11 Detalhes do visual que os membros da realeza precisam evitar

A vida para os membros da realeza nem sempre é um conto de fadas: devido à sua posição na sociedade, príncipes, princesas, duques e duquesas devem cumprir um grande número de regras de vestimenta. Algumas estão associadas a tradições antigas, outras, ao protocolo real, e ainda a fracassos de aparições públicas anteriores.

Nós, do Incrível.club, decidimos descobrir do que exatamente é preciso abrir mão para entrar na família real britânica. E embora não haja dúvidas sobre o estilo impecável dos membros da realeza, às vezes, a escolha das vestes vai muito além do gosto pessoal e tendências da moda.

Peças em cores discretas

“Se eu usasse bege, ninguém saberia quem eu sou”, disse uma vez a rainha britânica. Bem, as cores vibrantes que prevalecem no seu guarda-roupa realmente ajudam Elizabeth II a se destacar na multidão e há muito se tornaram a marca registrada de seu estilo único.

Vestidos curtos e minissaias

A rainha define regras estritas, por isso, as mulheres da sua família podem usar vestidos apenas na altura do joelho ou abaixo, e sempre com meias-calças. No entanto, essa regra não escrita já foi quebrada pela própria duquesa de Cambridge, que foi vista mais de uma vez em vestidos das últimas tendências.

Bolsas grandes para eventos

Bolsas volumosas, que Meghan Markle tanto adora, foram substituídas por membros da realeza pelo modelo clutch. Dizem que essas bolsas minúsculas ajudam as mulheres a evitar apertos de mão, e também servem para esconder a zona do decote na hora de sair do carro.

Calçados abertos

Não é comum na Família Real que as mulheres usem calçados que não escondam os dedos dos pés. Para eventos formais, elas geralmente escolhem escarpins elegantes ou saltos altos. A injustiça em relação aos calçados abertos é causada pelo seu aspecto informal, que não corresponde com o status e não é adequado para eventos oficiais.

Calças femininas

Ao longo do seu reinado, a rainha Elizabeth II apareceu usando calças apenas algumas vezes. A razão para isso está na antiga tradição, segundo a qual as mulheres da realeza devem usar apenas saias e vestidos. No entanto, nem todas as mulheres da corte real aceitam seguir o velho costume — Kate Middleton apareceu em público mais de uma vez com calças no estilo adequado para o formato do evento.

Roupas de seda

Tecidos delicados como a seda não podem ser usados ​​por pessoas de sangue nobre. Para evitar um visual desleixado, não é costume que os membros da realeza usem tecidos que amassem facilmente. Em vez disso, eles preferem roupas de tweed, lã e outros materiais semelhantes. Seja como for, Kate Middleton, conhecida por quebrar o rígido código de vestimenta real, apareceu em 2021 usando um vestido luxuoso feito de cetim e chiffon. A peça esvoaçante na cor de pérola apenas destacou a silhueta esguia da duquesa.

Roupa preta

Os membros da realeza podem aparecer em público usando a cor preta apenas em situações de luto. Em todos os outros casos, eles usam roupas de cores vibrantes, o que lhes permite sempre se destacar na multidão.

Sandálias sem salto

Os calçados de sola plana são usados com menos frequência em relação aos de salto alto, com os quais Kate Middleton geralmente aparece em público. Em raras ocasiões, a duquesa usa tênis branco, botas ou espadrille.

Esmalte colorido

Unhas de cores vibrantes são proibidas entre os membros da realeza, pois a rainha as considera vulgares. E embora outras mulheres da realeza sejam permitidas a pintar as unhas em cores neutras e quase imperceptíveis, a própria rainha Elizabeth usa o mesmo tom rosa-claro nas unhas há mais de 30 anos.

Peças de peles verdadeiras

Apesar de todo o amor da rainha e de sua família por peças com peles, recentemente Elizabeth II se recusou oficialmente a usar roupas de origem animal. Hoje, a rainha é apoiada por outros membros da realeza que, devido aos constantes lembretes de ativistas, têm de procurar um substituto digno para os materiais naturais.

Vestidos sem mangas

Vestidos com decotes pronunciados não são bem-vistos pela família real e devem ser substituídos por modelos mais fechados. No entanto, existe mais uma regra não escrita: vestidos sem as mangas também não são bem-vindos — sem elas, o visual fica incompleto.

Quais regras de código de vestimenta real te surpreenderam mais? Conte para a gente na seção de comentários.

Compartilhar este artigo