Incrível
Incrível

Como estão hoje 13 casais de filmes e séries antigas que já fizeram muitos chorarem de emoção

Uma história romântica, seja de um filme ou de uma série, deve ser como um bom bolo: doce, mas não açucarado. Se tiver a estrutura de um enredo cativante, já é meio caminho andado na direção do sucesso. Ao recordar nossos filmes favoritos, não devemos menosprezar os méritos dos atores. Alguns deles, juntos, conseguiram transparecer tamanha “química” entre seus personagens que depois de anos e mesmo décadas, nos lembramos das cenas com suas participações com um sentimento afetuoso e nostálgico.

Nós, do Incrível.club, temos certeza que mesmo a pessoa mais “insensível” já assistiu, com lágrimas nos olhos, a algumas dessas histórias de casais que escolhemos para o post. Por isso, decidimos descobrir como estão hoje os atores que interpretaram esses personagens icônicos.

Harry e Sally (Harry e Sally: Feitos um para o Outro, 1989)

O drama Harry e Sally: Feitos um para o Outro foi várias vezes reconhecido como um dos melhores filmes românticos de todos os tempos. Os atores Billy Crystal e Meg Ryan fizeram um excelente trabalho interpretando os personagens de amigos próximos que tinham sentimentos um pelo outro, mas não quereriam se declarar temendo abalar a amizade. Ryan não apareceu em obras cinematográficas nos últimos anos, mas Crystal continua atuando.

Lula e Sailor (Coração Selvagem, 1990)

O drama Coração Selvagem é um road movie que apresenta não apenas uma história intensa de dois apaixonados imprudentes, mas também canções de Elvis Presley cantadas por Nicolas Cage. Sua parceira no filme foi a atriz Laura Dern, que Nicolas encontrou novamente em 2020 na premiação Independent Spirit Awards, considerada o Oscar do cinema independente. Ambos os atores ainda são muito procurados pelos diretores e produtores de cinema.

Kimberly e Michael (O Casamento do Meu Melhor Amigo, 1997)

O casal, cujo casamento a protagonista interpretada por Julia Roberts tanto quis evitar, acabou por ser muito simpático e comovente. Infelizmente para os cinéfilos, Cameron Diaz, que fazia o papel da noiva, desistiu da carreira de atriz e escreveu livro sobre saúde. Seu par romântico, Dermot Mulroney, ainda segue atuando em filmes.

Cole e Phoebe (Jovens Bruxas, 1998–2006)

Apesar de Cole ter aparecido na série Jovens Bruxas em apenas alguns episódios, a atração mútua entre ele e Phoebe era tão forte que os criadores decidiram incluir o ator no elenco principal. Cole e Phoebe se tornaram o casal queridinho da maioria dos espectadores. Julian McMahon e Alyssa Milano, que desempenharam esses papéis, continuam até hoje atuando em filmes.

Anna e William (Um Lugar Chamado Notting Hill, 1999)

O filme Um Lugar Chamado Notting Hill parece um sonho romântico, pois, nele, o indivíduo mais comum se torna o amor de uma atriz famosa. Julia Roberts e Hugh Grant, que interpretaram os protagonistas, dispensam apresentações especiais: ambos atuam em filmes até hoje. Hugh recentemente participou da série especial 2020 Nunca Mais, na qual interpretou uma pessoa mais velha, com a ajuda de um excelente trabalho de maquiagem.

Sebastian e Annette (Segundas Intenções, 1999)

Era difícil não acreditar no amor entre os personagens de Segundas Intenções, interpretado por Reese Witherspoon e Ryan Phillippe. O fato é que os sentimentos explodiram entre os atores também na vida real. Reese e Ryan foram casados ​​por cerca de oito anos. Infelizmente, Phillippe não teve o mesmo sucesso estonteante que sua ex-esposa alcançou, mas isso não diminui o seu talento. Recentemente, ele encantou o público com sua atuação na série Big Sky (2020).

Zach e Laney (Ela É Demais, 1999)

A comédia romântica juvenil Ela É Demais fez tanto sucesso que seu remake foi anunciado recentemente. Na história, o rapaz (interpretado por Freddie Prinze Jr.) comenta com seus amigos que qualquer garota impopular que ele namore se tornará a rainha do baile. Então escolhe Laney (Rachael Leigh Cook) e gradualmente se apaixona por ela. A atriz Rachael está no elenco do remake. Já o ator Freddie aparece periodicamente em séries, mas considera cozinhar sua verdadeira paixão e publica livros de receitas.

Clark e Lana (Smallville: As Aventuras do Superboy, 2001–2011)

Os espectadores da série Smallville podiam desfrutar não apenas das empolgantes façanhas de Clark Kent, mas também do romance, pois o super-herói tinha uma forte atração por sua amiga, Lana. Ao longo da série, vimos o relacionamento dos dois evoluir de amizade para paixão. Os atores Tom Welling e Kristin Kreuk continuam atuando, mas até hoje não superaram seus personagens de Smallville.

Ryan e Marissa (O.C.: Um Estranho no Paraíso, 2003–2007)

A série O.C.: Um Estranho no Paraíso desempenhou um papel significativo na formação da cultura jovem da época e levou ao surgimento de muitas outras séries subsequentes de sucesso. Uma das partes favoritas do público era a história de amor dos personagens interpretados por Benjamin McKenzie e Mischa Barton. Após o final desse trabalho, os atores não participaram de nenhum projeto de igual sucesso, mas também não ficaram sem atuar.

Jamie e Landon (Um Amor para Recordar, 2002)

Provavelmente, só a pessoa mais insensível não derramou lágrimas ao assistir ao romance Um Amor para Recordar. Essa é uma história de amor de dois opostos: um valentão e uma garota exemplar, interpretados por Shane West e Mandy Moore. Atualmente, os atores não apenas estrelam filmes e séries, como também compõem canções. Shane é o vocalista da banda de rock Twilight Creeps, enquanto Moore, uma cantora solo.

Tyler e Nora (Ela Dança, Eu Danço, 2006)

Na época de seu lançamento, o drama musical Ela Dança, Eu Danço foi um dos filmes de maior bilheteria. Essa bela história de amor, em um contexto de danças envolventes, encantou muitos espectadores. Os atores principais, Jenna Dewan e Channing Tatum, transferiram os sentimentos dos protagonistas para a vida real: foram casados ​​por mais de dez anos. Há pouco tempo, Jenna deu à luz uma criança, estando noiva de outro ator. Tatum, aparentemente, decidiu não se apressar em um novo casamento e privilegiar sua carreira.

Gerry e Holly (P.S. Eu te Amo, 2007)

Inspirado na trama do drama romântico P.S. Eu te Amo, a viúva interpretada por Hilary Swank recebe cartas de seu falecido marido, que ele havia escrito antes de partir. As cartas evocam as memórias de seu marido, interpretado por Gerard Butler, quando vivo. Apesar do enredo aparentemente desolador, o filme impressiona pela alegria e, principalmente, pela atuação dos atores. Hilary e Gerard ainda são muito demandados na indústria cinematográfica, como o comprovam suas filmografias.

Alex e Niki (Lição de Amor, 2008)

Lição de Amor é uma história romântica italiana, cujos protagonistas têm uma diferença significativa de idade. Os personagens foram interpretados por Raoul Bova, que não atuou apenas no cinema italiano e desempenhou diversos papéis notáveis ​​em Hollywood, e Michela Quattrociocche. Após um início de sucesso, a atriz fez uma pausa de dez anos em sua carreira. Em 2020, Michela voltou às telas do cinema italiano como coadjuvante.

Quais os casais de filmes românticos das últimas décadas você mais gosta? Comente.

Compartilhar este artigo