13 Curiosidades sobre a vida na Turquia, tão diferente da nossa quanto a noite do dia

A Turquia é um dos destinos turísticos mais populares do mundo. Mas, na verdade, muitos viajantes que já visitaram seus pitorescos resorts e suas atrações, nem imaginam como realmente é a vida cotidiana no país, fora dos lugares turísticos. Entretanto, a Turquia é um país único em que as tradições seculares coexistem com o progresso e a modernidade.

Nós, do Incrível.club, adoramos conhecer as peculiaridades de diferentes países. Nossa seleção de hoje revela os segredos da vida na Turquia que achamos muito interessantes e gostaríamos de compartilhar com nossos leitores.

As lâminas depilatórias não são muito populares

A maioria das mulheres turcas admite preferir a depilação com cera. Mesmo há uns 15-20 anos, quando muitas ainda costumavam depilar-se com navalha, as mulheres turcas já tiravam os “indesejáveis” ​​pelinhos de seus corpos com o uso de métodos parecidos ao da cera depilatória.

Limpeza impecável

Muitas mulheres turcas são implacáveis quando o assunto é a limpeza da casa. Elas sozinhas arrastam as mobílias e puxam os eletrodomésticos para limpar em todos os cantos escondidos. Mas um fato interessante é que as turcas costumam fazer faxina segundo a regra “uma peça de cada vez”. Isso quer dizer que antes de começar a limpar o próximo cômodo, elas, primeiro, limpam um por completo: varrem, aspiram o pó, passam pano nas superfícies dos móveis e no chão. Depois, colocam um pano úmido debaixo da porta (uma espécie de sinal que significa “entrada proibida”) e só então passam para outro cômodo.

Capas para qualquer coisa

Esse hábito também diz respeito à limpeza. Para manter a casa limpa por mais tempo, as donas de casa turcas costumam usar capas, toalhas de mesa e guardanapos, amplamente usados para cobrir as mobílias e os eletrodomésticos!

Auxiliar doméstica

A maioria das famílias turcas, especialmente naquelas em que a mulher trabalha em tempo integral, contrata uma auxiliar doméstica. Esse serviço não é considerado um “luxo” e pode ser encontrado em muitos lares turcos. Trata-se de uma prática comum.

Absorventes femininos

Encontrar absorventes internos no país é um grande desafio, pois a maioria das mulheres opta por absorventes externos e protetores diários. Enquanto até 70% das mulheres ocidentais preferem absorventes internos, muitas turcas nunca os usaram.

Exames médicos na presença de uma enfermeira

Na Turquia, como em outros países, muitos ginecologistas são homens. Porém, o exame das pacientes normalmente ocorre na presença de uma enfermeira. Isso permite proteger as mulheres de algum constrangimento e o médico, de possíveis acusações de comportamento inadequado.

Roupas multicamadas

Muitos turcos adoram roupas em multicamadas. Assim, mesmo na hora de ir para a cama, por cima das roupas íntimas usam um pijama ou uma camisola. Algumas mulheres admitiram raramente tirar o sutiã, inclusive para dormir.

Pão a qualquer hora e em qualquer lugar

Os turcos são verdadeiros especialistas em pão, adoram fazê-lo e consumi-lo. Não é à toa que a Turquia é conhecida como a “cesta de pão do mundo”. Uma refeição turca sem pão não seria nem considerada uma de verdade. Muitos habitantes locais também gostam de se dar ao luxo de petiscar algo tido como pouco saudável, por exemplo, refrigerantes, doces e frituras.

Divórcios no país podem demorar anos

A Turquia fica longe dos países líderes em número de divórcios. A média é de 22% do número total de casamentos, enquanto na Alemanha é de 44%, e na Espanha pode chegar a 65%. Isso pode ser o resultado de aspectos culturais e sociais, mas também vale ressaltar que o processo de divórcio no país pode durar anos. Caso os cônjuges não cheguem a um acordo na divisão dos bens ou na custódia dos filhos, ou se uma das partes não concorda em terminar o casamento, o processo burocrático pode durar até cinco anos. Não é raro que as audiências no tribunal sejam adiadas e cada nova próxima data só é agendada meses depois.

Vaso sanitário ao estilo turco

Hoje, os vasos sanitários do tipo que conhecemos já foram instalados na maioria dos banheiros. No entanto, não é muito difícil encontrar as tradicionais ’bacias turcas’. Trata-se de um buraco no chão e para fazer as necessidades é preciso se agachar. Muitos defendem que essa posição é correta anatomicamente. Por outro lado, vasos sanitários como os turcos são mais higiênicos, desde que não seja de uso compartilhado.

Escovar o cabelo no salão

A maioria das turcas tem cabelos longos e volumosos, o que torna muito difícil penteá-los ou escová-los. É por isso que muitas mulheres costumam ir ao salão apenas para isso várias vezes por semana. Os cabeleireiros turcos cobram barato por esse serviço, o que permite ser acessível a quase todas.

Nomes das madrinhas na sola dos sapatos

Nos tempos modernos, as noivas turcas também seguem a tradição de jogar o buquê, mas além dessa, na Turquia existe outro costume, mais exótico. Costumam escrever nas solas dos sapatos da noiva os nomes das madrinhas solteiras. Aquele que se apagar primeiro, será o da próxima a se casar.

Mesma aliança para o noivado e o casamento

Os apaixonados trocam alianças no dia do noivado, comemorado com uma pequena festa. Segundo a tradição, o noivo presenteia a noiva com uma joia cara, de diamantes ou outras pedras preciosas. As alianças são colocadas no dedo anular da mão direita dos noivos. No dia de casamento, elas apenas são transferidas para o mesmo dedo da mão esquerda.

Você já foi à Turquia? O que mais te impressionou nesse país? Compartilhe conosco nos comentários!

Compartilhar este artigo