Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração
15 lições de vida do Dalai Lama

15 lições de vida do Dalai Lama

Aos seis anos, ele foi levado de casa. Aos 15, precisou se transformar em chefe militar e diplomático. Aos 25, teve de fugir do Tibete (atual território da China) para a Índia. Hoje, o Dalai Lama número 14 tem 79 anos. Pode-se pensar que teve uma vida complicada e que poderia ficar muito cansado por ser conselheiro de milhares e milhares de pessoas que esperam suas palavras durante os últimos cinquenta anos. Mas mal se nota nele o passar dos anos. 

Incrível.club traz a você os princípios e lições de vida que ajudam a ter sempre um semblante positivo e um ponto de vista otimista sobre o mundo. 

  1. Sempre que possível, seja bom. E é sempre possível ser bom.
  2. A prosperidade é fruto de ações, e não de orações.
  3. A arrogância nunca se justifica, e é fruto de uma baixa autoestima ou do sucesso superficial e temporário.
  4. Quando parece que tudo dá errado é porque algo maravilhoso está tentando entrar na sua vida. 
  5. As pessoas foram criadas para serem amadas, e as coisas foram criadas para serem usadas. O mundo está no caos porque tudo está ao contrário.
  6. A questão da compaixão não está relacionada à religião. É algo universal, uma condição necessária para a sobrevivência da raça humana.
  7. Se puder ajudar, ajude. Se não, ao menos não atrapalhe.
  8. Não comemoro meu aniversário porque, para mim, esse dia não tem nada de diferente dos demais. De certa forma, cada dia é um aniversário. Quando você acorda pela manhã e tudo está renovado. Cada dia traz algo de importante.  
  9. A meta das nossas vidas é sermos felizes.
  10. Mantenha uma atitude positiva perante a vida. Assim você será feliz até sob as condições mais adversas.
  11. Nossos inimigos nos dão uma ótima oportunidade de exercitar nossa paciência, resistência e compaixão.
  12. A verdadeira religião é ter um bom coração.
  13. Devemos controlar a tecnologia, e não nos transformarmos em escravos dela.
  14. As grandes mudanças começam em cada pessoa; a base para a paz mundial é a calma interior e a paz no coração de cada indivíduo. Cada um de nós pode contribuir.
  15. Cada um de nós é responsável pela humanidade. É disso que se trata minha simples religião. Não há necessidade de catedrais, nem de uma filosofia complexa. Nosso cérebro e nosso coração: essa é a nossa catedral. Nossa filosofia é a bondade.