12 Tendências culinárias estranhas para 2018

Neste post, o Incrível.club apresenta as principais tendências culinárias para 2018. Algumas delas são surpreendentes.

As previsões são de grandes empresas do setor e de blogueiros especializados no assunto. Confira!

1. A comida preta

A tendência de "comidas pretas", comum no ano passado, perdura, mas seu conteúdo mudou drasticamente; se antes levava tinta de sépia (lula) e carvão ativado, agora esses componentes passam a segundo plano, mas não foram totalmente abandonados.

O preto de 2018 é mais natural: pratos de algas, porções duplas de cacau, arroz e feijão pretos, uso de gergelim negro, amoras, mirtilos e azeitonas.

2. As flores comestíveis

Os grandes chefs e fãs da culinária utilizaram flores para decorar seus pratos há vários anos. Pouco a pouco, isso começou a provocar discussões sobre se as flores eram ou não adequadas para consumo humano, o que significava que elas possivelmente haviam sido tratadas quimicamente.

Em 2018, a "tendência floral" deve adquirir uma nova dimensão. Em primeiro lugar, muitos cozinheiros dizem que usam apenas flores comestíveis, é por isso que os pratos são totalmente seguros. Em segundo lugar, as flores não são usadas apenas para decoração, mas também para diversificar o aroma e sabor dos pratos.

3. Salada poke havaiana

O Poke é um prato extremamente popular no Havaí. Essa salada é um substituto interessante para o sashimi. Nela são utilizados diferentes tipos de peixe cru. O prognóstico é de que sua popularidade aumente exponencialmente em 2018. A tradução literal de "poke" é "cortar em cubos". Na variante clássica, pode-se escolher o tipo de peixe, molho, ingredientes e ervas, para depois misturar tudo.

Chefs europeus já destacam a demanda por este prato em restaurantes e tentam fazer isso tanto na variante clássica quanto com diferentes tipos de salada.

4. Superfarinhas enriquecidas da moda

Aos famosos tipos de farinha saudável, como a de arroz, de linho e de coco, um novo será adicionado, para o qual uma grande popularidade também é prevista: a popularíssima aqui no Brasil farinha de mandioca é a nova tendência do ano. Ela não contém glúten e suas propriedades saudáveis ajudam a regular o peso e prevenir doenças oncológicas.

Para os cozinheiros especializados em comida do norte e nordeste, poderá ser uma oportunidade de se destacar internacionalmente, já que esse produto tão brasileiro deve ganhar destaque em alguns restaurantes no exterior.

A farinha de mandioca pode ser colocada em qualquer prato por seu valor nutricional e sabor. Espirulina, moringa, maca ou cacau? Sim por favor! E o famoso latte amarelo e o "leite dourado" preparado com cúrcuma.

5. Mocktail

O mocktail é um coquetel (bem decorado como tal), mas sem álcool. As tendências da moda são as flores, pós, a cor preta e isso é evidente nos novos mocktails lançados por chefe internacionais.

6. Chá de queijo

Um chá com queijo soa muito estranho, mas acontece que é muito gostoso. Esta bebida de queijo foi inventada nos países asiáticos, mas pouco a pouco vem conquistando o Ocidente e este ano tem todas as oportunidades para obter uma grande popularidade.

A base da bebida é chá preto, verde ou de frutas. São adicionados gelo e cream cheese batido em ponto de chantilly. Ao sabor suave desse chá podem ser adicionados xaropes de frutas e caramelo, mel e leite. Já estão sendo desenvolvidas novas receitas baseadas em outros queijos com sabores mais acentuados e fungos. Por que não?

7. A nuvem de ovo

Esta "nuvem de ovo" não é uma caloura da comida, mas, de qualquer forma, sua popularidade entre as belas apresentações de pratos não é fraca. Parece espetacular!

Este "ovo na nuvem" é uma clara batida e assada à qual uma gema é posteriormente adicionada. É um café da manhã ou aperitivo muito original, e a sua principal peculiaridade é que cada chef o prepara à sua maneira.

8. Frozen Rosé, o "Frosé"

Essa bebida refrescante manteve a sua posição de popularidade durante vários anos e não quer se dar por vencida. Seus ingredientes são vinho rosé, xarope de morango e suco de limão. Essa composição é clássica, mas pode variar com outros toques de fruta ou doce.

Sua popularidade nas redes sociais foi garantida por uma aparência espetacular e sabor maravilhoso. A bebida é um verdadeiro milagre de verão. É importante usar vinho rosé escuro, porque depois do congelamento a bebida fica um pouco mais clara.

9. Os donuts de espaguete

Um bom híbrido de donut e omelete com espaguete (frittata di spaghetti) foi inventado nos Estados Unidos e apresentado na feira de comida de rua em Smorgasburg. A partir desse momento, a popularidade do spaghetti donut se espalhou entre as pessoas. Para sua preparação, são necessários moldes especiais e, agora, como dizem os inventores, é mais confortável comer espaguete.

Os representantes do Pop Pasta vendem seus donuts da moda em um lugar elegante: no mercado de pulgas do Brooklyn, em Nova York, famoso pela comida de rua.

10. Zero desperdício

O desperdício de alimentos é um problema real, foi nisso que os restaurantes pensaram quando tomaram a decisão de reconsiderar sua abordagem sobre o que realmente é necessário jogar fora. Depois de ser adotada pelos chefs da moda, a tendência foi posta em prática pelos amantes da gastronomia, que começaram a decorar seus pratos usando raízes, talos e cascas.

E não é só usar esses ingredientes como decoração, por exemplo, as folhas de cenoura. Parece que, além disso, as raízes e folhas podem recriar o sabor do molho. Eles dizem que esse é apenas o começo da tendência mundial "ecológica".

11. Café no cone

Bem apresentável, mas pouco prático. Essa apresentação da bebida foi inventada na Indonésia. O problema é que, além de outros inconvenientes, não mantém o calor do café por mais de 15 minutos.

12. Cogumelos funcionais

Os cogumelos funcionais prometem ganhar o vasto mundo de suplementos nutricionais pouco conhecidos. Logo ouviremos falar em nomes como cachimbo ou chaga, ou talvez o cordyceps fungus. Os chefs propõem utilizar estes sabores de cogumelos em muitos pratosinclusive aqueles com chocolate, café e cacau.

O que você pensa sobre as tendências de moda culinária? Já utilizou algum destes elementos em seus experimentos culinários?

Imagem de capa smorgasburg/Instagram
Compartilhar este artigo