11 Erros no cuidado com o cabelo que impedem ter fios hidratados e brilhantes

Existe uma opinião de que para os homens é mais fácil ser atraente: muitos deles, reconhecidos como os mais belos, são carecas. Sem contar que, parecer estiloso, para a maioria dos rapazes, basta usar um aparador de cabelo, enquanto as meninas devem inventar cada vez mais novas formas de cuidar de seus cortes e penteados. No entanto, por alguma razão, o resultado desses vários truques nem sempre é agradável aos olhos.

Nós, do Incrível.club, aprendemos por experiência própria que, às vezes, as mesmas receitas de cuidados com o cabelo não são adequadas a todas as mulheres que desejam ter um bonito. E embora nossos estilos capilares precisem de uma abordagem individual, muita gente comete alguns erros nessa difícil questão de manter a beleza das madeixas.

Erro nº 1: lavamos o cabelo com shampoo barato

Shampoos baratos podem fazer um bom trabalho na remoção de impurezas, mas, muitas vezes, é aí que os benefícios costumam terminar. Produtos mais caros agregam ingredientes que facilitam os cuidados após a lavagem e deixam os cabelos mais macios e agradáveis ​​ao toque.

A qualidade do produto, afinal, é importante. Substâncias como sulfatos e parabenos danificam o cabelo e resultam nas pontas duplas. © curiouswritten / Reddit

O uso de um shampoo de salão é de grande importância para a saúde do seu cabelo. A maioria dos produtos farmacêuticos são baratos porque geralmente contém ceras e são diluídos em água. © Ahoycapnkayla / Reddit

Erro nº 2: demoramos muito tempo para ir ao cabeleireiro

Em média, o cabelo cresce cerca de 1 cm por mês, mas esse número não é o mesmo para todos os tipos e condições de saúde. O recomendado para os curtos é que sejam aparados com um pouco mais de frequência que os longos: se os cortes bobpixie precisam ser aparados a cada 4-6 semanas, então, os de comprimento médio e longo devem ser cortados a cada 8-10 semanas.

Cortar o cabelo não o fará crescer mais rápido. O ponto de crescimento fica na sua cabeça, não nas pontas. Os cortes são bons porque ajudam a se livrar das pontas duplas e a manter o cabelo bonito e saudável. © nearlyparanormal / Reddit

Erro nº 3: usar hena antes de ir ao salão

O tingimento com hena é a maneira mais antiga de mudar a cor do cabelo, que já era usada no Egito antigo. Embora esse recurso ainda seja popular em todo o mundo, a tinta à base de plantas pode se comportar de maneira imprevisível em cabelos tingidos e descoloridos.

Eu pinto o meu cabelo com hena. A menina que me ensinou esse método, certa vez decidiu usar a hena imediatamente após a descoloração. O resultado ficou terrível: seu cabelo virou uma palha. Ela decidiu raspar a cabeça para deixá-lo crescer do zero. © mamblepamble / Reddit

Uma vez atendi uma cliente de cabelos castanhos que me disse estar há vários anos sem tingir. Seu desejo era se tornar loira. Eu já começava a cobrir sua cabeça com papel alumínio e a aplicar o agente clareador, quando percebi que os primeiros fios a serem clareados estavam assumindo uma tonalidade “verde pântano”. Foi quando descobri que seis meses antes de vir ao cabeleireiro, ela fez uma máscara de hena incolor© MeowMeowMonster / Reddit

Erro nº 4: não evitamos o cabelo emaranhado

Cabelo emaranhado é o principal inimigo de um penteado bem-cuidado. Acredita-se que o ressecamento e a desidratação dos fios levam a esse estado: suas camadas desprotegidas aderem umas às outras, formando os entrelaçamentos desagradáveis. Coloração e clareamento frequentes também não beneficiam: a exposição aos produtos químicos resulta na redução da quantidade de proteínas capilares.

Tenho cabelos rebeldes, herdados de minha mãe. Mas alguns truques me salvam. Sempre escovo antes de tomar banho, assim como antes de dormir. © ***antonyx / Reddit

Uma fronha de cetim e fazer uma trança antes de dormir me salvam do problema de cabelos emaranhados. A trança evita que ele fique embaraçado e o cetim também ajuda nessa questão. © Majikkani_Hand / Reddit

Erro nº 5: pentear o cabelo molhado

A escovação frequente do cabelo molhado pode causar quebra e queda. O fato é que a água enfraquece a barreira protetora das fibras capilares, tornando-as vulneráveis. Caso ainda precise pentear o cabelo imediatamente após a lavagem, é melhor fazê-lo com um pente de dentes largos. Eles são menos prejudiciais que os de outros tipos.

Erro nº 6: não cortamos cabelos longos e finos

Infelizmente, a mãe natureza nem sempre recompensa todas as mulheres com cabelos longos e fortes. No entanto, as portadoras de cabelos finos não devem se desesperar: um corte e um estilo adequados podem transformar até os fios mais fracos em uma cabeleira luxuosa.

Corte Pixie: camadas mais longas de cabelos ajudam a manter a forma do penteado, enquanto as mais curtas adicionam volume.

***

Corte Bob: qualquer variação desse corte, com ou sem franja, aumenta o volume. Em geral, qualquer corte até a altura dos ombros é universal para cabelos finos e muito adequado. © Alex BenDebba / Quora

Erro nº 7: usamos as escovas de cabelo inadequadas

Não só o estresse ou uma dieta pouco saudável podem levar a uma redução perceptível na quantidade de fios, mas o uso da escova ou pente mais comuns também. O uso impróprio contribui para a quebra excessiva e cabelos embaraçados. No entanto, você pode evitar alguns problemas: basta escolher a escova ou o pente corretos e pentear o cabelo, começando pelas pontas e subindo até a raiz.

Sou hair stylist. As escovas de cerda natural são ótimas para espalhar a oleosidade do couro cabeludo pelo cabelo, mas podem prejudicar os mais finos, especialmente se úmidos. Essas escovas são ideais para modelar e alisar fios grossos.
Para desembaraçar o cabelo úmido, você precisará de um pente com dentes largos ou de uma escova especial para cabelos molhados. Essa última opção tem cerdas muito flexíveis que não danificam o cabelo.
As escovas massageadoras largas são ótimas para escovar e desembaraçar o cabelo diariamente.
As com fendas são adequadas para secar. Essas opções geralmente têm cerdas de náilon.
Escovas do tipo “rolo” são projetadas para modelar o cabelo com um secador. © Arkade_Blues / Reddit

Erro nº 8: lavamos cabelo com água quente

A fragilidade e a porosidade dos fios também podem resultar da lavagem com água quente, que abre os poros e provoca a queda de cabelo. A temperatura alta resseca o couro cabeludo, causa caspa e coceira e, claro, prejudica muito a aparência das madeixas.

Erro nº 9: tingimos cabelos grisalhos

Os cabelos grisalhos há muito tempo adquiriram o status de uma tendência. Ninguém mais tem vergonha deles, e as estrelas internacionais, tais como Lady Gaga e Rihanna, com muita dedicação pintam seus cabelos em todos os tons de cinza prateado. O mundo é governado pela positividade corporal, portanto, você pode esquecer a coloração. Pelo menos por enquanto.

Erro nº 10: fazemos clareamento total

Embora acreditemos às vezes que uma fada com tesouras e tubos de tinta possa virar nossa vida em 180°, na verdade, o clareamento total só pode levar a problemas adicionais. Ele altera a estrutura interna da fibra capilar e desidrata o cabelo, transformando-o irrevogavelmente em mechas de palha.

Há 25 anos, frequento o mesmo cabeleireiro que me deu uma dica muito útil. Na hora de pintar, o melhor é seguir a regra dos dois tons: no processo, passar para no máximo duas tonalidades mais claras, ou mais escuras que a original. A mudança do castanho-escuro para o claro é muito prejudicial, devido ao clareamento agressivo e, depois disso, o cabelo precisará de cuidados especiais. © Kathleen Alexandrakis / Quora

Erro nº 11: com frequência trocamos de salões de beleza

O relacionamento com um cabeleireiro pessoal às vezes dura mais que uma carreira e até que alguns casamentos. Não por acaso: o conhecimento profundo do profissional de todas as características do seu cabelo permite não só escolher um corte que se adapte ao seu estilo de vida, como manter seus fios saudáveis e, consequentemente, não jogar dinheiro fora.

Não troque constantemente de salão. É muito melhor desenvolver um relacionamento contínuo com um cabeleireiro que se acostumará com o seu cabelo e, como resultado, saberá exatamente quais estilos, cores e tratamentos são mais indicados para você. © Kathleen Alexandrakis / Quora

Contamos com cabeleireiros entre os nossos leitores? Quais dicas sobre cuidados de cabelo você poderia passar às nossas seguidoras? Compartilhe nos comentários!

Compartilhar este artigo