Incrível
NovoPopular
Inspiração
Criatividade
Admiração

Não transforme seu filho num adulto egoísta

Quando um filho se comporta de maneira egoísta, é muito comum que o pai ou a mãe coloquem a culpa na criança. Em geral, as perguntas que são feitas variam de "É tão difícil assim dividir as suas coisas?" até "Por que você precisa de tanto?". O que muita gente não sabe é que a conduta do filho é um reflexo do seu próprio comportamento.

Decidimos analisar como o comportamento dos adultos pode influenciar a atitude de uma criança e fazer com que ela se comporte de maneira egoísta.

Divida as suas coisas!

Pensamos que estamos ensinando generosidade ao nosso filho quando o obrigamos a dividir os seus brinquedos, mas essa pressão não funciona, ela obriga a criança a proteger as suas coisas como se estivesse rodeada de inimigos que quisessem tirá-las deles.

Para evitar tristes consequências, tente fazer o seguinte:

  • Não exija generosidade de uma criança que tenha menos de 4 anos (ela é nova demais para entender o sentido de seus atos).
  • Não obrigue uma criança a dividir seu brinquedo favorito.
  • Não insista para que o seu filho seja excessivamente generoso com uma criança de quem ele não gosta.

Você vai beber da xícara que eu mandar!

Às vezes, subestimamos o nível de afeto que as crianças sentem por determinados objetos. Ao colocar o seu filho em uma cadeira diferente, ao servir o suco em um outro copo ou ao colocar a almofada 'errada', estimulamos a necessidade de a criança defender a importância de seu objeto favorito.

  • Não tenha preguiça de pegar a xícara com o desenho de que o seu filho tanto gosta.
  • Peça aos outros que não usem essa xícara.
  • Cada criança tem a sua própria xícara favorita e nem sempre se trata apenas de uma xícara ou de apenas um desenho.

Vá brincar sozinho!

Uma criança precisa de outras crianças para entender por que ela precisa dividir as suas coisas.

  • Se o seu filho vai ao jardim de infância, não se preocupe com isso.
  • Se o seu filho não vai ao jardim de infância, vale a pena ir com ele a parques, casa de amigos com filhos e festas infantis.

Você não precisa disso!

Muitos pais se equivocam ao supor que uma coisa é mais ou menos importante para um filho e, muitas vezes, acabam doando brinquedos e roupas sem pedir permissão a ele. Isso pode fazer com que a criança comece a pensar que as coisas jamais serão dela e lute pelo direito de possuí-las.

  • Não se desfaça das coisas do seu filho sem avisar. Sempre peça permissão e, se necessário, converse com o seu filho sobre a importância de doar algumas coisas.
  • Explique para o seu filho que muitas outras crianças precisam muito mais do que ele de algumas coisas, e que é importante dividir.

Libere espaço para as coisas do seu pai

A criança sempre precisa de um lugar dentro de casa onde os brinquedos estarão a salvo. Pode ser um quarto, se a casa for grande, ou um baú. Se isso não acontecer, a criança vai sentir que precisa esconder os seus objetos.

  • Se você der um espaço para o seu filho guardar os brinquedos dele, não tire de lá sem antes conversar a respeito.
  • Se o quarto do seu filho estiver bagunçado, não tente impor a sua ordem dentro dele. Faça isso junto com o seu filho, explique como fazer e deixe que ele o faça.
Ilustrador Leonid Khan exclusivo para Incrível.club