Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Histórias inspiradoras para começar 2018 com o pé direito

Dando prosseguimento à nossa tradicional série de posts alto astral, pra ajudar nossos leitores e seguidores prontos para entrar em 2018 com o pé direito, trazemos algumas histórias que farão aumentar sua fé na humanidade e acreditar que, no ano que vem, as coisas podem e devem ser melhores. Afinal, se seu 2017 foi ruim, torcemos pra que 2018 seja melhor. E, se o seu 2017 foi bom, que seja excelente ;)

Confira as histórias abaixo e veja como é possível fazer o bem. Aproveite e se deixe contagiar pelas boas energias e tente fazer o mesmo.

Ela chamou um velhinho solteiro para sair

Há algum tempo que a funcionária de um supermercado presta atenção em Edwin Holmes, um sujeito que sempre vai ao supermercado sozinho. Elly o convidou para jantar quando soube que ele, viúvo, passaria o Natal sozinho. Edwin chegou no restaurante com o seu melhor terno e trouxe um buquê de flores. Ela disse que ele parecia nervoso como um adolescente. Hoje, eles sempre marcam de tomar café juntos.

Após descobrirem que o bicho de estimação da professora falecera, os alunos deram a ela dois gatinhos

Essa professora do Texas, Estados Unidos, sofreu muito quando sua gatinha chamada Blondie morreu. Ela não conseguia parar de chorar nos intervalos das aulas. Os alunos ficaram surpresos e decidiram tentar fazer algo para acabar com seu sofrimento.

Deram um lindo buquê de rosas brancas e dois gatinhos. A professora quase não acreditou.

A dona da padaria prometeu ajudar o menino pobre se ele voltasse à escola e fizesse as tarefas

A dona de uma padaria percebeu que um garoto sempre vinha pedir comida. Ela decidiu falar com ele, já que ele deveria estar na escola nos momentos em que estava na padaria. Ela descobriu que sua família havia se mudado há pouco tempo para a cidade e, por problemas financeiros não tinha dinheiro suficiente para comprar alimentos.

A mulher prometeu ajudar a família desde que o garoto voltasse para a escola e fizesse as lições de casa. Hoje, toda a família almoça na padaria todos os dias.

O gato que devolveu a um senhor de 94 anos o interesse pela vida

A fotógrafa japonesa Akiko DuPont tirou muitas fotos de seu avô nos últimos anos, mas, após um sério problema de saúde, ela percebeu que ele perdera o interesse pela vida, ficou irritado e triste. Tudo mudou quando um gato apareceu na sua vida. Ele realmente conquistou o coração deste senhor.

Hoje, a neta continua tirando fotos do dia a dia do avô. Ele e o novo amigo leem os jornais juntos, jogam xadrez e cuidam um do outro. Se você estiver passando por um mau momento, talvez você precise de um gato.

Ryan Gosling compartilhou uma bonita história na revista Esquire

"Minha mãe foi apenas uma vez à cerimônia do Oscar. Naquele ano, ela decidiu que o coque alto estava na moda, mas todas as mulheres foram com o cabelo solto. Nos sentamos ao lado de Rachel Weiss. Eu não sabia muito bem o que fazer para que minha mãe não ficasse triste. Foi então que pedi um favor para Meryl Streep. Solicitei que ela dissesse que gostou do penteado da minha mãe. Quando começou o intervalo, ela disse: 'Eu também queria fazer um coque alto, sabia? Mas não tive coragem'. Ela ficou super orgulhosa e passou uma bela noite".

A Marvel criou um novo super-herói para convencer um garoto a usar um aparelho acústico

O menino chamado Anthony Smith, de New Hampshire, EUA, foi obrigado a usar um aparelho acústico a partir dos 4 anos de idade. Ele sempre se incomodou com o aparelho, principalmente porque se sentia diferente dos demais. Em 2012, ele começou a não querer mais usar, declarando que os 'super-heróis não têm as orelhas azuis'.

A mãe decidiu mandar um email para a Marvel Comics com um pedido de ajuda. Eles criaram um personagem surdo chamado Orelha Azul, que fez o garoto mudar de ideia.

Uma gata foi salva em um dia de frio, e ela carregava algumas surpresas

Uma gatinha estava congelando na rua quando algumas pessoas passaram e decidiram ajudá-la. Sim, ela estava esperando filhotes e deu à luz 6 gatinhos lindos.

O senhor de 82 anos que se dedica voluntariamente a ajudar pais de bebês prematuros

David Deutchman, de Atlanta, Estados Unidos, tem 82 anos e trabalha há 12 como voluntário em uma clínica, ninando bebês e apoiando bebês prematuros e suas famílias. Às terças, Deutchman visita a unidade de cuidados intensivos para ficar com os bebês cujos pais não podem estar próximos. Às quintas, ele trabalha com as famílias, dando todo o apoio necessário.

A marinha cuida dos filhotes de tartaruga

Todos os anos a marinha colombiana ajuda os filhotes de tartaruga marinha no caminho até o oceano. Essa é uma das obrigações das forças navais do país.

Algumas pessoas conseguiram uma nova casa a um velhinho

Antes

Em 2006, a esposa dele faleceu nessa mesma casa. A partir de então, o senhor chamado Negrila, um senhor de 71 anos da Romênia, se negou a sair, mesmo vivendo em péssimas condições. Alguns jovens descobriram casualmente a história e decidiram ajudá-lo. Por meio da Internet eles criaram uma campanha para juntar dinheiro. No final, conseguiram mil euros.

Ficou decidido que, se ele não queria se mudar, então uma nova casa seria montada no mesmo lugar. Foi isso que eles fizeram.

Depois

Um garoto decide pagar a comida de um policial

O sonho dele é ser um policial algum dia. Claro que ele não se esqueceu de mencionar isso na mensagem deixada ao policial.

A celebridades de Hollywood ajudam as pessoas afetadas pelo furacão Irma

Algumas estrelas de Hollywood decidiram incentivar a campanha para aumentar o valor arrecadado para os afetados pelo furacão. Muitos decidiram atender uma linha direta, ajudando a acalmar e animar os residentes do local.

O ator que dava voz ao personagem Ursinho Pooh ligava para crianças doentes e falava com a voz do ursinho

Seu nome é Jim Cummings. Junto com a organização Make-A-Wish (algo como 'faça um desejo') ele liga para crianças hospitalizadas e usa a voz do Ursinho Pooh para dar um pouco de esperança e ânimo nessa fase difícil. Um caso conhecido é de um garoto com autismo, que não falava com ninguém. Após ouvir a voz dele, começou a se comunicar muito mais.

Um professor iraniano cuida de um aluno doente

Na foto, vemos um menino que sofre de câncer e seu professor, que todos os dias o visita para transmitir o que ensinou na escola.

Um menino achou um 'bichinho' na rua

Nesse momento, a história começou. No começo, a família queria levá-lo de volta para a rua, mas, no final, decidiram ficar com ele, que cresceu e ficou muito melhor.

Um super-gato

Esse gato salvou 6 cachorros da morte. Além de protegê-los, dava de comer e os esquentava. São bonitos os casos de animais que decidem adotar outros animais como filhos.

O milionário que adotou um bairro inteiro

Em 1994, o millonário de Nova York Harris Rosen foi contato pelas autoridades de Orange para ser informado sobre o lamentável estado de uma cidade chamada Tanghelo Park. Ela sofria por drogas e as pessoas viviam em um estado muito precário, sem fé no futuro.

Ele decidiu ir até o local e, com 4 milhões de dólares, criou um sistema de educação com bolsas para todos. O programa tem duração de 8 anos e a pocentagem de pessoas que terminaram os estudos aumentou de 25% para 100%, fazendo também diminuir a taxa de criminalidade pela metade.

E você, conhece alguma história sobre bondade? Compartilhe nos comentários.

Imagem de capa hypeness