Incrível
Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração
Incrível

Funcionário de loja grava menino estudando em tablet (te contamos o final dessa incrível história)

No Brasil, sabemos que a realidade não é a mesma para todos. Alguns frequentam escolas caríssimas e possuem os recursos necessários para seguir estudando. Outros precisam usar a criatividade para contornar certa precariedade. Foi o caso de Guilherme Henrique Santos, de 10 anos. O garoto precisou ir até uma loja para acessar a Internet e concluir seu dever de Geografia, já que não possui Wi-Fi em sua casa.

O caso aconteceu em um shopping de Recife e terminou de uma maneira inusitada após um funcionário da loja divulgar nas redes sociais um vídeo do menino estudando.

Incrível.club conta o desfecho dessa história que vai provar que, no mundo, ainda há empatia e humanismo. Vem com a gente:

Guilherme foi à loja para acessar a Internet

Surpreso com o esforço do garoto, Luiz — que é funcionário da loja — resolveu gravar o momento e compartilhou nas redes sociais: “Chegou envergonhado pra fazer um trabalho de Geografia no tablet da loja, pois não tem equipamento nem acesso à Internet em casa; belo exemplo, pra quem quer ser alguém na vida...”, disse o funcionário em seu post, que já tem mais de 360 mil visualizações.

O vídeo viralizou e os amigos resolveram ajudar...

Pessoas próximas de Guilherme resolveram aproveitar a repercussão do vídeo e ajudar a família, que vive de aluguel em uma casa de chão batido, sem reboco e com telhas de fibrocimento. O enfermeiro Jonata Bruno foi até a casa do menino para que ele detalhasse o ocorrido. Além disso, bateu um papo com a mãe de Guilherme, dona Roseli, que faz bicos de faxineira para sustentar o garoto e seu irmão mais velho, de 14 anos. Clique aqui e assista.

...e as doações para ajudar a família começaram a aparecer

A marca do aparelho que Guilherme usou, a loja doou um tablet para ele estudar. A cantora Anitta também ficou sabendo da história e pediu via Instagram para que alguma empresa doasse um plano de Internet para a criança. “Isso traz esperanças. Sempre dá para encontrar um caminho, não importa as dificuldades que a vida ofereça”, disse a cantora em seus stories.

Guilherme, além de ser fã de Anitta, adora músicas k-pop (pop coreano) e tem o sonho de visitar a Coreia do Sul. A mãe, que sempre incentivou o estudo dentro de casa, tem o desejo de reformar uma moradia que ganhou de herança e, assim, dar uma melhor condição de vida e mais conforto à família. Para tornar os sonhos deles realidade, o enfermeiro Jonata resolveu criar uma vaquinha online, que já arrecadou mais de R$ 26 mil. A meta era chegar nos R$ 22, 6 mil para que Roseli possa reformar a casa — sem condições de ser habitada, de modo que ela saia do aluguel.

Estamos na torcida para que tanto Guilherme quanto dona Roseli possam alcançar seus objetivos. Empatia é tudo, não é mesmo? O que você achou dessa história? Comente.

Compartilhar este artigo