Incrível

9 Técnicas surpreendentes para se tornar um ótimo motorista

----
52k

Dirigir um carro não é exatamente uma tarefa difícil. Mas quando você se esforça um pouco na melhoria de suas habilidades, pode acabar se surpreendendo com o quanto se sentirá confortável ao dirigir seu automóvel.

O Incrível.club revela a seguir 9 técnicas para que seus passeios ao volante se tornem mais seguros e fluidos.

9. Faça um curso de direção defensiva

Atualmente, qualquer pessoa pode se matricular num curso para melhorar as habilidades no trânsito. As aulas sobre direção defensiva não são indicadas apenas para motoristas principiantes, mas também àqueles que possuem grande experiência. Afinal, não é vergonha para ninguém querer proteger a si mesmo e aos outros ao dirigir. Viver é um constante aprendizado

8. Freie com o pé esquerdo

Frear com o pé esquerdo é uma técnica complexa, que requer muita prática. Ela é usada principalmente por pilotos de corrida, mas pode acabar sendo útil em casos de emergência. Aplicando essa técnica, você poderá fazer curvas rapidamente, já que o motor mantém as rotações necessárias. Enquanto isso, o carro diminui a velocidade, evitando uma possível derrapagem. Mas, claro, se for treinar essa técnica, faça isso em locais com pouco movimento para não colocar em risco a sua segurança e a de outros motoristas.

7. Dirija na mesma velocidade que os outros motoristas para dar fluidez ao trânsito

Todo mundo tem contato com essa regra durante as aulas teóricas promovidas por autoescolas. Contudo, nem todos os motoristas a aplicam. Aumentar ou diminuir a velocidade, atrapalhando o fluxo de veículos, pode ser perigoso e provocar acidentes. Por isso, antes de imprimir sua velocidade, leve em conta o volume de trânsito. E não diminua a velocidade quando vir um acidente ou um carro quebrado no acostamento. Isso só cria mais congestionamentos.

6. Mantenha as mãos no volante na posição correta

POSIÇÃO INCORRETA

9 Técnicas surpreendentes para se tornar um ótimo motorista

Durante muitos anos, os instrutores de autoescolas aconselharam os alunos a manter as mãos no volante lembrando os ponteiros de um relógio apontando para o 10 e para o 2. Mas ultimamente, o recomendado tem sido deixar as mãos na posição de 9 e 3, ou mesmo de 8 e 4. Isso permite um maior controle ao dirigir. Sem falar que, nessas posições, os braços cansam menos durante longas viagens.

5. Controle a abertura das curvas

Nos casos de curvas exageradamente abertas, os pneus dianteiros podem perder aderência caso o automóvel esteja em alta velocidade. Já no caso de curvas fechadas o mesmo acontece, só que com as rodas traseiras. Ao dirigir em uma pista molhada ou com gelo, é melhor não acelerar demais. Dirigir a uma velocidade moderada permite que você evite acidentes nas curvas.

Importante: sob nenhuma hipótese, solte bruscamente o pedal do acelerador ou do freio durante as curvas.

4. Estacionando com precisão matemática

Quando você aprende a fazer baliza perfeitamente, não se assusta mais com os estacionamentos lotados. Sem falar que sentirá muito mais segurança na hora de andar de marcha à ré. Os sensores de estacionamento podem dar uma ajuda extra. E não apenas aqueles instalados na traseira, mas também na frente do carro.

3. Use o freio de mão para fazer uma mudança brusca de sentido

Esta técnica, assim como a de frear com o pé esquerdo, requer prática e experiência. E também pode ser útil em casos de emergência, para mudar de sentido rapidamente. Sobre o asfalto seco, não vale a pena aplicar esta estratégia, para não causar grande desgaste nos pneus. E, de novo: só pratique a técnica em condições de segurança.

2. Técnica do "calcanhar-ponta"

O truque desta técnica consiste em reduzir a marcha freando com a ponta do pé e, simultaneamente, acelerando com o calcanhar. Assim, é possível diminuir o tempo gasto na redução da marcha, impedir a sobrecarga nos pneus traseiros e diminuir a marcha de forma rápida e suave antes de entrar numa curva.

1. Ajuste os espelhos para visualizar os pontos cegos

Quando os retrovisores laterais refletem, sobretudo, partes do seu carro, quer dizer que você não está usando todo o campo de visão proporcionado por estes espelhos. Para ajustá-los de forma correta, lembre-se destas simples orientações:

  • O retrovisor do lado do motorista deve refletir apenas um quarto do veículo (parte do aerofólio traseiro).
  • O retrovisor do lado do carona, assim como o do motorista, deve refletir apenas um quarto da traseira do carro.
  • Já o retrovisor interno deve mostrar o farol traseiro exatamente no meio.
----
52k