9 Sinais para identificar que há mofo tóxico na sua casa

É fácil ver o mofo que cresce na fruta e no pão, mas o que se reproduz na sua casa nem sempre é visível. No caso de você se sentir um pouco mal e com uma variedade de sintomas que não consegue explicar, vale a pena descobrir se este fungo é a causa da sua má saúde. Não seria uma surpresa, já que o mofo oculto é um problema comum em muitos lares.

Incrível.club quer compartilhar com você uma lista de sinais de que pode haver fungos tóxicos em sua casa.

Um cheiro estranho na sua casa

Se a sua casa cheira a algo rançoso, como um par de meias molhadas ou um maiô que não secou adequadamente, pode haver mofo nela. À medida que o bolor cresce, liberta compostos microbianos e voláteis conhecidos por emitir um odor desagradável. Procure em todos os cômodos. Se você notar algo envelhecido, siga a trilha com o nariz.

Não consegue parar de tossir

Você tosse o tempo todo, mas não está resfriado nem tem asma? O Stachybotrys chartarum é um mofo verde escuro tóxico para humanos e animais que pode causar tosse crônica. Se este for o caso, também causa irritação da garganta, chiado ao respirar e falta de ar. Este fungo libera micotoxinas que têm a capacidade de danificar as células do seu corpo. Quando seus pulmões detectam os esporos irritantes em seu sistema, eles o forçam a tossir para se livrar desses intrusos prejudiciais.

Dor nos músculos

Estar exposto às micotoxinas do mofo preto também pode afetar seus músculos e articulações. A síndrome da resposta inflamatória sistêmica (SIRS) é uma condição que pode ser causada por esse fungo. Os sintomas associados a esta condição incluem rigidez, desconforto nas articulações, palpitações musculares, dor latejante, cãibras musculares e fraqueza.

Manchas nas paredes

O mofo tem muitas aparências. Pode se mostrar como manchas numa parede, descoloração, anéis escuros e manchas. As manchas nem sempre são pretas, também podem ser verdes, laranjas, marrons e brancas. Se suas paredes mostram sinais de ter sofrido danos causados ​​pela água, você deve investigar o assunto. Se o problema não for resolvido, as chances de crescimento de bolor aumentam cada vez mais, já que o fungo e a água andam de mãos dadas. Por mais que suas paredes tenham apenas alguns pequenos pontos, vale a pena fazer uma inspeção: o mofo pode estar à espreita do outro lado da parede, exatamente onde não pode ser visto.

Sua alergia sazonal é muito intensa

O mofo tende a causar sintomas semelhantes aos da alergia sazonal. E como as pessoas atribuem seu desconforto a essa condição, o fungo continua a se desenvolver nos lares. As alergias são muito irritantes por si mesmas, e o mofo só as piora. Dado que as pessoas alérgicas têm um sistema imunológico mais fraco, são mais propensas a experimentar os efeitos negativos deste fungo. Se você nunca teve alergias antes, ou se este ano elas parecem fora de controle, verifique sua casa à procura do mofo.

Você tem asma

Se você já sofre de asma, o mofo pode desencadear os sintomas. No caso de sofrer desta condição e também ser alérgico ao fungo, você enfrentará uma combinação perigosa. É possível que o seu corpo responda com uma reação alérgica, o que pode fazer com que as vias respiratórias se contraiam e você tenha de correr para o hospital com urgência.

Você tem erupções estranhas na pele

O mofo não afeta apenas as fossas nasais. Pessoas com alergia ao fungo podem encontrar áreas de pele avermelhadas e que provocam coceira. Algumas das reações alérgicas mais fortes incluem erupções cutâneas e urticária. Se algo assim lhe acontecer, você não deve se coçar. Ao fazê-lo, corre o risco de danificar sua pele e aumentar a possibilidade de infecção. No caso de erupções cutâneas, o corpo reconhece uma substância nociva e responde com uma reação alérgica, produzindo grandes quantidades de anticorpos. Um anti-histamínico pode ajudá-lo a controlar seus sintomas, mas eles não desaparecerão até que a causa seja eliminada.

Você esquece as coisas

Até certo ponto, o mofo pode fazer com que você fique mentalmente cansado, desorientado e esquecido. Ficou provado que seus esporos geram uma maior inflamação no cérebro, particularmente no hipocampo, que é responsável pela memória. Pior ainda, alguns dos efeitos colaterais mais graves são perda de memória a longo prazo, insônia, ansiedade e confusão geral.

Seus olhos parecem estar sempre irritados

Se seus olhos estão vermelhos o tempo todo, o mofo pode ser o motivo. Quando os esporos flutuam em torno de sua casa, eles encontram uma via de acesso direto ao seu corpo através dessa área.
Os compostos químicos do fungo irritam as membranas mucosas dos olhos, o que os inflama. E isso deve ser levado a sério. Quando estão inflamados, os olhos ficam vermelhos, o que causa a visão turva e, em seguida, a sensibilidade à luz. A ceratite e a conjuntivite são problemas comuns causados
​​pelo mofo.

Você sofre alguns destes sintomas? O que faz para eliminar o mofo?

Compartilhar este artigo