melhora da memória e no aprendizado da primeira infância. O processo consistiu em comparar o rendimento de consolidação da memória dependente do sono em 15 crianças entre 7 e 12 anos e em adultos entre 20 e 30 anos. A ideia era que os 2 grupos aprendessem novas associações entre 50 objetos e suas funções.

Os resultados

Os testes mostraram que as crianças que tinham dormido apresentaram áreas do córtex pré-frontal predominantemente ativas. Apenas 30 minutos de sono conseguiram consolidar a sua memória. Por outro lado, os adultos tiveram um rendimento de recuperação significativamente mais baixo após o sono.

A memória e o aprendizado

A pesquisa comprovou a importância do sono na memória das crianças. Nessa fase da vida, o cérebro desenvolve 2 tipos de memórias: a declarativa, que se relaciona com os registros de conceitos e definições, e a processual, que se relaciona com as habilidades adquiridas, como aptidões e técnicas.

A importância da sesta (breve cochilada)

“Brava!”

Alguns pais pensam que filhos um pouco mais velhos não precisam cochilar. O estudo demonstrou justamente o contrário. Além disso, os especialistas deram os seguintes conselhos a esse respeito:

  • Proporcionar ao pequeno um ambiente adequado, suficientemente tranquilo, com pouca iluminação e cômodo para o descanso.

  • Não esperar muito para a soneca. O ideal é levar a criança para a cama ou ao lugar onde ela irá dormir no momento em que ela começar a se sentir cansada. Isso é fácil de perceber e fica evidente quando ela começa a bocejar, esfregar os olhos e se mostra mal-humorada.

  • Transformar em rotina. Escolher um horário fixo para a sesta ajuda a criança a se autorregular e a separar o sono diurno do noturno.

Bônus: sesta em adultos

Embora esse estudo tenha demonstrado que apenas as crianças apresentam uma melhora significativa na memória após a sesta, o certo é que ela também pode servir para adultos, mas de outra maneira. Um estudo realizado pela Universidade de Paris V René Descartes sugere que os efeitos positivos da sesta em adultos dependem de vários fatores, como a duração, a frequência e a idade. No entanto, o sono diurno poderia ser uma ferramenta potencial para conseguir uma saúde melhor, já que ela ajuda a melhorar o rendimento cognitivo, diminui os níveis de estresse, ativa a função imune e melhora a sensibilidade à dor.

Você tem algum ritual para fazer com que seus filhos durmam à tarde? Qual é a sua opinião sobre a sesta em adultos? Acha que uma breve cochilada à tarde faz bem à saúde? Conte nos comentários.

Imagem de capa docsloth / Reddit
7-24
354