Incrível

9 Maneiras de controlar a bexiga quando não há nenhum banheiro por perto

2-1-
247

Quando nossa bexiga está meio cheia, começamos a sentir necessidade de ir ao banheiro. E como você deve saber, isso pode nos colocar em situações desconfortáveis, daquelas ocorridas quando não há local ou tempo disponível. Felizmente, algumas dicas podem ser úteis em horas assim.

Para produzir este post, o time do Incrível.club reuniu nove maneiras capazes de ajudar a aguentar chegar até o banheiro mais próximo. E no final, ainda preparamos um bônus explicando como você pode treinar sua bexiga.

1. Solte gases se for necessário

O acúmulo de gases no intestino pode exercer uma pressão a mais na bexiga. Aliviar essa sensação soltando gases pode fazer com que você se sinta mais confortável, permitindo segurar a urina por mais tempo.

2. Reposicione seu corpo: sente-se ereto, mas relaxado

A postura que seu corpo adota pode facilitar sua vida caso você esteja “se segurando”. Não se agache; prefira manter-se ereto para aliviar a pressão na bexiga. Assim, possivelmente ficará mais fácil administrar a vontade de urinar.

3. Mantenha o corpo aquecido

Quando estamos com frio, nosso corpo reage à queda de temperatura. Uma das consequências disso é a maior produção de urina. Logo, se estiver com muita vontade de ir ao banheiro, coloque roupas quentes ou ligue o aquecedor.

4. Deite-se

De acordo com este estudo, a pressão na bexiga diminui progressivamente quando estamos deitados, em comparação com a postura vertical. Ao ficar de pé, usamos os músculos abdominais para manter a posição e o peso da urina também irá pressionar a bexiga.

5. Cruze as pernas ao ficar de pé

A uretra é o canal por onde passa a urina que será eliminada do corpo. E é possível comprimir o canal levemente ao cruzar as pernas. Mas só recorra a essa estratégia quando estiver de pé, pois na posição sentada, isso só resultaria em ainda mais pressão na bexiga.

6. Tente não rir

Quando damos uma boa risada, os músculos do centro do nosso corpo se contraem, causando uma maior pressão na bexiga. Além disso, o músculo do esfíncter, que tranca a uretra com a finalidade de evitar vazamentos, relaxa e é aí que a urina escapa. Ou seja, se estiver com muita vontade de urinar, não gargalhe!

7. Pense em alguma distração

Quando nossa bexiga está já mais ou menos cheia, os nervos da região enviam ao cérebro a mensagem de que é a hora de esvaziar. Só que a necessidade de urinar pode ser menos urgente do que parece; então, uma distração pode desviar o foco, ao menos por um tempo, daquela vontade de ir ao banheiro. Logo, na próxima vez, tente pensar em outra coisa ou navegue um pouco no celular. Assim, verá que a urgência desparecerá.

8. Contraia os glúteos

O controle da bexiga depende muito dos músculos pélvicos, que são aqueles localizados em torno do canal da urina. Contrair o bumbum algumas vezes em um rápido exercício de modo a apertar os músculos pode ajudar a reter a urina dentro da bexiga, evitando vazamentos. Você pode fazer isso em qualquer posição, de pé ou sentado.

9. Evite entrar na água

O mesmo fenômeno já tratado aqui pode ocorrer quando estamos nadando em água fria. Por isso, sugerimos que você não entre na água, pois sair de um banho quente e ir para um ambiente mais frio pode criar o repentino desejo de urinar.

Bônus: Treine para conseguir segurar a urina por mais tempo

Algumas pessoas precisam ir ao banheiro com mais frequência do que outras. Mas isso pode ser decorrência de maus hábitos enraizados, que felizmente podem ser revertidos. Experimente fazer o passo a passo da seguinte técnica para treinar sua bexiga:

  • Por um ou dois dias, observe o número de vezes em que vai ao banheiro urinar.
  • Defina um período de treinamento que seja 15 minutos mais longo do que aquele que você normalmente espera entre uma ida ao banheiro e outra.
  • Quando começar o treinamento, esvazie a bexiga assim que acordar. Se a vontade bater depois, use as técnicas elencadas neste post para conseguir esperar até o próximo período definido.
  • Comece aumentando o intervalo 15 minutos por dia. Depois de algumas semanas ou alguns meses, você deverá sentir uma urgência cada vez menor de correr para o banheiro!

Lembramos que segurar a urina por muito pode ser prejudicial à saúde. Não recomendamos fazer isso a não ser em casos extremamente necessários. Procure sempre um médico caso deseje fazer alguma alteração em seus hábitos.

Você já se viu em alguma situação em que poderia ter usado uma das dicas mostradas neste post? Conhece outra técnica útil para driblar a urgência de urinar? Comente!

2-1-
247