Incrível
Novo Popular
Inspiração
Criatividade
Admiração

15 Pessoas contaram como descobriram que seus amigos próximos eram “podres de rico”

5-24
19k

Algumas pessoas da alta classe social preferem não se gabar de suas contas bancárias, seja por modéstia ou hábitos a um determinado estilo de vida, seja por medo de que seus parentes e amigos próximos comecem a vê-las como uma “carteira ambulante”.

Nós, do Incrível.club, apresentamos histórias de pessoas que nem sequer sabiam que estavam vivendo ao lado de milionários. Confira!

  • Tinha um amigo na faculdade que era muito simples. Enquanto passeávamos um dia, ele disse que precisava passar em casa e fomos juntos. O prédio dele parecia bastante comum, até relativamente pequeno. Subimos até o 5º andar e ele me apresentou à família dele. Depois de alguns dias, eu conversava com outro amigo sobre o quão ricos eram nossos colegas da faculdade e começamos a falar sobre esse meu amigo. “Nossa, não dá para imaginar que ele pode ser tão rico assim, não é?” “Tá brincando? Eu fui até a casa dele há pouco tempo. É um bom apartamento, mas com certeza não é de milionário” — respondi. “Você subiu ao quinto andar em um edifício de oito andares, não foi?” Eu concordei. “Cara, você foi na sala dele. O quinto andar inteiro é só a sala da família. Eles são donos do prédio inteiro”. © Samer-Costantini / Quora
  • Descobri que meu amigo era rico porque vivia desempregado, mas nunca parecia estar preocupado com isso. Ele dizia que queria virar detetive só por diversão e contava das inúmeras obras que fazia na casa dele. Perguntei um dia e ele confessou que eu estava certo, mas pediu para não espalhar, pois normalmente as pessoas ficavam interessadas só no dinheiro dele quando descobriam. © faoltiama / Reddit
  • Conheci uma moça que trabahava em uma floricultura que ficava dentro do shopping em que eu trabalhava. Certo dia fui pegar meu pagamento semanal e notei que havia oito cheques de pagamento atrás do balcão, em nome dela. Levei-os até ela e disse: “Acho que dividiram seu pagamento”. Minha amiga respondeu: “Ah, não, é que há alguns meses esqueço de pegar o salário”. Fiquei um pouco chocada, e ela me explicou que não precisava do dinheiro. Disse que trabalhava na loja somente por gostar de mexer com flores e por ser perto de casa. © KillerDJ93 / Reddit
  • Conheci minha atual esposa quando ela era estudante de pós-graduação e trabalhava meio expediente ganhando um salário muito baixo. Começamos a namorar e conheci os pais dela: aposentados comuns, acima dos 60 anos, vestiam jeans e camisetas normais, andavam de ônibus e pediam para embrulhar a comida que sobrava em restaurantes. Alguns meses depois do nosso casamento simples, disse à minha esposa que tinha conseguido juntar uma boa quantia e poderíamos dar entrada em um apartamento. Ela respondeu: “Está tudo bem, pode ficar com o dinheiro. Falei com meu pai e ele disse que vai nos dar um milhão para nos ajudar com a casa nova”. © John-Matthews / Quora
  • Fui amigo de um garoto por uns três anos e só depois de muito tempo me dei conta de que não sabia nada sobre a ocupação dele. Ele não falava sobre onde trabalhava, o que fazia ou como se sustentava. Resolvi perguntar e ele respondeu que a família “apenas tinha dinheiro”. E não se preocupava com trabalho, pois podia simplesmente tirar dinheiro da conta quando precisasse. Mas essa era a mesma pessoa que andava com o mesmo carro velho há 10 anos, reclamava do preço da cerveja e vestia a mesma calça até inúmeros furos aparecerem. © Engin Ayaz / Quora
  • Conheci um rapaz pela internet. Ele morava em Londres e mencionou que vinha de uma família com boa condição financeira. Pensei que estava apenas se gabando. Mas ele então propôs um encontro na minha cidade, em Kiev, na Ucrânia. Não acreditei muito, mas aceitei a proposta. O dia chegou e... era tudo verdade. O rapaz voou para a minha cidade somente para ter um jantar comigo. Isso foi há 10 anos. O romance não deu certo, mas ainda conversamos. Ele é uma ótima pessoa.
  • Cresci em um país em desenvolvimento, mas em escola privada, então a maioria dos meus colegas de classe fazia parte do 1% privilegiado do país. Quando estava na aula de natação, um amigo comentou que seria mais divertido se houvesse ondas na piscina. Achei que tivesse falado como brincadeira, mas quando fomos convidados para ir à casa dele, meu queixo caiu: eles tinham uma piscina de 15 m no quintal da casa com um gerador de ondas artificiais. © huazzy / Reddit
  • Esta é a história do meu amigo Sérgio. Ele tinha um colega de classe na escola que era bastante “nerd”: só tirava as melhores notas, sofria muito de bullying e não tinha muita sorte com as garotas. Somente o Sérgio o defendia. Depois de 10 anos, uma mulher entrou em contato com meu amigo pela internet e perguntou se ele se lembrava daquele “nerd” da escola. A mulher parecia uma modelo famosa e disse que queria fazer uma surpresa para o aniversário... do marido. O Sérgio pensou que era uma brincadeira, mas acabou por ser verdade. Ele foi para a Irlanda celebrar o aniversário do seu amigo de infância que havia se tornado muito rico e bem-sucedido.
  • Tenho uma ótima amiga chamada Larissa. Ela é extremamente amável, simpática e altruísta. Mora em um apartamento alugado e saímos juntos para bares e restaurantes nos finais de semana. Uma vez, conversávamos sobre telefones antigos e ela disse: “Nossa, meu pai ainda tem um daqueles telefones de deslizar, sabe?! Acho que chama ‘Vetrux’”. Perguntei: “Talvez ‘Vertu’?” Minha amiga concordou. Depois de pesquisar no Google, vi que esse era um fabricante de telefones de luxo. Os aparelhos custavam cerca de 8 mil dólares. © RomaZmey / Pikabu
  • Minha amiga mora na França e economiza em tudo e controla cada centavo. Nos conhecemos pela internet e ela sempre me convidava para passar uns dias na casa dela. Decidi ir visitá-la, e ela disse que um motorista me buscaria no aeroporto. Pensei que era brincadeira, pois ela é dona de casa com três filhos e compra tinta para o cabelo de um euro no supermercado. Quando cheguei, para minha surpresa, um motorista me esperava na saída do desembarque para me levar até a casa, ou melhor, mansão na qual minha amiga vivia. Eram quatro hectares de terreno, vários funcionários, etc. O que aconteceu foi que ela havia se casado com um magnata, mas por ter nascido em família simples, nunca perdeu os costumes.
  • Conheci um cara enquanto estava na Marinha. Era muito calmo, tranquilo, mas tinha um problema com bebida. Não lembro bem como o assunto surgiu, mas comentei sobre a última comida que minha mãe havia feito, de como estava gostosa. Ele arregalou os olhos e perguntou: “Sua mãe cozinha?” Respondi: “Sim, e na sua família, quem cozinha mais: seu pai ou sua mãe?” Ele disse: “Nossa, que estranho. Na minha casa sempre quem cozinha é a empregada”. Assim descobri que a família dele era “podre de rica”, a mãe nunca estava em casa e o pai vivia no trabalho.© ITworksGuys / Reddit
  • Meu amigo mora na Inglaterra e estava namorando uma garota da Eslováquia. Eles se davam muito bem havia bastante tempo, então ele resolveu propor casamento. Ela disse que gostava muito dele, mas que não poderiam se casar, pois meu amigo não poderia sustentá-la. O ex-marido dessa mulher era um magnata, que ainda a enviava dinheiro com certa regularidade. O ex-marido disse que se ela se casasse novamente, ele pararia de ajudá-la financeiramente.
  • Meu melhor amigo dirige um carro velho e usado, nunca deixa gorjeta em restaurantes e sempre procura as opções mais baratas de compra. Decidi começar uma startup e precisava de um investimento. Tinha umas economias, mas precisei pedir dinheiro emprestado a cinco amigos para conseguir iniciar o negócio. Eu nem tinha falado sobre isso com meu melhor amigo, mas ele descobriu e se ofereceu para investir. E acabou colocando o dobro do valor que eu tinha juntado. © Анонимно / Quora
  • Me lembro de como descobri que uns conhecidos eram ricos quando fomos juntos a um bar em um resort. Eles apenas mostraram o cartão de crédito para os atendentes e, de repente, todos os funcionários do estabelecimento começaram a nos tratar como os únicos clientes do local. Aparentemente, a cor do seu cartão de crédito pode indicar o seu status social. © spidermilk666 / Reddit
  • Quando comecei a namorar meu atual marido, ele queria me apresentar aos pais dele e perguntou se eu estaria de acordo de encontrá-los no “barco” deles. O único barco que minha família tinha era uma canoa, então fiquei um pouco preocupada de ficar presa em uma com pessoas que não conhecia, mas aceitei. “Quanto tempo vai levar esse passeio?” — perguntei. Ele respondeu: “Talvez 10-12 horas”. Fiquei ainda mais preocupada sem saber como iria ao banheiro se precisasse, o que comeríamos, etc. Ele esclareceu que havia dois banheiros no “barco”, dois decks, uma ponte, muita comida... E foi aí que entendi que aquele passeio de “barco” seria, na verdade, em um iate! © FlatteredPawn / Reddit

Já aconteceu com você de descobrir, por acaso, que algum amigo ou parente próximo era na verdade mais rico do que imaginava? Compartilhe suas histórias!

5-24
19k